Foto: Camila Lima

Reforma tributária: PDT quer propor ‘imposto digital’

No âmbito das discussões da reforma tributária no Congresso Nacional, a bancada pedetista deve apresentar proposta de criação de um imposto que taxe grandes serviços digitais internacionais. O secretário de Planejamento do Estado e deputado federal licenciado, Mauro Filho, cita que outros países, como a França, já aprovaram a criação do chamado “digital tax”.

Oposição valida CPI da Lava Jato; instalação depende de Rodrigo Maia

Deputados de oposição na Câmara, entre eles o cearense André Figueiredo (PDT), conseguiram validar, com 175 assinaturas, um pedido de CPI da Lava Jato para analisar supostas irregularidades na conduta de procuradores e do juiz Sérgio Moro na operação. A CPI, entretanto, depende da assinatura do presidente da Casa, Rodrigo Maia, para ser instalada.

Câmara valida pedido de CPI da Lava Jato; 13 cearenses assinam o documento

Na sexta (13), a Mesa Diretora da Câmara, validou um pedido de CPI da Lava Jato, que teve 175 assinaturas. Veja os 13 cearenses que assinaram: André Figueiredo, Anibal Gomes, Denis Bezerra, Domingos Neto, Eduardo Bismarck, Idilvan Alencar, José Airton, José Guimarães, Júnior Mano, Leônidas Cristino, Luizianne Lins, Moses Rodrigues, Robério Monteiro.

Foto: Agência Senado

Tasso retoma texto original da reforma da Previdência para evitar questionamentos

O senador Tasso Jereissati (PSDB-CE), relator da reforma da Previdência, decidiu retomar o texto da Câmara dos Deputados em relação a duas mudanças que havia proposto para evitar interpretações de que há alterações de mérito no novo texto, o que acarretaria uma nova votação do texto na Câmara. Assim, as mudanças propostas pelo senador, em relatório, serão apresentadas na PEC paralela.

Cearense preside comissão que discute emendas parlamentares a estados e municípios

O deputado cearense Eduardo Bismarck (PDT) vai presidir a comissão especial da PEC 48/19, que permite transferência direta de recursos para estados e municípios, das emendas parlamentares ao Orçamento da União, sem passar pela Caixa Econômica. A proposta faz parte do Pacto Federativo e já foi aprovada pelo Senado. O relator é Aécio Neves (PSDB).

Bancada nordestina se reúne com presidente do Banco do Nordeste; cearenses participam

Os deputados cearenses Heitor Freire (PSL), Dr. Jaziel (PL), José Airton (PT) e Roberto Pessoa (PSDB) estiveram, nesta manhã (11), no encontro da bancada nordestina no Congresso com o presidente do Banco do Nordeste (BNB), Romildo Rolim. Foi a primeira reunião do ano na bancada. Romildo apresentou os resultados e a atuação da instituição na região.

Cearenses pretendem apresentar emendas à reforma tributária

Termina nesta quarta (11) o prazo para apresentação de emendas a uma das propostas da Reforma Tributária, que está sendo analisada na Câmara. Os deputados Pedro Bezerra (PTB) e André Figueiredo (PDT) devem apresentar sugestões à proposta. “Meu partido irá apresentar algumas emendas para que possamos discutir uma reforma justa para o Brasil”, diz André.

Foto: Waldemir Barreto/Agência Senado

Câmara pode votar nesta semana MP que facilita venda de bens apreendidos do tráfico

A Medida Provisória que facilita a venda de bens apreendidos do tráfico de drogas deve ser votada, no Plenário da Câmara dos Deputados, nesta semana. O deputado federal Capitão Wagner (Pros), relator da MP, sugere na proposta que as armas apreendidas do tráfico sejam destinadas, prioritariamente, para os órgãos de segurança ou as Forças Armadas.

Foto: Robério Monteiro - Acervo Câmara dos Deputados

Projeto de cearense pretende agilizar atividades da pesca

Tramita na Câmara dos Deputados em caráter conclusivo nas comissões, o PL 2367/19, de autoria do Robério Monteiro (PDT), que determina ao poder público federal autorizar um órgão estadual competente a conceder licença profissional para a pesca marinha. Segundo o autor, a ideia é descentralizar para os estados a concessão das licenças, a fim de agilizar as atividades do setor.

Foto: José Leomar

Mauro Filho pode voltar a Brasília para a reforma tributária; notícia agita os bastidores

Secretário de Planejamento, Mauro Filho se licenciou do mandato de deputado federal para assumir uma das principais pastas do governo Camilo, com a missão de apertar as contas. Mauro nem tirou o broche de deputado, mas já pode voltar a Brasília. Ele é um dos nomes do PDT para discutir a reforma tributária. “Ainda vou conversar com o governador”, diz.