“Plano ousado”, disse o coordenador da bancada sobre o projeto da saúde

“É um plano ousado e a saúde é área que mais a população reclama, haverá um amplo investimento, mas ainda não há um pleito orçamentário”

Coordenador da bancada cearense no Congresso, Domingos Neto (PSD), sobre o encontro de hoje com o governador sobre o Plano de Reestruturação da Saúde.

Foto: Carol Curvello

Governador pede a deputados e senadores que “comprem” ideia do plano da Saúde

O governador Camilo Santana (PT) pediu, hoje, a um grupo de 11 deputados federais e dois senadores que “abracem a causa” da Plataforma de Modernização da Saúde, que está em discussão na Assembleia Legislativa. Segundo Camilo, a ideia é dar mais agilidade e eficiência ao atendimento para a população nas unidades. O encontro ocorreu em Brasília.

Governador reúne deputados federais para tratar do projeto de reestruturação da Saúde

O governador Camilo Santana (PT) e o secretário de Saúde, Dr. Cabeto, está reunido, neste momento, em Brasília, com um grupo de 12 deputados federais e dois senadores cearenses em busca de apoio ao projeto de reestruturação da Saúde Pública no Estado. A matéria está em discussão na Assembleia. O presidente da Casa, José Sarto, também participa.

Foto: Natinho Rodrigues

Bancada federal tem encontro com governador em Brasília para tratar de Saúde

O governador Camilo Santana (PT) deve se reunir com a bancada federal cearense, na próxima quarta (4), na sede da representação do Governo do Estado, em Brasília. A pauta do encontro é Saúde. O coordenador da bancada, deputado federal Domingos Neto (PSD), é relator do Orçamento federal de 2020 e terá peso importante para o Estado nas articulações.

Foto: CMFor

Previdência Municipal vai incluir esclerose múltipla na aposentadoria por invalidez

Projeto de lei da Prefeitura de Fortaleza pretende incluir portadores de esclerose múltipla dentre aqueles que podem pedir aposentadoria por invalidez no sistema previdenciário municipal. A proposta foi lida no plenário da Câmara Municipal de Fortaleza nesta quarta-feira (28) e deve ser encaminhada para as comissões.

Foto: Hospital da Mulher

Cantinas e lanchonetes de hospitais públicos serão operadas por particulares

Os hospitais da rede pública municipal de saúde  – como o Hospital da Mulher e Frotinhas –  podem ter cantinas e lanchonetes operadas por particulares. Para isso, a Prefeitura de Fortaleza abriu licitação para a seleção dos permissionários que poderão assinar contrato por um prazo de 12 meses. O anúncio foi publicado no Diário Oficial do Município.

Foto: Foto: Natinho Rodrigues

Deputada quer barrar emendas com interesses políticos ao projeto de reestruturação da Saúde

Para a deputada Dra. Silvana, presidente da comissão de Saúde da Assembleia,  o projeto de reestruturação da área, tocado pelo secretário Dr. Cabeto, em tramitação na Casa, deve ser pouco modificado. Ela disse que vai trabalhar para barrar emendas com ingerência política. “Se eu vir que desvirtua o projeto, eu peço vista, eu voto contra e trabalho contra”.

‘Isso não é plano teórico, é sistemático’, diz Cabeto a deputados sobre projeto para a Saúde

“Isso não é um plano teórico, é sistemático, claro, pautado nas coisas que vão ter resultado no médio e longo prazo”.

Dr. Cabeto, secretário de saúde do Estado, ao rebater, nesta terça (27), na Assembleia, críticas de deputados de que os projetos de lei enviados à Casa sobre a Plataforma de Modernização da Saúde do Governo são “principiológicos”.

Estado fará seleção pública para contratar 7 mil profissionais de Saúde

É ambicioso o plano de Modernização da Saúde tocado pelo secretário Dr. Cabeto. A proposta deve elevar em 20% o gasto anual do Estado na área e promover grande seleção pública para contratação de 7 mil profissionais de Saúde, sendo 3 mil médicos e mais quatro mil outros especialistas na área. O Estado quer concluir a seleção em seis meses.

Deputados articulam mudanças no projeto da Saúde de Cabeto

O líder do Governo na Assembleia, deputado Júlio César Filho (Cidadania), já tem sido abordado por parlamentares para fazer emendas ao projeto de reestruturação da saúde enviado pelo Governo do Estado. Ele espera a ida do secretário de saúde, Dr. Cabeto, à Casa, para explicar melhor a proposta. Na imagem, ele conversa com Queiroz Filho (PDT) nos bastidores.