-  

“Todo impeachment gera traumas”, diz Rodrigo Maia ao concordar com análise de Tasso

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM), disse, ontem, no programa Roda Viva, da TV Cultura, que a afirmação do senador cearense Tasso Jereissati (PSDB) de que o País “ainda paga um preço” pelo impeachment de Dilma (PT), não foi um mea-culpa. “Está dizendo o óbvio: todo impeachment gera traumas”.

Foto: Câmara dos Deputados
  -  

Em Tauá, três grupos políticos polarizam disputa pela Prefeitura

Três grupos polarizam a disputa pela Prefeitura de Tauá. Fred Rêgo (DEM) busca a reeleição, após assumir o cargo do prefeito cassado Carlos Windson. A esposa do Windson, Cecília Oliveira (PSC), será vice de Dr. Edyr (PP), irmão do deputado Audic Mota. Completa a polarização a ex-prefeita e atual deputada, Patrícia Aguiar (PSD). Avante e PSL também disputam.

  -  

DEM indica vice na chapa de Acilon, no Eusébio

A convenção do Partido Liberal (PL) na Câmara Municipal do Eusébio, no sábado (12), homologou a candidatura à reeleição do prefeito Acilon Gonçalves, tendo como sua vice, Lucinha Feitosa, na coligação do PL com o Democratas (DEM). Devido às restrições impostas pela pandemia da Covid-19, a convenção foi limitada às redes sociais.

  -  

PDT discute agora quem será vice da chapa; PSB, PSDB, Dem e Cidadania estão no radar

Com a sinalização de conclusão das negociações com o PT para aliança e definido que PDT e PT terão candidatura própria à Prefeitura de Fortaleza, a discussão agora nos dois partidos é o nome que ocupará a vice. Segundo pedetistas, as articulações no partido ocorrem com PSB (que tem o pré-candidato Elcio Batista), PSDB, DEM e Cidadania (que tem o pré-candidato Alexandre Pereira).

  -  

Cid Gomes diz ser “pessoalmente” contra o impeachment de Bolsonaro

O senador Cid Gomes (PDT) afirmou, em entrevista ao UOL nesta segunda-feira (15), ser pessoalmente contra o impeachment de Jair Bolsonaro. Segundo ele, “a democracia, para se reorganizar, tem que aguentá-lo”. Cid ressaltou que, no entanto, é possível que o impedimento passe a se justificar caso sejam comprovados crimes graves do presidente.

  -  

‘Impeachment é extremo; remédio para governo ruim é pressão popular’, diz Camilo sobre possível abertura de processo contra Bolsonaro

“Eu acho que remédio para governo ruim é pressão popular. Impeachment é o extremo e precisa ter motivos legais, como diz a Constituição. E daqui a dois anos e meio nós temos uma eleição. É muito ruim um impeachment para o Brasil”.

Governador Camilo Santana, ao defender que esse não é o momento para um processo de impeachment no País.

Foto: Helene Santos
  -  

Com pouca presença de público, manifestação pede impeachment de Gilmar Mendes na Praça Portugal

Organizada por cinco grupos de direita de Fortaleza,  manifestação deste domingo na Praça Portugal aderiu ao movimento “Brasil contra Gilmar Mendes”, que pede o impeachment do ministro do STF. O protesto reuniu apenas algumas dezenas de pessoas. “O chamamento foi feito muito em cima da hora”, justificou o jornalista Roberto Barros, um dos organizadores.

Foto: Flávio Rovere
  -  

Camilo Santana apoia candidato da oposição em Barbalha, sua terra natal

A área de relações institucionais do Governo do Estado contabiliza quase 180 prefeitos – do total de 184 no Estado – como aliados do governador Camilo Santana (PT). Um dos opositores, entretanto, é o gestor de Barbalha, a terra natal do governador. Lá, Argemiro Sampaio (PSDB) concorre à reeleição e o nome apoiado pelo governador é Guilherme Saraiva do PDT.

  -  

Tasso Jereissati propõe criação de benefício infantil com foco na primeira infância

O sen. Tasso Jereissati (PSDB) apresentou uma PEC que prevê a criação do Benefício Universal Infantil – um programa para atender famílias com crianças de até 14 anos -, mais especificamente aquelas com idade de zero a seis anos. O texto permite a integração parcial ou total com outros programas e teria verba oriunda da revisão de benefícios fiscais.

Foto: Agência Senado
  -  

‘Meu partido apoia, mas eu ainda estou decidindo’, diz Jorge Pinheiro sobre candidatura de Sarto

Candidato do PDT em Fortaleza, Sarto sinaliza uma busca por aproximação com os vereadores, em uma campanha que promete ser atípica. Alguns parlamentares cujos partidos integram a coligação do PDT, no entanto, ainda estão em dúvida. É o caso de Jorge Pinheiro (PSDB). ‘Meu partido apoia, mas eu ainda estou decidindo‘, disse, após visita de Sarto à Câmara.

Foto: Fabiane de Paula
  -  

“Quando os índices de violência caem, mérito dele. Quando sobem, culpa dos outros”, responde Wagner a críticas do governador

“Interessante o governador falar em assumir. Quando os índices de violência caem, mérito dele. Quando sobem, culpa dos outros. E o Ceará segue no topo do ranking da violência. Ele não dialogou. O cacique do seu grupo jogou uma retroescavadeira nas pessoas. No meu mandato, vamos escutar todos”

Capitão Wagner (Pros), comentou no Twitter, crítica do governador Camilo Santana (PT) sobre a participação do candidato no motim da Polícia Militar neste ano.

  -  

Luizianne Lins propõe criação de ‘Patrulha Guardiã Maria da Penha’ em Fortaleza

Luizianne Lins (PT) propõe a criação da Patrulha Guardiã Maria da Penha, uma estrutura dentro das forças de segurança municipais focada no combate à violência contra a mulher. Entre as ações, estaria o mapeamento de casos de conflito e de medidas protetivas solicitadas por mulheres. A proposta é inspirada em projeto semelhante implementado na Bahia.

Foto: Kid Júnior
  -  

“A gente não escolhe adversário”, afirma Luizianne sobre possibilidade de ir ao segundo turno

Segunda colocada na primeira pesquisa Ibope de intenção de voto na Capital, Luizianne Lins (PT) disse não ter preferência de candidato para enfrentar caso chegue ao segundo turno. “A gente tem que ir com a segurança de que temos as melhores propostas e que temos experiência”, afirmou sem citar os nomes de Capitão Wagner (Pros) ou Sarto Nogueira (PDT)

  -  

“Tenho uma longa ligação histórica com toda a família Ferreira Gomes”, diz Tasso, em apoio a Ivo Gomes

“Tenho uma longa ligação histórica com toda a família Ferreira Gomes, a começar pelo Dr. José Euclides, por quem eu tinha um grande respeito e admiração”.

Disse o senador Tasso Jereissati (PSDB), ao declarar apoio à campanha de Ivo Gomes (PDT) em Sobral. Em vídeo exibido no evento, ele afirmou que o respeito e a admiração pelo patriarca da família se estende aos filhos.

Foto: Reprodução
  -  

Com presenças de autoridades, PDT oficializa candidatura de Ivo Gomes em Sobral

O PDT oficializou, nesta sexta-feira (11), a candidatura do prefeito Ivo Gomes e da vice-prefeita Christianne Coelho (PT) à reeleição em Sobral, num evento híbrido que contou com a presença de autoridades – virtual e presencialmente. Entre os que declararam apoio a Ivo, estão o senador Tasso Jereissati (PSDB), o governador Camilo Santana (PT), além do irmãos Cid e Ciro Gomes (PDT).

  -  

Capitão Wagner busca apoio de outros partidos para eleição em Fortaleza e vai atrás de PSDB

O deputado Capitão Wagner (Pros) intensifica as conversas com lideranças de outros partidos, para fechar novas alianças e ganhar musculatura na disputa pela Prefeitura de Fortaleza. Nesta semana, ele diz que deve dialogar com o senador Tasso Jereissati, que comanda o PSDB no Ceará. A sigla tucana ainda não definiu os rumo na Capital.

Capitão Wagner
Foto: Fabiane de Paula
  -  

Após troca de farpas entre Camilo e Capitão Wagner, Eduardo Girão critica governador

“O Ceará detém o vergonhoso título de campeão de mortes violentas. O governador diz que o aumento de assassinatos não é responsabilidade dele. Em quem ele vai colocar a culpa por sermos também o campeão mundial de mortes por milhão da Covid-19?”

Senador Eduardo Girão (Podemos), no Twitter, nesta terça-feira, criticando o governador Camilo Santana (PT) após o gestor trocar farpas com Capitão Wagner (Pros).

Senador Eduardo Gião
Foto: Pedro França/Agência Senado
  -  

“Votei nele e tenho orgulho de ter apoiado”, afirma Heitor Freire sobre ruptura com Bolsonaro

“Eu sou um apoiador de Jair Bolsonaro. Votei nele e tenho orgulho de ter apoiado. (…) Ele mesmo disse que não estava apoiando ninguém. E, até mesmo quando ele citou Fortaleza, disse ‘ah, tem um capitão lá’. O Capitão (também) não utiliza o nome dele”.

Heitor Freire (PSL), em entrevista ao PontoPoder Eleições, falou da relação com o presidente Jair Bolsonaro e aproveitou para minimizar o apoio dele a Capitão Wagner.

Foto: Kid Júnior
  -  

Heitor Freire propõe oferecimento de crédito como ajuda financeira para pequenos negócios

Entrevistado pelo PontoPoder Eleições, Heitor Freire (PSL) detalhou o programa “Fortaleza agora vai”, em que pretende fornecer ajuda financeira para pequenos negócios. “Vai ajudar o comerciante a ter dinheiro no bolso”, ressaltou. Ele sustentou que a arrecadação do Município fornece verba suficiente, mas acrescentou que pretende diminuir impostos municipais.

Foto: Kid Júnior
  -  

Assista na íntegra ao PontoPoder Eleições desta terça (20)

O programa PontoPoder Eleições desta terça-feira (20) vai levar ao ar o quadro “O eleitor é quem manda”, além do dia de campanha dos candidatos na Capital, destaque dos embates na campanha na plataforma PontoPoder, e a entrevista com o candidato à Prefeitura de Fortaleza, Heitor Freire (PSL).

 

  -  

Entrevistado do PontoPoder Eleições, Heitor Freire associa indecisão à “decepção” do eleitor com a política

Heitor Freire (PSL) associou o alto número de eleitores ainda indecisos quanto ao voto em novembro à decepção com a atual política. “O fortalezense está muito decepcionado”. Freire é o entrevistado desta terça (20) do PontoPoder Eleições, a partir das 21h55. O candidato aproveitou para ressaltar que  “é o único candidato conservador” em Fortaleza.

Foto: Thiago Gadelha
  -  

Em site de campanha lançado nesta terça, Capitão Wagner (Pros) nega liderar motim no Ceará

Em site lançado nesta terça-feira (20), Capitão Wagner (Pros) rebateu posição do governador sobre a participação dele no motim da PM. Na semana passada, o governador afirmou que o ex-capitão liderou a paralisação. “Capitão Wagner não tinha nenhum motivo para desejar uma paralisação de policiais, especialmente em ano eleitoral”, diz a nota do site.

Foto: Cleia Viana/Câmara dos Deputados
  -  

Aglomerações de campanha: Justiça Eleitoral multa candidatos em R$ 100 mil em Viçosa do Ceará

Em Viçosa do Ceará, dois candidatos a Prefeitura foram multados em R$ 100 mil por não descumprimento das regras sanitárias. Divaldo Soares (PDT) e Zé Firmino (MDB) foram denunciados pelo Ministério Público Eleitoral após promoverem aglomerações em atos de campanha. Além da multa, a Justiça determinou nova penalidade de R$ 250 mil em caso de reincidência.

  -  

“Assuma seus atos”, diz Camilo a Capitão Wagner sobre motim da PM no Ceará

“Fake News? As imagens de seus discursos inflamados para os grupos de encapuzados e amotinados? Sua luta pública para dar anistia aos envolvidos nos atos criminosos do motim contra a população? Capitão Wagner, se não se arrepende do que fez, pelo menos assuma os seus atos”

Camilo Santana, no Twitter, nesta terça (20), após rebater uma das afirmações do site de Capitão Wagner que considera “fakenews” a fala do governador que aponta o candidato como líder do motim da PM.

Foto: Thiago Gadelha
  -  

Capitão Wagner lança site para desmentir “fake news” contra a campanha dele à Prefeitura

O candidato à Prefeitura de Fortaleza, Capitão Wagner (Pros), lançou, nesta terça-feira (20), um site que promete desmentir informação falsa atrelada à candidatura dele. “Nada melhor que a verdade para combater o ódio e a mentira”, diz nota da assessoria do deputado federal.

Foto: Thiago Gadelha
  -  

Luizianne Lins ganha liminar contra disseminação de fake news no Facebook e Whatsapp

A Justiça Eleitoral concedeu liminar determinando a exclusão de vídeo difamatório contra Luizianne Lins (PT) que circulava em grupos do Facebook e do Whatsapp. O juiz eleitoral André Teixeira também solicitou a identificação do administrador e responsável pela postagem. A candidata também solicitou audiência com a Polícia Federal para investigar o caso.

Foto: Thiago Gadelha