-  

Proposta de extinção de municípios divide opinião dos cearenses

A proposta do governo de extinguir municípios sem capacidade financeira mal chegou ao Congresso e já tem dividido a opinião da bancada cearense. O deputado Roberto Pessoa (PSDB) criticou a medida e saiu em defesa dos municípios, enquanto que Dr. Jaziel (PL) alegou que alguns municípios pequenos “criam um peso para o país”.

  -  

Bancada federal cearense manifesta apoio ao governador na pandemia e repudia ameaças de morte

O coordenador da bancada federal cearense, deputado Genecias Noronha (SD), divulgou manifesto repudiando ameaças de morte ao governador Camilo Santana (PT), após a adoção de medidas restritivas na pandemia. A bancada diz que Camilo age tentando preservar vidas e presta apoio ao governador na condução da crise, além de cobrar a responsabilização dos autores pelos atos.

Foto: Natinho Rodrigues
  -  

Pleiteando repasse de R$ 600, deputados cearenses rejeitam auxílio de R$ 375 do Governo Federal

Justificando serem a favor do benefício de R$ 600 – e não de até R$ 375, como proposto pelo Governo Federal – seis dos 22 deputados do Ceará votaram contra a PEC 186. São eles: José Guimarães (PT), Denis Bezerra (PSB), Leônidas Cristino (PDT), André Figueiredo (PT), José Airton (PT) e Idilvan Alencar (PDT). Gorete Pereira (PL) e Moses Rodrigues (MDB) não votaram.

Foto: Maryanna Oliveira/Câmara dos Deputados
  -  

Deputados destinam emendas para a Saúde e atendem pedido do governador, diz Danilo Forte

Após discussão na Câmara, a bancada cearense atendeu ao pedido do governador Camilo Santana (PT), e destinou cerca de 90% da emenda parlamentar para custeio da Saúde no Ceará.  A informação é do deputado Danilo Forte (PSDB). Mais de R$ 100 milhões serão de administração direta do governo. Há também a verba enviada diretamente para as prefeituras.

  -  

Ao defender Reforma Tributária, Ciro Gomes afirma que País vive “pior hora” e que o debate é “inadiável”

Pré-candidato à presidência, Ciro Gomes (PDT) afirmou que o Brasil vive “pior hora, sob o ponto de vista fiscal”. Por isso, defendeu como “inadiável” a Reforma Tributária. A fala ocorreu durante debate da CDL Fortaleza nesta quinta (29). Ele afirmou ainda que os projetos em tramitação no Congresso não dão conta de todos os aspectos necessários à reforma.

Foto: Reprodução
  -  

Partidos foram “triturados” nas eleições no Senado e na Câmara, diz Tasso Jereissati

O senador Tasso Jereissati (PSDB) criticou a condução das negociações para as eleições no comando do Senado e da Câmara. “Houve uma manipulação profunda que dizimou a unidade dos partidos”, disse Tasso em entrevista ao O Globo. “O DEM rachou, PSDB trincou, PSD teve problemas”, afirmou. Segundo Tasso, “todos os partidos foram triturados ou tratorados” no processo.

Foto: Moreira Mariz/Agência Senado
  -  

Eduardo Girão assina requerimento por suspensão do recesso parlamentar no Congresso

O senador Eduardo Girão (Podemos) assinou requerimento que suspende o recesso no Congresso. A movimentação do parlamento é no sentido de atuar diante da crise da covid-19. Até esta sexta (15), Girão havia sido o único senador cearense a assinar. Além dele, assinaram os deputados Célio Studart (PV), Denis Bezerra (PSB) e Eduardo Bismarck (PDT).

Foto: Waldemir Barreto/Agência Senado
  -  

Apenas 5 parlamentares federais participaram de reunião com Sistema S

Apenas cinco dos 22 deputados federais cearenses estiveram em reunião com o Sistema S nesta segunda-feira (18). O objetivo da reunião era apresentar ações e impactos sociais das instituições a bancada federal cearense, contudo só Heitor Freire (PSL), José Airton (PT), André Figueiredo (PDT), Leônidas Cristino (PDT) e Roberto Pessoa (PSDB) foram no encontro.

  -  

Deputados cearenses marcam reunião em Brasília para discutir disputa territorial CE-PI

Deputados estaduais e a bancada federal cearense marcaram uma reunião em Brasília, no próximo dia 13. A pauta: disputa de territórios entre Ceará e Piauí. A deputada Augusta Brito (PCdoB) articula a reunião. Ela vai tentar uma audiência dos parlamentares com a ministra do STF Carmen Lúcia e o Exército, que determinou uma perícia nas áreas de litígio.

  -  

Na retomada da agenda política, Camilo Santana recebe deputados federais; estaduais estão na fila

Depois do desabamento do Edifício Andrea, o governador Camilo Santana (PT) retomou a agenda política. Após o acordo para a divisão dos valores das emendas de bancada, ele recebeu deputados federais da base aliada. Na Assembleia, deputados também esperam ser recebidos no Palácio da Abolição.

  -  

Deputado federal cearense compara situação de Lula com a de Daniel Silveira

A decisão do ministro Edson Fachin de anular as condenações do ex-presidente Lula foi criticada pelo deputado Dr. Jaziel (PL). “Que vergonha”, disse. Jaziel comparou a situação do petista com a do deputado preso por ameaças ao STF. “Daniel Silveira continua preso e o agora Lula, o maior bandido da historia desse país, está, além de solto, elegível”.

Foto: Fabiane de Paula
  -  

Com críticas e recusa a emendas, Dr. Jaziel e Silvana têm se afastado do governador

A relação dos deputados Dr. Jaziel e Dra. Silvana, ambos do PL, com o Governo do Estado está estremecida. Publicamente, o Palácio da Abolição considera os dois da base aliada, mas a aliança é instável. Evangélicos e bolsonaristas, eles têm criticado o governador por decisões na pandemia e questões ideológicas. Jaziel não enviou emendas para o Governo.

Foto: José Leomar
  -  

“É vontade do ministro sobrevoar a obra com presidente”, diz deputado aliado de Bolsonaro

Na visita ao Ceará prevista para 26 de junho, Jair Bolsonaro pode sobrevoar as obras da Transnordestina em Missão Velha, foi o que adiantou o min. da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, ao dep. Dr. Jaziel (PL), sobre a agenda a ser cumprida na inauguração da transposição do São Francisco, em Jati. A programação oficial ainda não foi divulgada.

Foto: Reprodução
  -  

Fórum pela Democracia: Camilo debate com Fernando Henrique e outras lideranças nas redes sociais

Crítico do presidente Jair Bolsonaro, o governador do Ceará, Camilo Santana (PT), integra discussão, na tarde deste sábado (6), com líderes políticos nacionais, como o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, Flávio Dino e Nelson Jobim. O tema da discussão em live nas redes sociais é democracia e direitos.

Foto: Valter Campanato/Agência Brasil
  -  

Bancada nordestina se reúne com General Ramos

Cerca de 30 deputados federais se reuniram hoje pela manhã com o ministro da secretaria do Governo, Gal. Luiz Eduardo Ramos para avaliar o andamento do Plano de Desenvolvimento do Nordeste e cobrar a continuidade de obras inacabadas na região. Do Ceará, estiveram presentes Heitor Freire (PSL), Mauro Filho (PDT) e Roberto Pessoa (PSDB).

  -  

Em Brasília, Roberto Pessoa discute possível compra de vacina russa para Maracanaú

O prefeito de Maracanaú, Roberto Pessoa (PSDB), já está em Brasília para participar, nesta terça-feira (2), de reunião com o laboratório que representa a vacina russa Sputnik V no Brasil. “Quero fazer de tudo para que Maracanaú possa adquirir vacinas de forma direta“, disse o tucano. O governador Camilo Santana (PT)  e outros prefeitos também estarão em Brasília.

Foto: Fabiane de Paula
  -  

Prefeito de Maracanaú, Roberto Pessoa discute projeto com ministro da Ciência e Tecnologia

O prefeito de Maracanaú, Roberto Pessoa (PSDB), se reuniu nesta terça-feira (2) com o ministro da Ciência e Tecnologia, Marcos Pontes. No encontro, eles discutiram o projeto de Cidade Inteligente, que o tucano quer implementar em Maracanaú. Segundo Pessoa, a intenção é “melhorar a qualidade, desempenho e interatividade dos serviços urbanos”.

  -  

Prefeitura de Maracanaú irá solicitar diretamente ao Butantan vacinas contra Covid-19, diz Roberto Pessoa

Prefeito de Maracanaú, Roberto Pessoa (PSDB) afirmou, nesta sexta-feira (29), que irá solicitar ao Instituto Butantan o envio de vacinas ao município. Em dezembro, o tucano se reuniu com João Dória (PSDB) e assinou um termo de intenção para comprar doses da CoronaVac. “Temos pressa, vacinamos pouca gente, menos de 1% da população”, disse.

Foto: José Leomar
  -  

Após aprovarem título de cidadania a Bolsonaro, vereadores de Iguatu voltam atrás e querem revogar homenagem

Os vereadores de Iguatu aprovaram, na última terça(4), título de cidadania ao presidente Jair Bolsonaro. Contudo, menos de 24 horas depois, os parlamentares voltaram atrás e apresentaram novo decreto para revogar à homenagem. O motivo foi a repercussão negativa entre a população. A expectativa é que a revogação possa ser votada no início da semana.

Foto: Evaristo Sá/AFP
  -  

Consórcio de prefeituras brasileiras articula compra de vacina da chinesa Sinopharm contra Covid-19

Representantes do Consórcio Nacional de Vacinas das Cidades Brasileiras – Conectar, que reúne mais de 2 mil prefeituras, estiveram reunidos, nesta sexta (7), com o secretário-executivo do Ministério da Saúde, Rodrigo Cruz, para articular compra de vacinas da farmacêutica chinesa Sinopharm. A intenção é fechar uma aquisição conjunta de doses do imunizante.

  -  

Zezinho cogita trocar PDT pelo Progressistas para eleição de 2022, mas vai conversar com Cid e Ciro

O deputado licenciado da Assembleia, Zezinho Albuquerque, secretário das Cidades, confirmou que cogita sair do PDT para o Progressistas, de olho na eleição de 2022. Nos bastidores, os parlamentares dão como certa a mudança para a sigla comandada pelo filho, o deputado AJ, mas Zezinho é prudente. Diz que vai conversar com Cid e Ciro Gomes, líderes do PDT.

Foto: Helene Santos
  -  

Deputados cearenses aprovam compra e distribuição de cestas básicas pela Assembleia Legislativa

A AL-CE aprovou projeto que autoriza a Casa a adquirir e distribuir cestas básicas a famílias em situação de vulnerabilidade, durante estado de calamidade pública por causa da pandemia. “Permitirá que o Legislativo atue no combate à fome e garanta a segurança alimentar da população que mais precisa”, disse o presidente da AL, Evandro Leitão (PDT).

Foto: Fabiane de Paula
  -  

TRE-CE julga últimos recursos do prefeito de Viçosa do Ceará e confirma cassação do mandato

O imbróglio em torno da candidatura do prefeito de Viçosa do Ceará, José Firmino (MDB), e do vice, Dr. Marcelo (MDB), ganhou novo capítulo. O TRE-CE negou provimento aos embargos de declaração. Assim, esgotam-se os recursos em 2a instância. A cassação deve ser imediata. Firmino, que ainda não se pronunciou, poderá recorrer, fora do cargo, ao TSE.

Foto: Reprodução/Instagram
  -  

TRE-CE cassa prefeito e vice de Itaiçaba por desaprovação de contas

O Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE) cassou, nesta quinta-feira (6), os diplomas do prefeito eleito de Itaiçaba, Frank Gomes (PDT), e de seu vice, Nilsinho (PP). Frank Gomes teve as contas desaprovas pela Câmara Municipal quando foi gestor da cidade. Agora, a Corte entendeu que ele estava inelegível. Ainda cabe recurso.

  -  

Evandro Leitão planeja concurso da Assembleia para segundo semestre de 2021

Com a retomada dos trabalhos presenciais, o presidente da Assembleia Legislativa, Evandro Leitão (PDT), disse que a intenção é realizar o concurso no 2º semestre deste ano e que vai levar a proposta para discussão na Mesa Diretora. O concurso deveria ter ocorrido em 2020. Mais de 33 mil pessoas se inscreveram para o certame que oferecerá 100 vagas.

  -  

Assembleia Legislativa retoma sessões presenciais com plenário meio esvaziado

A Assembleia Legislativa retomou os trabalhos presenciais, nesta quinta-feira (6). As sessões continuarão híbridas, ou seja, virtuais e remotas. Apesar da volta, não tinham muitos deputados estaduais no plenário. Dos 46, no máximo 15 marcaram presença e se revezaram entre o plenário e os gabinetes. As sessões têm ocorrido uma vez por semana.

  -  

André Fernandes procurou presidente da AL para explicar acusação de nepotismo do MP

O deputado André Fernandes (Republicanos) procurou o presidente da Assembleia, Evandro Leitao (PDT), para explicar suspeita de nepotismo levantada pelo Ministério Público. Segundo Leitão, Fernandes disse que os familiares já tinham sido exonerados. O presidente ofereceu assessoria jurídica da Casa. Fernandes não compareceu à sessão nesta quinta (6).

  -  

Tasso quer Abin na CPI da Pandemia para explicar fala de Bolsonaro sobre “guerra química”

O senador Tasso Jereissati (PSDB) apresentou requerimento à CPI da Pandemia, nesta quinta (5), para que a Agência Brasileira de Inteligência esclareça a fala do presidente Jair Bolsonaro sobre “guerra química”, em relação à pandemia. Para o senador, a menção pode ser  “um boicote, uma injúria e uma calúnia contra o maior fornecedor de vacinas (China)”.