-  

Ex-secretário Executivo de Finanças de Roberto Cláudio assumirá a Pasta em Caucaia na gestão de Vitor Valim

O ex-secretário executivo das Finanças de Fortaleza, George Veras Bandeira, na gestão do prefeito Roberto Cláudio (PDT), será o secretário de Finanças do município de Caucaia na gestão do prefeito eleito Vitor Valim (Pros), a partir de 2021. Um outro auxiliar da gestão de RC deve ser convidado para a Prefeitura de Caucaia.

Foto: Kid Junior
  -  

Não faço parte do bloco de oposição ao governo, garante Vitor Valim

O prefeito eleito de Caucaia, Vitor Valim (Pros), garante que não faz parte do bloco de oposição ao Governo do Estado. Valim prefere se manter na neutralidade, e diz que a prioridade é a gestão. “Também não sou da base aliada”, frisa. Vitor fez uma ligação institucional ao governador após as eleições. “Foi uma conversa tranquila”, assegurou.

Foto: José Leomar
  -  

Pesquisa Ibope Caucaia: maioria dos eleitores dizem que votarão mesmo com pandemia

A Pesquisa Ibope para Prefeitura de Caucaia, encomendada pelo Diário do Nordeste e divulgada nesta quinta (26), apontou que 94% dos entrevistados afirmaram que comparecerão para votar no próximo domingo (29) mesmo diante do cenário pandêmico; 5% responderam que ainda estão em dúvida e 1% disseram que não irão votar no segundo turno de jeito nenhum. Leia mais.

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
  -  

Pesquisa Ibope para Prefeitura de Caucaia por escolaridade

A Pesquisa Ibope para Prefeitura de Caucaia, contratada pelo Diário do Nordeste e divulgada nesta quinta-feira (26), mostrou que 56% dos entrevistados com ensino fundamental dizem apoiar Naumi Amorim (PSD), contra 29% que mencionaram voto à Vitor Valim (Pros). Já entre os eleitores com ensino superior, Naumi teve 50% da preferência, enquanto Valim teve 34% das intenções. Leia Mais.

  -  

Ex-secretário da Conservação e Serviços Públicos comandará Ciência e Tecnologia no Governo Sarto

Um dos responsáveis pelas intervenções na mobilidade da Capital no governo Roberto Cláudio (PDT) continuará na Prefeitura na gestão Sarto Nogueira (PDT). Ex-secretário da Conservação e Serviços Públicos, Luiz Alberto Sabóia foi oficializado no Diário Oficial do Município de segunda-feira (11) como presidente da Fundação de Ciência, Tecnologia e Inovação de Fortaleza (Citinova).

  -  

Vice-prefeito Élcio Batista aponta pandemia, retomada das aulas e crescimento econômico como maiores desafios

O vice-prefeito eleito, Élcio Batista (PSB), elencou os três maiores desafios para a gestão da Capital: contenção da pandemia, retorno das aulas e retomada econômica. “O legado deixado pelo Roberto Cláudio dá condições para o Sarto iniciar a gestão com mais capacidade de cumprir promessas de campanha e inovar em políticas públicas”, disse, ao chegar à Câmara Municipal para a posse.

Foto: Natinho Rodrigues
  -  

“Não tem nada que seja mais prioritário que a vida”, diz RC sobre cancelamento de Réveillon na Beira Mar

O prefeito Roberto Cláudio (PDT) disse que o cancelamento da festa de réveillon na Beira Mar, por causa da Covid-19, é uma medida impopular, mas necessária para proteger a vida. Um evento especial vai ser transmitido por emissoras públicas de TV. “O Estado tem muitas funções, mas não tem nada que seja mais prioritário que a defesa da vida”.

Foto: José Leomar
  -  

Flávia Teixeira será a secretária de Finanças no governo Sarto

O prefeito eleito Sarto Nogueira (PDT) anuncia o nome de Flávia Teixeira na Secretaria de Finanças do município. Conforme Inácio Aguiar havia adiantado em sua coluna e confirmado com exclusividade, ela será responsável por coordenar um plano de retomada da economia de Fortaleza a partir de 2021.

Foto: Divulgação
  -  

Dr. Cabeto deve se reunir com presidente do CRO-CE e deputados para discutir inclusão de dentistas na 1ª fase de vacinação

O Secretário da Saúde do Ceará, Dr. Cabeto, deve se reunir com o presidente do Conselho Regional de Odontologia (CRO), Gladyo Gonçalves, e com os deputados Tadeu Oliveira (PSB) e Júlio César Filho (Cidadania) para discutir a inclusão de cirurgiões-dentistas no grupo prioritário da 1ª fase do plano estadual de vacinação contra a Covid-19.

  -  

Mauro Benevides crítica veto de Bolsonaro a alívio de R$ 17,3 bilhões nas dívidas de estados e municípios

O deputado licenciado Mauro Filho (PDT) criticou o veto do presidente Bolsonaro (sem partido) ao alívio financeiro de R$ 17,3 bilhões nas dívidas de estados e municípios, que procuraram ajustar suas contas e manter uma boa nota na classificação de risco do Tesouro. Relator da matéria, ele vai tentar corroborar com a derrubada do veto no Congresso.

Foto: José Leomar
  -  

Advogado cearense é eleito para integrar Academia Brasileira de Direito do Trabalho

O advogado cearense e presidente da Escola Superior de Advocacia do Estado, Eduardo Pragmácio Filho, foi eleito para integrar a Academia Brasileira de Direito do Trabalho. Com isso, ele e o desembargador Paulo Régis Botelho são os únicos cearenses na ABDT, seleto grupo de acadêmicos que contribuem com estudo e pesquisa na área trabalhista.

  -  

Eduardo Girão assina requerimento por suspensão do recesso parlamentar no Congresso

O senador Eduardo Girão (Podemos) assinou requerimento que suspende o recesso no Congresso. A movimentação do parlamento é no sentido de atuar diante da crise da covid-19. Até esta sexta (15), Girão havia sido o único senador cearense a assinar. Além dele, assinaram os deputados Célio Studart (PV), Denis Bezerra (PSB) e Eduardo Bismarck (PDT).

Foto: Waldemir Barreto/Agência Senado
  -  

Aracoiaba apresenta plano de vacinação contra Covid-19

Na expectativa do início da vacinação contra a Covid-19, a Prefeitura de Aracoiaba, no Maciço de Baturité, anunciou hoje (15) o plano municipal de operacionalização da vacinação contra o novo coronavírus. A ação seguirá os planos federais e estaduais de imunização. A campanha ocorrerá nas Unidades Básicas de Saúde da cidade.

Foto: Divulgação
  -  

Camilo Santana reitera auxílio ao Governo do Amazonas e quer agilizar envio de oxigênio

O governador do Ceará reiterou nesta sexta (15) que continua em contato com o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, e com o governador do Amazonas, Wilson Lima (PSC), para ajudar no caos da Saúde em Manaus. Camilo Santana ofereceu  suporte da  Rede Estadual e disponibilizou o Complexo do Pecém para agilizar a liberação urgente das cargas de oxigênio.

  -  

Deputados cearenses se articulam para propor medidas de auxílio à saúde em Manaus

Deputados cearenses se articulam em prol do caos na Saúde em Manaus. Alguns pedem o fim recesso. José Guimarães (PT), Denis Bezerra (PSB) e Pedro Bezerra (PTB) publicaram sobre o tema nas redes sociais nesta sexta (15). “Se for preciso vamos buscar ajuda na Venezuela, Cuba ou China; é preciso deixar a ideologia de lado neste momento”, disse Pedro Bezerra.

Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados
  -  

Proposta de menor ingerência dos governadores sobre PMs tem pouco apoio até de deputados ligados à categoria

Proposta defendida nacionalmente por parlamentares da “bancada da bala” de reduzir a autonomia dos governadores sobre o comando das PMs é vista com cautela até por cearenses ligados à pauta. Capitão Wagner (Pros) não acredita que o projeto “apresente na sua integralidade uma ideia que possa melhorar a segurança pública”. Já Heitor Freire (PSL) considera que a proposta é “bastante polêmica e necessita de muito debate”.

Foto: Divulgação
  -  

Mandato coletivo envia ofício à Prefeitura pedindo suspensão do Enem em Fortaleza

O mandato coletivo Nossa Cara (Psol), formado por Adriana Gerônimo, Lila Salú e Louise Santana, enviou ofício ao prefeito Sarto Nogueira (PDT) pedindo a suspensão da aplicação do Enem na Capital. A ação faz parte de mobilização nacional, sob o argumento de que entendimento do STF garante a governadores e prefeitos autonomia para adotar medidas de combate à Covid-19.

  -  

Em reunião com OAB-CE, Caixa se compromete a dar celeridade a pagamentos de alvarás e taxas jurídicas

Após ofício enviado pela OAB-CE solicitando rescisão de contrato do Tribunal de Justiça do Ceará com a Caixa, responsável por pagamentos de alvarás e outras taxas jurídicas, o banco prometeu dar celeridade à prestação de serviços. Entre as medidas, a Caixa prometeu zerar a fila de pagamentos das taxas jurídicas.