Em busca de apoio, Heitor Ferrer tem reunião com Paulinho da Força de olho nas Eleições da Capital

O deputado Heitor Ferrer (SD) embarca no próximo dia 19 para Brasília. Ele vai se reunir com o presidente nacional do Solidariedade, deputado federal Paulinho da Força. A pauta: Eleições 2020. Ferrer quer disputar a Prefeitura de Fortaleza, mas precisará de estrutura para isso. Ou seja, o mínimo de recursos para financiar sua campanha.

Governo federal nomeia indicado de deputado federal cearense para o comando do Dnocs

Mudanças no Departamento Nacional de Obras contra a Seca (Dnocs), que tem sede em Fortaleza. O ministro chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, exonerou o diretor-geral do órgão, Ângelo Guerra, ligado ao MDB, ainda do governo anterior, e nomeou José Rosilônio Magalhães de Araújo. A indicação é do deputado federal cearense Genecias Noronha (SD).

Heitor Ferrer articula com vereador de Fortaleza as eleições de 2020

O deputado Heitor Ferrer, presidente do Solidariedade em Fortaleza, se reuniu com o vereador do partido na Capital, Odécio Carneiro, nesta quinta (22), nas salas da Assembleia. O assunto: Eleição 2020. Heitor quer disputar a Prefeitura, de novo, mas, para isso, terá que fortalecer o partido.

Heitor Ferrer propõe CPI das “estradas Sonrisal”

O deputado Heitor Ferrer (SD) está colhendo assinaturas para protocolar pedido de Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), na Assembleia, para investigar a durabilidade do asfalto das rodovias estaduais. Ele precisa de 12 assinaturas, até agora, tem três, uma delas da Fernanda Pessoa (PSDB). Seria a CPI das estradas Sonrisal: “não podem ver água”.

Vereador acusado de estelionato é transferido do RN para Delegacia de Sobral

O vereador de Sobral Romário Araújo (SD), o Conselheiro Romário, chegou na manhã desta quinta (15) à delegacia da cidade. Foragido desde julho, acusado de estelionato, ele foi preso em Natal (RN) na sexta (9). O vereador está afastado da Câmara, sem remuneração. Enquanto isso, curtia pousadas e postava foto nas mídias. Acabou descoberto.

Faltou solidariedade: vereadores em lados opostos em Sobral

O partido Solidariedade está numa sinuca de bico na Câmara Municipal de Sobral. Elegeu três vereadores para serem oposição. Um deles pulou para a base aliada. É Romário Araújo, que está preso acusado de estelionato. E agora, o correligionário Giu Vasconcelos deve representar contra o colega na Comissão de Ética na Câmara. É a política no Interior.