-  

“Perdi completamente a expectativa na regeneração do Bolsonaro”, diz Tasso Jereissati

O senador Tasso Jereissati (PSDB) passou a defender o impeachment do presidente Jair Bolsonaro nesta quarta (30). “Perdi completamente a expectativa na regeneração do Bolsonaro. Tenho dúvida até sobre seu equilíbrio mental”, disse. “O problema dele é médico, é psiquiátrico, não é um problema político”, acrescentou em entrevista ao Manhattan Connection.

Foto: Moreira Mariz/Agência Senado
  -  

Senador Tasso Jereissati recebe primeira dose da vacina contra a Covid-19

O senador cearense Tasso Jereissati (PSDB) recebeu, nesta quinta-feira (25), a primeira dose da vacina contra a Covid-19. Aos 72 anos, o tucano pertence ao segundo grupo prioritário para receber o imunizante. “A vacina significa que não devemos desanimar, que podemos confiar na ciência e que vamos atravessar esse momento difícil”, disse o parlamentar.

Foto: Divulgação
  -  

“Abriu-se uma avenida para o centro (político)” com elegibilidade de Lula, diz Tasso

O senador Tasso Jereissati (PSDB-CE) disse considerar, em entrevista à CNN Brasil, que a volta dos direitos políticos de Lula “abriu uma avenida para o centro (político)” por causa da polarização simbolizada pelo petista e por Jair Bolsonaro. “Que possamos construir uma candidatura ao redor de um programa nem de direita nem de esquerda”, defendeu.

  -  

“Gostaria até que o Lula concorresse”, diz Tasso sobre disputa presidencial em 2022

O senador Tasso Jereissati (PSDB), tucano da ala mais tradicional, declarou ser favorável “até” a candidatura do ex-presidente Lula em 2022. “Gostaria até que o Lula concorresse. No momento que nós vivemos, precisamos de uma grande lição de democracia na próxima eleição. Defendo que todas as correntes ideológicas participem”, disse ao El País.

  -  

Para Tasso, CPI contra Bolsonaro pode ser teste de ‘independência’ do presidente do Senado

Um dos autores do pedido de uma investigação sobre a conduta de Jair Bolsonaro na pandemia, o senador cearense Tasso Jereissati (PSDB) diz que a pauta foi engavetada pelo presidente Rodrigo Pacheco (DEM). “Esse vai ser o grande teste do Rodrigo, se é realmente independente como diz ou se para ganhar se comprometeu até à alma com Bolsonaro”, diz em entrevista ao Estado de S. Paulo.

Foto: Moreira Mariz/Agência Senado
  -  

Após aglomerações em visita de Bolsonaro ao Ceará, Tasso quer instalação da CPI da Covid-19 no Senado

O senador Tasso Jereissati (PSDB) disse ao jornalista Gerson Camarotti (G1) que cobrará do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), a instalação da CPI da Covid-19 no Senado. “Bolsonaro cometeu crime de responsabilidade ao mandar as pessoas à morte, estimulando aglomeração”, disse, após visita do presidente ao Ceará. Ao todo, 30 senadores assinaram o requerimento da CPI.

Foto: Moreira Mariz/Agência Senado
  -  

Senado aprova empréstimo de US$ 38 milhões para Programa de Infraestrutura Urbana de Iguatu

O Senado autorizou, nesta quarta-feira (24), contratação de empréstimo de US$ 38 milhões (cerca de R$ 206 milhões) entre Iguatu e a Corporação Andina de Fomento. Cid Gomes (PDT) foi o relator da mensagem. Já Tasso Jereissati (PSDB) ressaltou que o valor será destinado a “obras de construção e requalificação de unidades básicas de saúde“, além de outras intervenções.

Foto: Agência Senado
  -  

Tasso defende urgência de projeto para compra de vacinas por estados, municípios e iniciativa privada

O senador Tasso Jereissati (PSDB) pediu urgência na votação de proposta que permite a compra de vacinas contra a covid-19 por estados, municípios e iniciativa privada. As doses, no entanto, só poderiam ser comercializadas após a vacinação dos grupos prioritários. “Não existe nada mais urgente neste País do que essa questão de vacina”, disse Tasso.

  -  

Tucano reconhece “identidade” com pauta econômica, mas bate forte no Governo Bolsonaro

O senador Tasso Jereissati (PSDB) reconheceu “identidade muito grande” do partido com o Governo Federal “na pauta econômica mais liberal”, mas voltou a fazer fortes críticas a Bolsonaro, na política externa, na “tendência ao autoritarismo” e na condução da pandemia. “É um desastre que chega a ser quase criminoso“, disse. “Beira a irresponsabilidade total”.

Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado
  -  

Tasso defende união de centro-direita e centro-esquerda para derrotar Bolsonaro

Na mesma entrevista, Tasso Jereissati defendeu que o “candidato ideal” para 2022 precisa de “capacidade de unir desde o centro mais à direita até o mais à esquerda”, para acabar com a “polarização”. O “nós e eles”, feito pelo PT,  levou eleitores do PSDB para a extrema direitaque criou Bolsonaro”, disse ele, ao apontar Dória e Eduardo Leite como nomes da sigla.

Foto: Geraldo Magela/Agência Senado
  -  

Partidos foram “triturados” nas eleições no Senado e na Câmara, diz Tasso Jereissati

O senador Tasso Jereissati (PSDB) criticou a condução das negociações para as eleições no comando do Senado e da Câmara. “Houve uma manipulação profunda que dizimou a unidade dos partidos”, disse Tasso em entrevista ao O Globo. “O DEM rachou, PSDB trincou, PSD teve problemas”, afirmou. Segundo Tasso, “todos os partidos foram triturados ou tratorados” no processo.

Foto: Moreira Mariz/Agência Senado
  -  

Tasso pede respostas objetivas a Pazuello: “brasileiros estão perdidos”

O senador Tasso Jereissati (PSDB) pediu respostas objetivas ao ministro Eduardo Pazuello (Saúde), nas ações de combate à pandemia no País. Pazuello participou dos debates temáticos no Senado nesta quinta (11). “Os brasileiros estão perdidos, apavorados, em pânico”, disse o parlamentar. “É preciso reconhecer os erros do passado”, afirmou.

Foto: Moreira Mariz/Agência Senado
  -  

Ao reafirmar apoio, Tasso compara Tebet à presidente da Câmara dos EUA: ‘será a nossa Nancy Pelosi’

O senador Tasso Jereissati (PSDB) comparou, nas redes sociais, a presidente da Câmara dos EUA, Nancy Pelosi, com a senadora Simone Tebet (MDB-MS), candidata à Presidência do Senado. “Mulher, corajosa e independente, Simone Tebet será a nossa Nancy Pelosi”, escreveu. Ele também classificou a posse de Joe Biden nos EUA como “vitória da democracia”.

  -  

“Precisa ser uma pessoa extremamente independente”, afirma Tasso Jereissati sobre novo presidente do Senado

“Precisa ser uma pessoa extremamente independente para dar a força e a credibilidade que a instituição Congresso Nacional precisa ter. Ao mesmo tempo, precisa promover um diálogo com o governo federal para que o País não pare, mas sem perder a autonomia e independência”.

Senador Tasso Jereissati (PSDB), sobre a eleição para presidência do Senado Federal.

Foto: Agência Senado
  -  

Tasso Jereissati e Eduardo Girão assinam nota em defesa da não reeleição de presidentes da Câmara e do Senado

Dois dos três senadores cearenses – Tasso Jereissati (PSDB) e Eduardo Girão (Podemos) – são signatários de nota de congressistas em reação às movimentações de Rodrigo Maia (DEM-RJ) e Davi Alcolumbre (DEM-AP) visando reeleição. A nota diz que “a Constituição é clara” e sustenta que “não há espaço para reeleição dos presidentes das casas do Congresso Nacional na mesma legislatura”.

  -  

CoronaVac: “É absolutamente inaceitável”, diz Tasso Jereissati sobre declarações de Bolsonaro

O senador Tasso Jereissati (PSDB) disse ser “absolutamente inaceitável por parte da presidência da República” declaração do presidente Jair Bolsonaro de que se saiu “vencedor por uma suposição que uma vacina (salvadora de vidas) fracassou e uma pessoa supostamente morreu”. “Nunca esperei ver nada parecido no Brasil! O Senado não pode se omitir“.

Foto: Agência Senado
  -  

Tasso Jereissati propõe criação de benefício infantil com foco na primeira infância

O sen. Tasso Jereissati (PSDB) apresentou uma PEC que prevê a criação do Benefício Universal Infantil – um programa para atender famílias com crianças de até 14 anos -, mais especificamente aquelas com idade de zero a seis anos. O texto permite a integração parcial ou total com outros programas e teria verba oriunda da revisão de benefícios fiscais.

Foto: Agência Senado
  -  

“Tenho uma longa ligação histórica com toda a família Ferreira Gomes”, diz Tasso, em apoio a Ivo Gomes

“Tenho uma longa ligação histórica com toda a família Ferreira Gomes, a começar pelo Dr. José Euclides, por quem eu tinha um grande respeito e admiração”.

Disse o senador Tasso Jereissati (PSDB), ao declarar apoio à campanha de Ivo Gomes (PDT) em Sobral. Em vídeo exibido no evento, ele afirmou que o respeito e a admiração pelo patriarca da família se estende aos filhos.

Foto: Reprodução
  -  

Com presenças de autoridades, PDT oficializa candidatura de Ivo Gomes em Sobral

O PDT oficializou, nesta sexta-feira (11), a candidatura do prefeito Ivo Gomes e da vice-prefeita Christianne Coelho (PT) à reeleição em Sobral, num evento híbrido que contou com a presença de autoridades – virtual e presencialmente. Entre os que declararam apoio a Ivo, estão o senador Tasso Jereissati (PSDB), o governador Camilo Santana (PT), além do irmãos Cid e Ciro Gomes (PDT).

  -  

Capitão Wagner busca apoio de outros partidos para eleição em Fortaleza e vai atrás de PSDB

O deputado Capitão Wagner (Pros) intensifica as conversas com lideranças de outros partidos, para fechar novas alianças e ganhar musculatura na disputa pela Prefeitura de Fortaleza. Nesta semana, ele diz que deve dialogar com o senador Tasso Jereissati, que comanda o PSDB no Ceará. A sigla tucana ainda não definiu os rumo na Capital.

Foto: Fabiane de Paula