-  

Em 1ª sessão após suspensão do mandato, André Fernandes fala em “gabinete do ódio” contra ele

O deputado André Fernandes (Republicanos) voltou às sessões na Assembleia, após ser suspenso do mandato. Ele se uniu ao discurso de Cavalcante contra o deputado Heitor Freire, do PSL, partido ao qual estava filiado. Fernandes, que foi apontado por ter ligações com grupos de notícias produzidos contra adversários políticos, também acusou ter um “gabinete do ódio” contra ele.

  -  

Suspensão de André Fernandes da Assembleia termina na próxima semana e ele retomará o mandato

A suspensão de 30 dias do deputado André Fernandes (Republicanos) da Assembleia Legislativa termina na próxima semana e ele poderá voltar às discussões e votações. O parlamentar foi processado por quebra de decoro por acusar um deputado de integrar facção criminosa. Resta saber se André continuará atendendo na calçada da Assembleia, ainda que não tenha sido proibido o acesso dele ao gabinete.

Foto: Fabiane Paula
  -  

Suspenso, André Fernandes atende do lado de fora da Assembleia mesmo tendo acesso ao gabinete

Após ser suspenso do mandato por 30 dias, o deputado André Fernandes (Republicanos) está atendendo do lado de fora da Assembleia. Ele colocou uma mesa Av. Desembargador Moreira, segundo a assessoria, para receber a população. Mesmo suspenso, André pode acessar normalmente o gabinete e despachar de lá, só não tem direito a salário e VDP.

Foto: Fabiane de Paula
  -  

TJCE nega liminar que tentava impedir suspensão de André Fernandes da Assembleia

O desembargador Inácio Cortez, do Tribunal de Justiça do Ceará, negou, hoje (20), um recurso de agravo de instrumento apresentado pelo deputado André Fernandes (Republicanos), que buscava anular a sessão para a suspensão do seu mandato por quebra de decoro. É a segunda medida do parlamentar sobre o assunto negada na Justiça.

Foto: José Leomar
  -  

Projeto que adequa Conselho de Segurança Pública do Estado à lei federal começa a tramitar na Assembleia

Começou a tramitar na Assembleia, nesta quinta (8), o projeto de lei enviado pelo Poder Executivo que adequa a composição do Conselho de Segurança Pública do Estado à lei federal que criou o Susp. Representantes das forças de segurança que atuam no Ceará (federal, estadual e municipal) terão lugar no colegiado. A medida deve garantir o envio de recursos para a Segurança.

Foto: Arquivo/Sistema Verdes Mares
  -  

A dois dias do início da campanha eleitoral, poucos deputados são vistos em sessão da Assembleia

A dois dias de começar a campanha eleitoral, o plenário da Assembleia teve pouco mais de 10 deputados, apesar do painel ter marcado 26 parlamentares presentes na manhã de hoje (24). No período de eleições é comum os deputados focarem as atenções nas suas bases eleitorais para eleger os aliados, de olho na reeleição deles em 2022. A tendência, pelo visto, é o trabalho no Legislativo ficar em segundo plano.

  -  

Cavalcante acusa presidente estadual do PSL de “perseguição” e tenta se desfiliar do partido

O deputado Delegado Cavalcante (PSL) escancarou os conflitos com o deputado federal Heitor Freire, inimigo dele e presidente do partido no Ceará. Na Assembleia, hoje (24), Cavalcante levou um camalhaço de processos e acusou Freire de perseguição. O parlamentar está tentando se desfiliar do PSL  e abriu um processo na Justiça. Heitor é candidato à Prefeitura de Fortaleza.

  -  

Heitor Férrer propõe diálogo para resolver disputa entre comércios e vendedores informais no Centro

Heitor Férrer (SD) participou de caminhada pelas ruas do Centro na tarde de hoje e abordou o impasse entre os comércios formais e os ambulantes. Ele disse que apesar de uma “concorrência desleal”, é necessário um olhar sensível do gestor e o diálogo com as instâncias envolvidas. “Desempregar quem ganha o pão com essa atividade, é levá-los à marginalidade“.

Foto: Kid Júnior
  -  

Em caminhada na Varjota, Heitor Freire propõe incentivo a pequenos comerciantes

Heitor Freire (PSL) participou de caminhada no bairro Varjota neste domingo (25). O candidato defendeu o incentivo a pequenos negócios na região, principalmente aqueles ligados ao polo gastronômico do bairro. “Temos que valorizar e pensar também nos menores, nas pequenas lanchonetes e quiosques nas esquinas, no vendedor de espetinho”, disse.

  -  

Em carreata no José Walter, Heitor Freire destaca empreendedorismo dos moradores do bairro

O candidato Heitor Freire (PSL) percorreu o bairro José Walter neste sábado (24). Ele destacou a presença dos pequenos negócios nas ruas. “É um bairro que tem uma veia forte para o empreendedorismo. A tia que vende bolo, o senhor José que abriu um açaí na praça, o mecânico do bairro, enfim, são infinitas as possibilidades”, disse.

Foto: Divulgação
  -  

Em agenda no Barroso, Heitor Freire quer ampliar parcerias com ONGs e projetos sociais

Em visita à ONG Sementes para o Futuro, no Barroso, o candidato à prefeitura de Fortaleza, Heitor Freire (PSL), debateu a importância das instituições para a população. O candidato prometeu ampliar a participação do poder público no atendimento a essas pessoas. “Hoje as ONGs e igrejas, muitas vezes, chegam onde o Estado não alcança”, disse.

  -  

Heitor Freire defende isenção de impostos e crédito para igrejas e ONGs

Heitor Freire (PSL) visitou a ONG Semente para o Futuro, no bairro Barroso, nesta sexta-feira (23). Ressaltou a importância dessas instituições no atendimento à população vulnerável na Capital. Freire defendeu a isenção de impostos para projetos sociais realizados por igrejas e ONGs, além da facilitação de crédito e do incentivo a instituições privadas.

Foto: Kid Júnior
  -  

Último candidato com pedido pendente, Heitor Freire tem registro deferido pela Justiça Eleitoral

O candidato do PSL à Prefeitura de Fortaleza, Heitor Freire, teve o registro de candidatura autorizado pela Justiça Eleitoral na noite de quinta-feira (22). Com exceção de José Loureto (PCO), que foi indeferido e apresentou recurso, todos os outros candidatos já foram autorizados a concorrer nestas eleições.

Foto: Kid Júnior
  -  

MP recomenda aos promotores que peçam cassação do registro de candidatos que promovem aglomerações

Candidatos reincidentes em promover aglomerações durante a campanha eleitoral podem ter os registros cassados por abuso de poder político e econômico. A recomendação foi feita nesta terça-feira (28) pelo procurador-geral de Justiça do Ceará, Manuel Pinheiro. “Há um desequilíbrio de oportunidades em favor daqueles que insistem em promover esses atos”, disse.

Foto: José Leomar
  -  

Em ato com Camilo, Roberto Cláudio fala em “fraude” ao se referir a Capitão Wagner

O prefeito Roberto Cláudio voltou a fazer crítica ao candidato a prefeito pelo Pros, Capitão Wagner, no embate eleitoral de Fortaleza. Segundo o prefeito, “é uma fraude que está sendo desconstruída”.  Para o gestor, o adversário seria uma “ameaça à parceria” entre a Prefeitura e o Governo do Estado. Ele inaugurou nova areninha ao lado de Camilo Santana (PT).

Foto: Camila Lima
  -  

Célio Studart quer dar mais visibilidade às instituições sociais de Fortaleza por meio de campanhas

O candidato à Prefeitura de Fortaleza Célio Studart (PV), visitou, nesta quarta (28), o Lar Amigos de Jesus, que acolhe crianças e adolescentes com câncer. Ele defendeu que o poder público dê mais visibilidade às instituições sociais por meio de campanhas. “Convidar e chamar pra escutar essas entidades e compreender como melhorar o trabalho delas”.

Foto: Camila Lima
  -  

“Estamos estabelecendo comparações”, diz Roberto Cláudio sobre críticas de Sarto a Luizianne

“Não tem nada pessoal. Uma campanha eleitoral é para tratar de política. Estabelecer comparações: semelhanças e diferenças. Isso é importante para a população fazer seu juízo de valor”

Roberto Cláudio (PDT), prefeito de Fortaleza, sobre críticas que a candidatura do partido tem feito a Luizianne Lins (PT).

Foto: Helene Santos
  -  

Em ato no Curió, Paula Colares defende política de segurança baseada na geração de emprego

Em visita ao bairro Curió, a candidata da UP, Paula Colares, defendeu uma política de segurança pública baseada na geração de empregos e acesso aos serviços públicos de qualidade. No ato, a postulante lembrou os 5 anos da chacina de Messejana. “Se tivermos investimentos sociais, as desigualdades econômicas reduzirão e, consequentemente, a violência também”, disse.

Foto: Divulgação
  -  

Sarto propõe programa Juventude Digital para capacitação de jovens em tecnologia

O candidato à Prefeitura de Fortaleza Sarto Nogueira (PDT) participou de entrevistas, nesta quarta (28). Ele propôs programas de recuperação econômica no pós-pandemia. Um deles é o Juventude Digital. “O nosso objetivo é capacitar em 4 anos 50 mil jovens em tecnologia da informação. Quem tiver habilitado vai ser pescado, financiado”.

Foto: Camila Lima
  -  

Capitão Wagner quer ampliar para 80% cobertura de esgoto em Fortaleza em parcerias com iniciava privada

O candidato à Prefeitura de Fortaleza Capitão Wagner (Pros) fez uma caminhada na comunidade do trilho, no Papicu. Wagner disse que uma das principais demandas do local é por saneamento e propõe atingir 80% da cobertura de esgoto na Capital. “Temos que ampliar pra reduzir doenças epidêmicas. O melhor caminho é parceria com entidades privadas”.

Foto: Camila Lima
  -  

Após retirar candidatura, vereador Casimiro Neto sinaliza apoio à candidatura de Capitão Wagner

O vereador Casimiro Neto (MDB) declarou, nas redes sociais, apoio a Capitão Wagner (Pros) à Prefeitura de Fortaleza. A sinalização foi divulgada após Casimiro retirar sua candidatura à Câmara Municipal e realizar uma composição para apoiar Adam Gomes (DEM) a vereador. Curioso é que Adams é da coligação de Sarto (PDT).

  -  

PontoPoder Cafezinho: Podcast entrevista candidato Renato Roseno

O podcast PontoPoder Cafezinho entrevistou, nesta quarta-feira (28), o candidato à Prefeitura de Fortaleza, Renato Roseno, do Psol. Ele é o terceiro convidado do ciclo de entrevistas feito em parceria com a Verdinha AM 810. As entrevistas serão divulgadas de segunda a sexta. Confira aqui:

  -  

Renato Roseno promete realizar concursos públicos e reduzir terceirizações

Em entrevista à Verdinha 810 AM, Renato Roseno afirmou que pretende reduzir as terceirizações e promover concursos públicos, sobretudo, na área da saúde. O candidato do Psol argumentou que os gastos com os terceirizados são superiores as despesas da Prefeitura de Fortaleza com a realização de concursos e manutenção dos servidores públicos.

Foto: Thiago Gadelha