Foto: Érika Fonseca/CMFor

Fundo Imobiliário avança na Câmara Municipal de Fortaleza

Projeto de lei que pretende autorizar a Prefeitura de Fortaleza a desafetar e vender bens públicos por decreto do Executivo teve parecer favorável aprovado em reunião da comissão conjunta de Constituição e Meio Ambiente da Câmara Municipal da Capital na quarta-feira (11). Agora, as cinco emendas apresentadas à matéria esperam o parecer do relator.

Foto: Érika Fonseca/CMFor

Projeto quer conceder bolsas de monitoria para alunos da rede pública de Fortaleza

A Prefeitura de Fortaleza quer conceder bolsas de monitoria para os melhores alunos da rede pública de ensino de Fortaleza. As bolsas seriam no valor de R$ 350 com duração de 12 meses para estudantes do ensino fundamental. A matéria foi lida nesta quinta-feira (12) na Câmara Municipal de Fortaleza e deve ser analisada pela comissão conjunta de Constituição e Orçamento.

DEM deve candidato a prefeito de Fortaleza em 2020, defende deputado

“A Luizianne (Lins) é candidata (à Prefeitura de Fortaleza) do PT , do governador. O PDT vai sair da base aliada por isso? São coisas da política”.

Deputado João Jaime (DEM), ao defender que o seu partido deve ter candidato a prefeito em Fortaleza. A decisão, diz ele, é do diretório nacional. A sigla tem o vice de Roberto Cláudio, Moroni Torgan.

Foto: Helene Santos

Ainda sem emendas, projeto que cria núcleo gestor do Plano Diretor deve ser votado nesta terça

O projeto de lei da Prefeitura de Fortaleza que cria o núcleo gestor para coordenar a elaboração do Plano Diretor de Fortaleza deve ser votado nesta terça-feira (10) na Câmara Municipal. A matéria ainda não possui emendas de vereadores, que podem apresentar alterações até o momento em que a proposta for lida no plenário.

Foto: Érika Fonseca/CMFor

Proposta que cria núcleo gestor do Plano Diretor tem parecer aprovado em comissão

A Comissão Especial do Plano Diretor da Câmara Municipal de Fortaleza aprovou, nesta quinta-feira (5), parecer favorável ao projeto de lei que cria núcleo gestor do Plano Diretor. De autoria da Prefeitura de Fortaleza, a proposta teve relatoria do vice-líder do Governo na Casa, Dr. Porto (PRTB). O projeto tramita em regime de urgência.

Roberto Cláudio quer nova ação contra André Fernandes no Conselho de Ética da Assembleia

O deputado estadual André Fernandes (PSL) pode ser alvo de nova ação no Conselho de Ética da Assembleia Legislativa. O prefeito Roberto Cláudio (PDT) estuda entrar com ação no colegiado, por meio do PDT, do qual é presidente municipal, após a divulgação de vídeo de Fernandes contendo acusações sobre suposta cartilha da Secretaria de Educação que trataria de sexualidade infantil.

PTC anuncia decisão de ir à oposição a Roberto Cláudio; vereadora pode deixar a sigla

O novo dirigente municipal do PTC, Adriano Bento, esteve, hoje, na Câmara Municipal de Fortaleza, nesta quarta (04), para notificar as vereadoras Cláudia Gomes e da decisão do partido na Casa de ser, a partir de agora, oposição à gestão Roberto Cláudio. Cláudia Gomes se disse surpresa com a decisão e não descarta deixar a legenda.

Mudanças nas Regionais da Capital geram queixas e atrasam entrega do projeto

Planejada para ser entregue em agosto, a proposta da Prefeitura que trata da nova territorialização de Fortaleza tem enfrentado resistências. Na nova configuração, há perda de status político dos atuais secretários, que passariam a ser secretários-executivos, gerando queixas.

O Diário do Nordeste trouxe reportagem sobre a proposta.

Foto: Arquivo

“Em 27 anos de vida pública, não tenho arrependimentos”, diz Cambraia

Natural de Senador Pompeu, Cambraia iniciou a vida pública como secretário de Finanças do então prefeito Juraci Magalhães, em 1990. Filiado ao PMDB, foi eleito prefeito de Fortaleza em 1996.  Na sequência foi eleito deputado federal por dois mandatos e, por fim, assumiu a presidência da Cegás por 6 anos. “Sou filiado ao PSB, mas sem militância”, conta.

Por onde anda: ex-prefeito da Capital, Antônio Cambraia não quer mais saber da política

Ex-prefeito de Fortaleza, secretário municipal e deputado federal por dois mandatos, o economista Antônio Cambraia deixou o cenário político cearense e reabriu, há dois anos, seu escritório especializado em investimentos. “Foram 27 anos de vida pública, agora quero tranquilidade e disponibilidade para estar com os meus três filhos e 10 netos”, diz.