-  

Decisão no TSE determina novas eleições no município de Pedra Branca

A Justiça Eleitoral indeferiu a candidatura do prefeito de Pedra Branca, Gois Monteiro (PSD), e a cidade passará por novas eleições. O recurso do prefeito foi negado no TSE. Ele esteve inelegível por ter renunciado ao cargo de prefeito em 2019 após ser alvo de denúncia, na Câmara, por prática de crimes de responsabilidade envolvendo fraudes em licitações.

  -  

Seis cidades do Ceará ainda estão sob gestão de presidentes das Câmaras Municipais

Em seis cidades do Ceará, os presidentes das Câmaras Municipais ainda estão à frente das prefeituras enquanto os prefeitos eleitos resolvem pendências com a Justiça. É o caso de Barreira, Missão Velha, Pedra Branca, Jaguaruana, Martinópole e Caridade – nesta última, o TSE determinou eleição suplementar, mas a data só pode ser definida após o trânsito em julgado do processo.

Foto: Cid Barbosa
  -  

Presidentes de câmaras municipais assumem prefeituras no interior; eleitos têm pendências na Justiça

Em pelo menos seis municípios cearenses os prefeitos eleitos não assumiram os cargos, porque têm ainda pendências na Justiça Eleitoral. Martinópole, Missão Velha e Pedra Branca estão entre eles. Por isso, os presidentes das câmaras municipais – Betão Souza (PP), Dona Nazinha (MDB) e Rogério Curdulino (SD), respectivamente – assumiram o Executivo interinamente.

Foto: Cid Barbosa
  -  

Vídeo mostra momento em que vereador de Pedra Branca avança em colega de partido, na Câmara

Uma discussão entre os vereadores Célio Lopes (SD) e Franzé (SD), na manhã desta sexta (20), na Câmara Municipal de Pedra Branca, quase terminou em agressão física. Enquanto o primeiro discursava, o segundo partiu para a agressão física, mas colegas do legislativo o seguraram. A sessão foi suspensa e só deve retornar na próxima semana. Veja o vídeo: