-  

Ceará recebe doses extras de CoronaVac após decisão da Justiça Federal

O Governo do Ceará recebeu, neste sábado (15), 25.020 doses extras de CoronaVac determinadas pela Justiça Federal, em ação movida pelo Estado em parceria com MPE, MPF, MPT, Defensoria Pública do Estado (DPE) e da União (DPU). “As vacinas serão utilizadas para concluir a aplicação em atraso da segunda dose dos cearenses”, disse Camilo Santana (PT).

  -  

Justiça acata denúncia contra o ex-deputado federal Adail Carneiro

A Justiça acatou nesta sexta (22) denúncia do Ministério Público Federal contra o ex-deputado Adail Carneiro. Ele foi denunciado em 2020, após ser preso na segunda fase da Operação Km Livre. Adail é acusado de liderar esquema que movimentou cerca de R$ 600 milhões em 20 anos na Prefeitura de Fortaleza. Desde o caso, ele não atende tentativas de entrevista.

Foto: Alex Costa
  -  

Justiça Federal condena ex-superintendente do DNIT por fraude em licitações no Ceará

A Justiça Federal condenou o ex-superintendente do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) no Ceará, Joaquim Guedes, e outras três pessoas acusadas por fraudar licitações de obras na rodovia BR-222 entre 2009 e 2010. Ele recebeu pena de 14 anos de prisão, além de pagamento de multa de R$ 347.979,06, em ação ajuizada pelo Ministério Público Federal (MPF).

  -  

Justiça Federal condena prefeito de Apuiarés por improbidade administrativa

Roberto Sávio Gomes da Silva é acusado em ação do MPF-CE de desviar recursos do Ministério do Turismo para a realização do “Apuiarés Junino”, em 2012. Na decisão, o juiz determina a devolução de R$ 100 mil, pagamento de multa de R$ 25 mil e perda dos direitos políticos por cinco anos. Cabe recurso à decisão. A defesa diz ainda não ter sido notificada.