-  

Após áudio vazado, Bruno Gonçalves volta à Assembleia e nega que negociação seja ilegal

O deputado Bruno Gonçalves (PL) apareceu hoje (20) no plenário da Assembleia depois de semanas “sumido”, após áudio vazado de uma suposta conversa dele com um pré-candidato a vereador sobre negociação envolvendo dinheiro para filiação dele ao seu partido. Questionado, Bruno disse que o recurso é do fundo partidário e a negociação é legal.

  -  

“Pedi o partido, mas parece que é difícil”, diz Dr. Jaziel após vazamento de áudio atribuído a deputado do PL

“Desconsidero o PL aqui como administração e não tenho nada a ver com o que acontece. Fomos a Brasília, pedi o partido, parece que é difícil. Vejo deputado federal assumindo partido. Quando fui eleito, fui lá e fui humilhado”

Dr. Jaziel (PL), deputado federal, após vazamento de áudio polêmico do deputado Bruno Gonçalves (PL) sobre eleições

Foto: Fabiane de Paula
  -  

MPCE abre investigação sobre supostos acordos financeiros em troca de apoio político em Fortaleza

O Ministério Público do Ceará informou, hoje, que abriu investigação para apurar declarações sobre supostos acordos financeiros em troca de apoio a candidaturas em Fortaleza, gravadas em diálogo atribuído ao pré-candidato a vereador Maninho Palhano e ao deputado estadual Bruno Gonçalves (PL). Segundo o MPCE, “os trabalhos estão em fase inicial. O caso encontra-se em sigilo”. O PontoPoder aguarda manifestação de Gonçalves.

Foto: MPCE
  -  

De olho na Eleição 2020, Bruno Gonçalves transfere título de eleitor para Aquiraz

O deputado licenciado Bruno Gonçalves (Patriota) aproveitou a inauguração da sede do PL em Aquiraz, partido presidido pelo pai, Acilon Gonçalves, nesta quinta (22), para transferir o título de eleitor para lá. Bruno quer disputar a Prefeitura de Aquiraz ano que vem. O atual prefeito é Edson Sá (MDB). Os partidos estão se mexendo de olho na Eleição 2020.

  -  

Empresário “Gordim Araújo” assume a vaga do deputado Bruno Gonçalves na AL

Mais um suplente assume a cadeira de deputado na Assembleia, nesta quarta (14). Com a licença do deputado, Bruno Gonçalves (Patriota), que se afasta por 120 dias para tratar de “assunto particular”, no seu lugar, entra “Gordim Araújo” (Patriota). Ele é empresário do setor imobiliário, representa Itapipoca e Amontada e obteve mais de 22 mil votos na região. Já se licenciaram Soldado Noelio (Pros), Bruno Pedrosa (PP), Leonardo Araujo (MDB) e, recentemente, Agenor Neto (MDB).