Foto: Fabiane de Paula

Ex-deputado cearense atua em núcleo tucano que faz proposta para o Pacto Federativo

Quem deu uma passadinha rápida pela reunião de ontem (8) da bancada federal cearense foi o ex-deputado Raimundo Gomes de Matos. Ele está atuando em um grupo de parlamentares do PSDB nas modificações do Pacto Federativo. O ex-deputado cearense chegou a ser nomeado para cargo no governo federal, mas saiu em maio e aguarda recolocação.

Foto: Divulgação

Governadores se reúnem pelo Pacto Federativo e por mais recursos aos Estados

Chefes do Executivo dos Estados brasileiros, entre eles o governador Camilo Santana, estão reunidos, hoje (8), em Brasília, no 7° Fórum dos Governadores. Na reunião, os líderes estaduais vão debater o Pacto Federativo, reforma tributária e Fundeb, pautas que garantem mais recursos aos Estados. A cessão onerosa do pré-sal também é tema dos debates.

Foto: Divulgação

Em meio à briga no Congresso, governadores voltam a se reunir em Brasília por pauta econômica

Em meio a disputa pela divisão dos royalties do pré-sal no Congresso, os governadores dos 27 estados se reúnem na próxima terça (8), no VII Fórum Nacional dos Governadores para debater pautas de interesse estaduais como o Pacto Federativo, além das reformas tributária e da Previdência. Os gestores estão em rota de colisão com deputados federais.

Cearense preside comissão que discute emendas parlamentares a estados e municípios

O deputado cearense Eduardo Bismarck (PDT) vai presidir a comissão especial da PEC 48/19, que permite transferência direta de recursos para estados e municípios, das emendas parlamentares ao Orçamento da União, sem passar pela Caixa Econômica. A proposta faz parte do Pacto Federativo e já foi aprovada pelo Senado. O relator é Aécio Neves (PSDB).

Cearense coordena Frente Parlamentar do Novo Pacto Federativo e terá reunião com Paulo Guedes

O deputado cearense Eduardo Bismarck (PDT) vai se reunir com o ministro da Economia, Paulo Guedes, na próxima terça (27), para discutir saídas para a distribuição de recursos para estados e municípios. O parlamentar defende a destinação de recursos do pré-sal. Bismarck é o coordenador da frente parlamentar do novo Pacto Federativo no Congresso.

Guedes vai ao Senado discutir propostas para o pacto federativo

O ministro da Economia, Paulo Guedes, encerrou, agora a pouco, uma reunião com Simone Tebet (MDB), presidente da Comissão de Constituição e Justiça do Senado (CCJ), e Tasso Jereissati (PSDB) relator da reforma da Previdência. Guedes vai ao Senado, dia 20, discutir propostas para modificar o Pacto Federativo, contrapartida para aprovar a reforma.