-  

Covid-19: MPCE recomenda que 32 municípios cearenses exijam atestado antes da aplicação da vacina

O Ministério Público do Ceará (MPCE) reforçou a orientação para que 32 municípios cearenses implementem medidas de fiscalização para evitar fraudes na descrição de comorbidades. A instituição orientou que seja exigida a  apresentação de atestado médico e, nos locais de vacinação, os municípios devem disponibilizar equipe médica para fazer essa checagem.

Foto: José Leomar
  -  

Ceará recebe 49 mil doses extras de vacina após Governo Federal ser condenado por atraso no repasse

O Ceará recebeu 49 mil doses da Coronavac. O envio foi determinado pela Justiça após o Governo Federal atrasar o envio do imunizante ao Estado. Há duas semanas, prefeituras cearenses começaram a relatar a falta da 2ª dose da Coronavac. O problema surgiu depois que o Ministério da Saúde recomendou o uso de todo o estoque, sem reservar a segunda aplicação.

Foto: José Leomar
  -  

Tasso quer Abin na CPI da Pandemia para explicar fala de Bolsonaro sobre “guerra química”

O senador Tasso Jereissati (PSDB) apresentou requerimento à CPI da Pandemia, nesta quinta (5), para que a Agência Brasileira de Inteligência esclareça a fala do presidente Jair Bolsonaro sobre “guerra química”, em relação à pandemia. Para o senador, a menção pode ser  “um boicote, uma injúria e uma calúnia contra o maior fornecedor de vacinas (China)”.

  -  

Aliados de Bolsonaro no Ceará se unem para acompanhar chegada de vacina já questionada pelo presidente

Aliados de Jair Bolsonaro acompanharam a chegada de mais um lote de vacinas contra a Covid-19 ao Ceará, nesta quinta (1º): o vereador Carmelo Neto (Rep) e os deputados Capitão Wagner (Pros), Soldado Noelio (Pros), Delegado Cavalcante (PSL) e André Fernandes (Rep). Meses atrás, eles seguiam discurso do presidente, que questionava a eficácia da CoronaVac.

  -  

Vereadores de Fortaleza cobram maior cobertura de vacinação para profissionais da saúde

Vereadores cobraram maior cobertura vacinal para profissionais da saúde em Fortaleza. Danilo Lopes (Podemos) apontou que o Plano Nacional prevê avanço de fase apenas com 100% dos trabalhadores da saúde vacinados. Já Enfermeira Ana Paula (PDT) afirmou que “apenas 25% dos profissionais ativos (de enfermagem) foram vacinados”.

 

Foto: José Leomar
  -  

Prefeito de Maracanaú assina protocolo de intenção para compra de 100 mil doses de vacina indiana

O prefeito de Maracanaú, Roberto Pessoa (PSDB), assinou um protocolo de intenção para compra de 100 mil doses da vacina indiana Covishield. O prefeito já assinou documento semelhante com o Instituto Butantan, para adquirir a CoronaVac, e protocolou a aquisição da vacina russa Sputinik V. Maracanaú também aderiu ao consórcio de prefeituras para compra de vacinas.

  -  

Prefeitura de Fortaleza enviará para Câmara Municipal projeto para formalizar entrada no consórcio de vacinas

A Prefeitura de Fortaleza vai enviar, nesta terça (16), para a Câmara Municipal projeto de lei que formaliza a entrada da Capital no consórcio de municípios para compra de vacinas contra a Covid-19, coordenado pela Frente Nacional de Prefeitos (FNP). O consórcio será constituído oficialmente no dia 22 de março e vai facilitar a compra de imunizantes.

  -  

Camilo Santana se reúne com governadores do Nordeste e ministro da Saúde para tratar de vacinas

O governador do Ceará, Camilo Santana (PT), está reunido na manhã deste sábado (13) com governadores do Nordeste e o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, para tratar da compra de vacinas. Ontem, os nove estados fecharam a compra de 37 milhões de doses da vacina Sputnik V. A distribuição das doses está sendo discutida neste encontro de hoje.

Foto: Divulgação
  -  

Após reunião com Pazuello, Camilo anuncia que estados receberão vacinas semanalmente

Na próxima quarta-feira (10), o Ceará receberá mais um lote de vacinas. Segundo o governador Camilo Santana (PT), as remessas serão semanais. A informação foi repassada aos governadores pelo ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, nesta segunda (8). “Solicitamos mais rapidez na aquisição e distribuição de vacinas, cujo processo tem sido ainda lento”, disse.

  -  

Em novo apelo ao presidente, governadores pedem compra de vacinas contra a Covid-19

Em nova carta enviada ao presidente Jair Bolsonaro, governadores apelam para que o Governo Federal busque organismos internacionais para comprar doses de vacinas contra a Covid-19. “Os entes federados têm enviado todos os seus esforços, mas estão no limite de suas forças e possibilidades”, alegam os governadores, entre eles, Camilo Santana (PT).

Foto: Divulgação
  -  

Camilo afirma que está em contato com farmacêuticas para aquisição direta de vacinas contra a Covid-19

O governador Camilo Santana (PT) disse manter diálogo desde o ano passado com laboratórios para aquisição de vacinas sem intermédio do Governo Federal. Na terça-feira (23), a Câmara dos Deputados aprovou medida provisória que facilita a compra diretamente pelos estados e municípios, caso o Governo Federal não as adquira. STF também formou maioria autorizando a aquisição.

Foto: Fabiane de Paula
  -  

Prefeitura de Maracanaú irá solicitar diretamente ao Butantan vacinas contra Covid-19, diz Roberto Pessoa

Prefeito de Maracanaú, Roberto Pessoa (PSDB) afirmou, nesta sexta-feira (29), que irá solicitar ao Instituto Butantan o envio de vacinas ao município. Em dezembro, o tucano se reuniu com João Dória (PSDB) e assinou um termo de intenção para comprar doses da CoronaVac. “Temos pressa, vacinamos pouca gente, menos de 1% da população”, disse.

Foto: José Leomar
  -  

Lote de vacinas será enviado para o Ceará nesta segunda (18), diz Camilo Santana

O governador Camilo Santana (PT) informou, nas redes sociais, que o lote de vacinas para o Ceará será enviado nesta segunda-feira (18), às 7 horas. Ele viaja neste domingo (17) para São Paulo, onde acompanhará o envio das doses do imunizante.

Foto: Reprodução