-  

Com plenário esvaziado, sessão da Assembleia Legislativa não tem pauta de votação

Com o plenário esvaziado, apesar do telão registrar 25 deputados presentes ‘fisicamente’, a sessão da Assembleia desta quinta-feira (8) foi mais uma vez morna, sem ter sequer votação prevista na pauta. No expediente, há apenas a leitura de projetos do Executivo e de deputados.

Foto: Nilton Cezar
  -  

“Os deputados tem estado presentes na plataforma virtual. Não há prejuízo”, diz Sarto sobre esvaziamento de sessões

Apesar do esvaziamento visto nas últimas sessões da Assembleia, o presidente da Casa, Sarto Nogueira (PDT), disse que não há prejuízo aos trabalhos por causa do modelo híbrido de participação: “Tem tanto gente no gabinete, como em casa. Os deputados tem estado presentes na plataforma virtual, nas discussões nas comissões e nas sessões”

  -  

Assembleia aprova aumento de repasse do ICMS para prefeituras que atingirem metas na Saúde

Os deputados estaduais aprovaram, nesta quinta (1º), projeto de lei do Governo do Estado que aumenta de 5% para 15% o repasse do ICMS para as prefeituras que melhorarem os índices da Saúde. O montante a ser distribuído aos municípios cearenses deve subir de R$175 milhões para R$525 milhões. Os critérios de repasse ainda serão definidos pelo Estado.

Foto: Fabiane de Paula
  -  

Candidata à Prefeitura de Tauá, Patrícia Aguiar se licencia da Assembleia

A Assembleia aprovou, nesta quinta (1º), a licença da deputada Patrícia Aguiar (PSD) por 45 dias, para “tratar assuntos particulares”. Por ser um tempo curto, nenhum suplente assume a vaga dela. Patrícia é candidata à Prefeitura de Tauá e vai se concentrar na campanha. Também se licenciaram Vitor Valim (Pros) e Júlio César Filho (Cidadania).

Foto: José Leomar
  -  

Sessões na Assembleia cada vez mais esvaziadas em meio às eleições

Mais uma vez, a sessão esvaziada na Assembleia. Nesta quinta (1º), poucos deputados usam a tribuna. Basicamente, os mesmos parlamentares que discursaram, na semana passada, se pronunciam. No painel, 14 deputados marcam presença, mas nem 10 são vistos. Remotamente, oscila entre cinco e oito parlamentares presentes. Cenário é reflexo das eleições.

  -  

Chega à AL projeto que aumenta repasse de ICMS para municípios com melhores índices de Saúde

Já está na Assembleia projeto de lei do Governo do Estado que muda as regras de distribuição do ICMS para os municípios cearenses. A principal alteração aumenta de 5% para 15% o repasse da verba para as prefeituras que melhorarem os índices de Saúde. O percentual de repasse para as cidades que alcançarem bons resultados na Educação permanece em 18%.

Foto: José Leomar
  -  

Suspensão de André Fernandes da Assembleia termina na próxima semana e ele retomará o mandato

A suspensão de 30 dias do deputado André Fernandes (Republicanos) da Assembleia Legislativa termina na próxima semana e ele poderá voltar às discussões e votações. O parlamentar foi processado por quebra de decoro por acusar um deputado de integrar facção criminosa. Resta saber se André continuará atendendo na calçada da Assembleia, ainda que não tenha sido proibido o acesso dele ao gabinete.

Foto: Fabiane Paula
  -  

Plenário da Assembleia já começa a esvaziar em meio à corrida eleitoral nos municípios

A pouco mais de uma semana da campanha eleitoral, o plenário da Assembleia está esvaziado hoje (17). Dos 46 deputados estaduais, só 13 estão presentes. E as sessões ocorrem somente nas quintas. Nos bastidores, os parlamentares reconhecem que a tendência é de esvaziamento. 12 deputados são candidatos à Prefeitura e outros vão se envolver na campanha para eleger seus aliados.

  -  

Candidatura de José Sarto à Prefeitura de Fortaleza abre discussão para sucessão à Presidência da Assembleia

O agora pré-candidato do PDT à Prefeitura de Fortaleza e deputado estadual, José Sarto, segue na presidência da Assembleia Legislativa normalmente. Somente no caso de ser eleito na disputa municipal é que tem até 31 de dezembro deste ano para renunciar ao cargo no Legislativo. A pré-candidatura de Sarto, porém, já abre discussão para a sucessão no comando da Casa.

Foto: Fabiane de Paula
  -  

Comissão de Orçamento da Assembleia Legislativa aprova contas do governador de 2019

A Comissão de Orçamento da Assembleia Legislativa aprovou, nesta quarta (26), as contas do governador Camilo Santana (PT) referentes ao ano de 2019. O Tribunal de Contas do Estado (TCE) havia recomendado a aprovação das contas, mas fez 51 ressalvas. As contas serão votadas agora em plenário pelos deputados estaduais.