-  

Prefeito interino de Viçosa do Ceará e presidente da Câmara são notificados sobre mudanças na Prefeitura

A retransmissão de cargo ao prefeito de Viçosa do Ceará, Zé Firmino (MDB), deve ocorrer nesta terça (18), após liminar do TSE autorizar o retorno dele à Prefeitura. A medida já foi informada ao prefeito interino, Manuel Crente (MDB), e ao chefe da Câmara Municipal. A chapa havia sido cassada pelo TRE-CE, por abuso de poder político nas eleições de 2020.

Foto: Reprodução/Instagram
  -  

TSE decide manter prefeito e vice de Viçosa do Ceará no cargo até decisão sobre recurso especial

O TSE decidiu, nesta segunda (17), que o prefeito eleito de Viçosa do Ceará, Zé Firmino, e seu vice, Dr. Marcelo, devem ser mantidos no cargo até que o recurso especial seja analisado pela Corte. O relator da ação, ministro Carlos Horbach, afirma que “é indesejável” retirá-los do cargo, já que o julgamento pode, inclusive, reverter a cassação.

Foto: Divulgação
  -  

TRE-CE julga últimos recursos do prefeito de Viçosa do Ceará e confirma cassação do mandato

O imbróglio em torno da candidatura do prefeito de Viçosa do Ceará, José Firmino (MDB), e do vice, Dr. Marcelo (MDB), ganhou novo capítulo. O TRE-CE negou provimento aos embargos de declaração. Assim, esgotam-se os recursos em 2a instância. A cassação deve ser imediata. Firmino, que ainda não se pronunciou, poderá recorrer, fora do cargo, ao TSE.

Foto: Reprodução/Instagram
  -  

Prefeito e vice-prefeito de Viçosa do Ceará são diplomados após liminar do ministro Gilmar Mendes

Após imbróglio jurídico, o prefeito reeleito de Viçosa do Ceará, Zé Firmino (MDB), e o vice-prefeito, Dr. Marcelo (MDB), foram diplomados hoje (8) pela Justiça Eleitoral. A chapa teve o registro cassado, mas a defesa apresentou recurso e conseguiram, por ordem do ministro Gilmar Mendes, do STF, autorização para a diplomação e, posteriormente, posse.

Foto: Instagram/Reprodução
  -  

Com liminar do STF, prefeito de Viçosa com registro cassado toma posse sem diplomação

Mesmo sem ainda terem sido diplomados pela Justiça Eleitoral, o prefeito eleito de Viçosa do Ceará, Zé Firmino (MDB), e seu vice, Dr. Marcelo (MDB), tomaram posse nos cargos, na Câmara Municipal, no dia 1º de janeiro. Eles conseguiram uma liminar no STF, em 31 de dezembro de 2020, suspendendo as sanções aplicadas pela cassação dos registros de suas candidaturas pelo TRE-CE.

Foto: Divulgação
  -  

Mesmo com registro cassado, prefeito de Viçosa nega decisão da Justiça e se diz perseguido

O prefeito Zé Firmino (MDB) usou as redes sociais hoje (1º) para repercutir a decisão judicial que cassou seu registro de candidatura no sábado (31). No vídeo, porém, ele não trata da acusação de escavações de poços com fins eleitorais, segundo a Justiça.  Ele se disse perseguido e negou decisão: “Não existe nada de registro de candidatura cassado”.

Foto: Reprodução/Instagram