-  

Reunião entre Fundo Soberano e governadores do Nordeste é adiada para quinta-feira (10)

Nesta terça-feira (8), técnicos do Consórcio Nordeste e o Fundo Soberano Russo se reuniram para adaptar o contrato de compra da Sputnik V às exigências da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). As mudanças devem ser comunicadas em reunião entre os governadores do Nordeste e o Fundo Soberano, agendada para a próxima quinta-feira (10).

  -  

Estados do Nordeste e da Amazônia Legal discutem regras de aplicação da Sputnik V com a Anvisa

O secretário de Saúde do Ceará, Dr. Cabeto, participou, nesta segunda-feira (7), de reunião da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) com representantes dos estados do Nordeste e da Amazônia Legal sobre as regras para aplicação da Sputnik V no Brasil. O foco da reunião foi discutir as responsabilidades dos estados no uso do imunizante russo.

  -  

Governadores farão agenda com Fundo Soberano Russo para importação da Sputnik V ao Brasil

Os governadores do Nordeste e do Norte se reuniram hoje (5) para definir os próximo passos na aquisição da Sputnik V, cuja importação foi aprovada pela Anvisa na sexta (4), de forma “excepcional e controlada”. “Faremos uma agenda com o Fundo Soberano Russo para acompanharmos os próximos passos”, disse o governador do Ceará, Camilo Santana (PT).

Foto: Divulgação
  -  

Governador do Ceará comemora aprovação da importação da Sputnik V pela Anvisa

“Boa notícia para os cearenses e demais estados. A Anvisa aprovou há pouco a importação e distribuição da vacina Sputnik V. Mesmo de forma ‘excepcional e controlada’, com ainda pequena quantidade de doses liberadas, a aprovação já representa um avanço”.

Governador Camilo Santana comemorou, em publicação no Twitter, aprovação da importação da Sputnik V.

Foto: Reprodução
  -  

Consórcio Nordeste pede documentos analisados pela Anvisa para negar uso da Sputnik V no Brasil

O Consórcio Nordeste solicitou, nesta quinta-feira (29), à Anvisa os documentos analisados para negar a utilização da vacina contra a Covid-19 Sputnik V. O Consórcio assinou um termo de compra de 39 milhões de doses do imunizante, mas não pode importá-las por conta da rejeição da Agência ao uso emergencial.

  -  

PontoPoder na TV Diário: CPI da Covid, Sputnik V e atraso na merenda escolar são destaques desta terça (27)

O PontoPoder desta terça (27) mostra como foi a instalação da CPI da Covid no Senado e fala dos próximos passos da investigação. O programa também mergulha no impasse sobre o uso da vacina russa Sputnik V no Brasil e revela o atraso na distribuição da merenda escolar por prefeituras cearenses durante a pandemia. A atração começa às 22h10, na TV Diário.

  -  

Lewandowski estabelece prazo de 30 dias para a Anvisa decidir sobre Sputnik V; vacina foi comprada pelo Ceará

Atendendo a um pedido do governador do MA, Flávio Dino (PCdoB), Ricardo Lewandowski, do STF, estabeleceu um prazo de 30 dias para que a Anvisa decida sobre a “importação excepcional e temporária” da Sputnik V. Caso o prazo não seja cumprido, a vacina poderá ser aplicada na população. O governador Camilo Santana (PT) também ajuizou ação semelhante na Corte.

Foto: José Leomar
  -  

Em reunião com diretores da Anvisa, Camilo Santana pressiona pela liberação da vacina Sputnik V

Em encontro entre governadores e a diretoria da Anvisa, nesta terça-feira (6), o governador do Ceará, Camilo Santana (PT), fez apelo à agência para que acelere a aprovação da vacina russa Sputnik V. O Ceará comprou 5,87 milhões de doses. “É inadmissível essa demora para aprovar a vacina, que já está sendo aplicada em dezenas de países”, disse.

Foto: Reprodução
  -  

Camilo Santana encaminha projeto de lei sobre a compra de vacina russa e a isenção da conta de energia

O governador Camilo Santana anunciou nesta segunda (15) que encaminhou à Assembleia Legislativa um Projeto de Lei que autoriza o Ceará a comprar, de forma direta, 5,87 milhões da vacina russa, Sputnik V. O Legislativo se reúne nesta terça (16) para avaliar a compra das vacinas e também a isenção da conta de energia para restaurantes.

 

  -  

Em Brasília, Roberto Pessoa discute possível compra de vacina russa para Maracanaú

O prefeito de Maracanaú, Roberto Pessoa (PSDB), já está em Brasília para participar, nesta terça-feira (2), de reunião com o laboratório que representa a vacina russa Sputnik V no Brasil. “Quero fazer de tudo para que Maracanaú possa adquirir vacinas de forma direta“, disse o tucano. O governador Camilo Santana (PT)  e outros prefeitos também estarão em Brasília.

Foto: Fabiane de Paula