“Maior aprovação popular do Brasil”, diz Cid Gomes sobre gestão Camilo

A parceria forte entre o senador Cid Gomes (PDT) e o governador Camilo Santana (PT) foi demonstrada agora a pouco, no Senado, por ocasião da aprovação de empréstimos internacionais ao Ceará. “Tem a gestão com maior aprovação popular do brasil. Os índices superam os 80%”, disse Cid, sobre o governo do seu sucessor.

“Vai descansar na Serra da Meruoca”, diz Tasso sobre licença de Cid em tom de brincadeira

O plenário do Senado está lotado de cearenses nesta tarde/noite. Além de Tasso, Cid e Girão, o governador Camilo Santana, o prefeito Roberto Cláudio e o presidente da Assembleia, José Sarto, acompanham a posse do suplente Prisco Bezerra. Sobre a licença do colega, Tasso brincou: “Vai descansar no alto da montanha, na Serra da Meruoca”. Cid e Camilo riram.

Foto: Kid Junior

Eduardo Girão propõe audiência pública sobre inspeção predial no Senado

Após o desabamento do Edifício Andrea, em setembro, o senador Eduardo Girão (Podemos) propõe realização de audiência sobre inspeção predial no Senado. Um dos objetivos é discutir a possibilidade de criação de uma linha de crédito na Caixa Econômica para realização de reformas, proposta que vem sendo defendida por vereadores de Fortaleza. O requerimento tramita nas comissões do Senado.

Foto: Pedro França/Agência Senado

Senadores cearenses assinam carta a favor da prisão em segunda instância

Os senadores cearenses Tasso Jereissati (PSDB) e Eduardo Girão (Podemos) são signatários de carta a favor da prisão após condenação em segunda instância. Quem coleta assinaturas é o senador Lasier Martins (Podemos-RS). O texto será entregue ao presidente do STF, Dias Toffoli, e ao PGR, Augusto Aras, às vésperas da retomada do julgamento do Supremo que pode mudar o entendimento da Justiça sobre prisão em segunda instância.

Decisão da Câmara sobre critérios da cessão onerosa contrariou acordo de governadores, diz Camilo

“Esperamos que o Senado possa ainda fazer essa discussão. Pela manhã, eu participei de uma reunião com os 27 governadores. Saiu uma carta, que dizia que a distribuição seria de 15% para os estados, via regra do FPE”

Camilo Santana (PT), ao dizer que foi surpreendido pela decisão da Câmara sobre os critérios de distribuição de recursos do pré-sal.

 

Foto: Pedro França/Agência Senado

Senado fará sessão especial pelo centenário do Fortaleza Esporte Clube

O Senado Federal promove sessão especial, na quinta (17), para homenagear o centenário do Fortaleza Esporte Clube, campeão brasileiro da Série B no ano passado. A comemoração, solicitada pelo senador Eduardo Girão (Pode), será realizada no Plenário da Casa. Girão foi presidente do clube no acesso à Série B em 2017.

PEC Paralela da Previdência entra em discussão na CCJ na próxima semana

A Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) do Senado vai realizar, na próxima quarta (16), audiência pública para debater a PEC paralela da Previdência. O texto, que tem como relator o senador Tasso Jereissati (PSDB), define a inclusão de estados e municípios nas novas regras da Previdência Social.

Foto: Natinho Rodrigues

Deputados da base surpreendem o Palácio Abolição ao dificultar divisão do recurso de emendas

Na querela sobre o envio das emendas de bancada ao Orçamento Federal, alguns nomes da base governista surpreenderam o Palácio da Abolição ao colocarem-se contra a divisão com o Estado do valor de R$ 248 milhões: Idilvan Alencar (PDT), que se absteve, Zé Airton (PT) e AJ Albuquerque (PP), que foram contra. Articulação ainda está em curso.

Foto: José Leomar

Deputado cearense aponta ‘jabuti’ que reduz tributação dos bancos na reforma tributária

O deputado federal cearense Mauro Filho (PDT) denomina de “jabuti” um dos pontos da Reforma Tributária que está prestes a serem discutida na Câmara e no Senado. Trata-se de um ponto que reduz a tributação dos bancos, retirando a incidência de PIS e Cofins. Ele fará um pronunciamento sobre o assunto amanhã no plenário da Câmara.

Foto: Divulgação

Em meio à briga no Congresso, governadores voltam a se reunir em Brasília por pauta econômica

Em meio a disputa pela divisão dos royalties do pré-sal no Congresso, os governadores dos 27 estados se reúnem na próxima terça (8), no VII Fórum Nacional dos Governadores para debater pautas de interesse estaduais como o Pacto Federativo, além das reformas tributária e da Previdência. Os gestores estão em rota de colisão com deputados federais.