-  

Nezinho não deve acompanhar sessão no Conselho de Ética sobre quebra de decoro

O deputado Nezinho Farias (PDT) não vai acompanhar sessão no Conselho de Ética da AL-CE por quebra de decoro contra André Fernandes (PSL). A sessão será hoje (20), às 17h, quando será decidida a admissibilidade do processo. Para Nezinho, participar seria “antiético”. Até agora, apenas André teve acesso ao relatório do ouvidor Romeu Aldigueri (PDT).

  -  

Em 1ª sessão após suspensão do mandato, André Fernandes fala em “gabinete do ódio” contra ele

O deputado André Fernandes (Republicanos) voltou às sessões na Assembleia, após ser suspenso do mandato. Ele se uniu ao discurso de Cavalcante contra o deputado Heitor Freire, do PSL, partido ao qual estava filiado. Fernandes, que foi apontado por ter ligações com grupos de notícias produzidos contra adversários políticos, também acusou ter um “gabinete do ódio” contra ele.

  -  

Suspensão de André Fernandes da Assembleia termina na próxima semana e ele retomará o mandato

A suspensão de 30 dias do deputado André Fernandes (Republicanos) da Assembleia Legislativa termina na próxima semana e ele poderá voltar às discussões e votações. O parlamentar foi processado por quebra de decoro por acusar um deputado de integrar facção criminosa. Resta saber se André continuará atendendo na calçada da Assembleia, ainda que não tenha sido proibido o acesso dele ao gabinete.

Foto: Fabiane Paula
  -  

Suspenso, André Fernandes atende do lado de fora da Assembleia mesmo tendo acesso ao gabinete

Após ser suspenso do mandato por 30 dias, o deputado André Fernandes (Republicanos) está atendendo do lado de fora da Assembleia. Ele colocou uma mesa Av. Desembargador Moreira, segundo a assessoria, para receber a população. Mesmo suspenso, André pode acessar normalmente o gabinete e despachar de lá, só não tem direito a salário e VDP.

Foto: Fabiane de Paula
  -  

Relatora no Conselho de Ética faz defesa de punição a André Fernandes

“As condutas do dep. André Fernandes foram inadequadas e graves. (…) (A suspensão) é a decisão que melhor concilia o injusto e inaceitável constrangimento ao colega parlamentar (Nezinho) ao mesmo tempo que respeita a vontade popular e a inexperiência parlamentar do acusado”

Disse a dep. Augusta Brito (PCdoB), relatora do processo no Conselho de Ética.

Foto: Junior Pio
  -  

Osmar Baquit se defende de ataque de Leonardo Araújo e leva “pasta rosa” à tribuna

“É uma mentira deslavada que eu tenha dito que o deputado Domingos Filho vendia sentenças”

Disse o dep. Osmar Baquit (PDT), que pediu direito de resposta após ataques de Leonardo Araújo (MDB). Os dois são alvo de representação no Conselho de Ética por bate-boca. Baquit levou ao púlpito uma “pasta rosa” na qual disse haver documentos para “momento adequado”

  -  

“Impossível não recorrer ao Conselho de Ética para imprimir o respeito”, diz Patrícia Aguiar após ataques

“Quando passarmos a aceitar esse tipo de situação como norma, esse parlamento vai ganhar contornos gravíssimos, é preciso dar um limite”

Patrícia Aguiar (PSD) ao se defender das acusações do Leonardo Araújo (MDB) de corrupção contra ela, o presidente do PSD, Domingos Filho, e o dep. Domingos Neto. O grupo move ação contra Araújo na AL e na Justiça.

Foto: José Leomar
  -  

Nezinho Farias bateu o martelo e vai disputar Prefeitura de Horizonte pela 4ª vez

O deputado Nezinho Farias (PDT) bateu o martelo e vai concorrer à Prefeitura de Horizonte. A esposa dele, Jô Farias (PSB), era cotada para disputar o cargo. Nezinho já foi prefeito de Horizonte três vezes. O atual prefeito desistiu de tentar a reeleição, nem vai indicar aliado. Nezinho vai para a disputa com um vereador da cidade, apontado como terceira via.

  -  

Nezinho cogita disputar Prefeitura de Horizonte; atual prefeito desistiu de tentar reeleição e indicar aliado

O deputado Nezinho Farias (PDT) cogita disputar a Prefeitura de Horizonte, onde já foi prefeito três vezes. Até então apenas a sua esposa, Jô Farias (PSB), era cotada. O atual prefeito, Chico César, não vai tentar a reeleição, nem indicar um aliado para a disputa. Até agora pelo menos 10 deputados estaduais anunciaram pré-candidaturas a prefeito.

Foto: José Leomar
  -  

‘Se não tiver (suspensão), eu vou pedir tribuna de honra’, diz Nezinho sobre caso André Fernandes

Parte ofendida pelo deputado André Fernandes (PSL), o deputado Nezinho Farias (PDT) disse que irá “pedir tribuna de honra” caso o colega não seja suspenso por quebra de decoro. “Eu acho que no mínimo tem que ter uma suspensão. Se não tiver, se for só uma advertência, eu vou pedir tribuna de honra para não conceder”, declarou.

Foto: José Leomar
  -  

AL deve votar projeto que autoriza Estado a reorganizar metas do PPA para Segurança, Saneamento e outras áreas

A Assembleia Legislativa deve votar, nesta quinta-feira (22), projeto de lei enviado pelo governador Camilo Santana (PT) que autoriza o Poder Executivo a reorganizar metas previstas no Plano Plurianual (2020-2023) para Segurança Pública, Saneamento Básico e Assistência Social, além de outras áreas. Também estão na pauta outros projetos do Governo e de parlamentares.

Foto: Camila Lima
  -  

Com plenário esvaziado, sessão da Assembleia Legislativa não tem pauta de votação

Com o plenário esvaziado, apesar do telão registrar 25 deputados presentes ‘fisicamente’, a sessão da Assembleia desta quinta-feira (8) foi mais uma vez morna, sem ter sequer votação prevista na pauta. No expediente, há apenas a leitura de projetos do Executivo e de deputados.

Foto: Nilton Cezar
  -  

STF: Kassio Nunes tem “as digitais do Centrão”, afirma Eduardo Girão

O senador Eduardo Girão (Podemos) criticou a escolha do desembargador Kassio Nunes para o Supremo Tribunal Federal (STF). “Ao que tudo indica, tal indicação parece mesmo ter as digitais do Centrão”. O parlamentar disse que esperava que o indicado do presidente Jair Bolsonaro tivesse um perfil mais conservador. A indicação ao STF deve ser votada no Senado.

  -  

Em carta, médicos apresentam reivindicações a candidatos à Prefeitura de Fortaleza

Em carta aos prefeituráveis da Capital, o Sindicato dos Médicos do Ceará apresentou reivindicações da categoria aos candidatos, como a priorização da realização de concurso público e outras pautas. Foram convidados para evento na terça-feira (20) os quatro candidatos mais bem colocados nas pesquisas. Capitão Wagner (Pros) e Heitor Férrer (SD) compareceram e apresentaram propostas.

  -  

Geraldo Luciano e Marcos Holanda entram para a coordenação de campanha de Capitão Wagner

A coordenação de campanha de Capitão Wagner (Pros), que já tinha a frente o senador Eduardo Girão (Podemos), teve mais dois acréscimos. O ex-presidente do Banco do Nordeste, Marcos Holanda, e o executivo Geraldo Luciano assumiram como coordenadores estratégicos. Geraldo Luciano chegou, inclusive, a ser pré-candidato à Prefeitura de Fortaleza pelo Novo.

  -  

“Se houver desejo dele, estaremos de tapete azul para que possa entrar na campanha”, afirma Férrer sobre Eunício

“Se Eunício (Oliveira) entender que deva participar para pedir votos, será muito bem vindo em nossa chapa. Não há nenhuma inconveniência, pelo contrário. Se houver desejo dele nós estaremos de tapete azul para que ele possa entrar na campanha”.

Heitor Férrer (SD) comentou a ausência, por enquanto, do ex-senador Eunício Oliveira (MDB) na campanha.

Foto: Isanelle Nascimento
  -  

Heitor Férrer defende a criação do programa “Moradia Cidadã”

Entrevistado do PontoPoder Eleições, Heitor Férrer (SD) propõe a criação de programa voltado à construção de moradia popular para os fortalezenses que “não podem pagar”. Chamada de “Moradia Cidadã”, a proposta terá como foco regiões mais vulneráveis. “Queremos respeitar o local em que a família vive, (para eles continuarem) morando onde sempre moraram”.

Foto: Isanelle Nascimento
  -  

Assista em tempo real ao PontoPoder Eleições

O programa PontoPoder Eleições desta quarta-feira (21) entrevistou o candidato do Solidariedade (SD) à Prefeitura de Fortaleza, Heitor Férrer. Além do dia de campanha dos candidatos na Capital, a atração levou ao telespectador os principais assuntos da plataforma PontoPoder. O programa foi exibido às 20h45 desta quarta, na TV Diário. Assista na íntegra:

  -  

Entrevistado do PontoPoder Eleições, Heitor Férrer diz que já ter concorrido à Prefeitura “engradece nome”

Heitor Férrer (SD) é o entrevistado desta quarta-feira (21) do PontoPoder Eleições, que começa mais cedo, às 20h45, na TV Diário. O candidato chegou aos estúdios do Sistema Verdes Mares e falou sobre a campanha deste ano, a quarta que ele concorre à Prefeitura de Fortaleza. “Cada vez há um amadurecimento a mais e engradece o nosso nome”, ressaltou.

Foto: Isanelle Nascimento
  -  

Juiz remete à PF pedido da defesa de Cid Gomes para acesso a inquérito de investigação eleitoral

A Justiça Eleitoral, em Fortaleza, negou pedido de acesso à informação dos advogados do senador Cid Gomes (PDT) sobre os autos do inquérito policial que realizou diligências na Capital semana passada. O juiz Cleber de Castro Cruz disse que a prerrogativa é dada à Polícia Federal, que coordena o caso. A assessoria do parlamentar informou que ele não foi alvo de busca e apreensão.

  -  

Após receber alta, Sarto retoma atividades de campanha na internet nesta quarta (21)

Após deixar o hospital, o candidato do PDT à Prefeitura de Fortaleza, Sarto Nogueira, retomará as atividades de campanha, mas apenas na internet. A equipe de campanha do candidato informou, por meio de nota, que ele fará uma “live” nas redes sociais às 18h. A agenda de rua segue sendo tocada pelo candidato a vice na chapa, Élcio Batista (PSB), e outros aliados.

Foto: Reprodução
  -  

Luizianne Lins vai à Polícia Federal protocolar notícia-crime contra “fake news” na campanha

A candidata à Prefeitura de Fortaleza, Luizianne Lins (PT), esteve na sede da Polícia Federal, nesta quarta-feira (21), para protocolar notícia-crime na esfera da lei Lola, que prevê a punição dos crimes de misoginia na internet. A petista afirma ser alvo de “fake news” na campanha municipal. A lei Lola delega esse tipo de investigação à PF.

  -  

Sarto recebe alta de hospital após ser internado para tratar Covid-19

O candidato do PDT à Prefeitura de Fortaleza, Sarto Nogueira, deixou o hospital na tarde desta quarta-feira (21), após três dias internado para tratamento da Covid-19. Ainda não há informações de quando ele deve retomar a agenda de rua como candidato. O pedetista testou positivo para a doença no último dia 5 de outubro. Veja vídeo: