Cúpula nacional do Pros não quer abrir mão de Capitão Wagner, que negocia com o DEM

O presidente nacional do Pros, Euripedes Júnior, não quer abrir mão de ter no partido Capitão Wagner, que negocia ida para o DEM. Em reunião na terça (8), o dirigente disse temer que a saída dele provoque a debandada de outros filiados no Ceará. Sem anuência, as negociações de Wagner com o DEM amornaram, mas não saíram do radar.

Capitão Wagner quer garantia de boa fatia do fundo eleitoral do DEM para sair do Pros

O impasse na ida do deputado Capitão Wagner para o DEM gira em torno do fundo eleitoral para a campanha dele à Prefeitura de Fortaleza em 2020. No Pros, há a garantia de uma boa fatia. Já o DEM vai ter que bancar muitas candidaturas no País. Capitão também quer o comando do DEM no Ceará, hoje, de Chiquinho Feitosa. Veja a articulação.

Entre Pros e DEM: Capitão Wagner vive saia justa e terá que decidir onde vai disputar a Eleição de 2020

O vazamento das negociações do deputado Capitão Wagner com o DEM para uma provável filiação ao partido o colocou numa saia justa com a cúpula do Pros. Nesta terça, interlocutores da legenda abordaram Wagner. Ele espera o presidente nacional, Eurípedes Júnior, voltar de viagem para conversarem.

Foto: Flávio Rovere

Capitão Wagner e Moroni no mesmo partido é “incompatível”, diz vereador

“Se o Capitão Wagner assumir o DEM no Ceará, ficará incompatível a presença de Moroni Torgan no partido, face à clara e franca oposição que temos ao grupo gestor que ele representa hoje”.

Vereador Sargento Reginauro, sobre as informações do seu grupo.  Veja reportagem sobre a possível mudança de sigla.

 

Foto: Divulgação

Filiação de Capitão Wagner ao DEM vem sendo construída nos bastidores; deputado nega acerto

Encontro de lideranças do PROS no Ceará, na manhã de hoje (1º), em Fortaleza, deveria ser para o apoio do DEM à futura candidatura de Vitor Valim à Prefeitura de Caucaia em 2020. Entretanto, o que tomou os holofotes foi o ingresso de Capitão Wagner no Democratas. Ele ainda não confirma a saída, mas ela vem sendo construída desde agosto.

Foto: Érika Fonseca/ CMFor

Ruthmar Xavier assume como vereadora no lugar de Márcio Martins

Ruthmar Xavier (PL) assumiu como vereadora na Câmara Municipal de Fortaleza. Ela assume a vaga de Márcio Martins (Pros), afastado por 4 meses para tratamento de uma pneumonia.  O 1° suplente era Daniel Borges (PR), que não pode assumir a cadeira. Xavier também ocupou vaga na legislatura passada e é esposa do ex-vereador Machadinho .

Pros: Deuzinho quer disputar com Valim pré-candidatura à Prefeitura de Caucaia

O presidente do Pros em Caucaia, Deuzinho Filho, disse ao Ponto Poder que ainda não foi informado sobre mudanças no comando do partido lá. Ele disse que respeita decisão do Capitão Wagner, presidente estadual da sigla, mas que é pré-candidato a prefeito de Caucaia, “independente de questões partidárias”.

Foto: JL Rosa

“Manda ele declarar apoio que eu digo quem vai ser o vice”, responde Wagner a Heitor

“A gente conversou depois da eleição sobre mantermos os partidos juntos, tratamos sim (da vice) e a gente disse que, dependendo dos nomes, isso seria viável, mas é muito cedo. O PSL nem declarou apoio para estar fazendo essa exigência. Manda ele declarar, que eu digo quem vai ser o vice”

Capitão Wagner (Pros), em resposta a Heitor Freire (PSL).

Foto: Foto: Divulgação

PSL cobra lugar de vice na chapa de Capitão Wagner

O deputado federal Heitor Freire (PSL) disse que só apoiará Capitão Wagner (Pros) à Prefeitura de Fortaleza em 2020 se o PSL indicar o candidato a vice. “Ele já me ofereceu (o cargo). Se não for para indicar, não fazemos aliança. Vamos entrar de coadjuvante?“, questiona. E aí, Capitão?

Foto: José Leomar

Vitor Valim assumirá o comando do Pros em Caucaia, no lugar de Deuzinho Filho

Cotado para disputar a Prefeitura de Caucaia em 2020, o deputado estadual Vitor Valim (Pros) deve comandar o partido na cidade, a partir de outubro deste ano, no lugar Deuzinho Filho. O ex-vereador queria ser o candidato do Pros a prefeito em Caucaia. Agora, deve tentar a empreitada por outro partido: o PSC.