-  

Glêdson Bezerra diz que não é ‘bolsonarista’, nem ‘cidista’, é ‘flamenguista’

Entrevistado do PontoPoder Eleições desta terça-feira (27), Glêdson Bezerra (Pode), disse que, quando questionado sobre seu viés ideológico, se é bolsonarista ou cidista, responde: “sou flamenguista”. “Não tenho político para chamar de meu. Com relação ao presidente da República, não tenho uma aproximação direta”, afirmou ao ser perguntado sobre relação com o presidente Jair Bolsonaro.

  -  

Bolsonaro autoriza envio das Forças Armadas para atuar durante as eleições

Em decreto publicado no último dia 19, o presidente Jair Bolsonaro autorizou o uso das Forças Armadas para atuar durante as eleições. As localidades e o período de emprego das Forças serão definidos pelo TSE. No mesmo dia, o governador Camilo Santana se manifestou favorável à decisão do TRE-CE de requisitar forças federais para dez municípios cearenses.

 

Foto: Divulgação
  -  

Heitor Freire responde críticas de Bolsonaro e afirma que não autorizou uso de imagem

Chamado de “cara de pau” por Bolsonaro por ter aparecido ao lado dele em propaganda do candidato à Prefeitura de Pacatuba, André Holanda (PSL), Heitor Freire disse que nem autorizou nem pediu o uso de sua foto no material. André afirmou ter colocado a imagem de forma espontânea. Em vídeo, Heitor disse não ser “pau mandado de nenhum poderoso”.

  -  

André Holanda diz que usou imagem de Bolsonaro e Heitor Freire sem pedir autorização

Candidato à Prefeitura de Pacatuba, André Holanda (PSL) se disse surpreso com as críticas de Bolsonaro a uma imagem postada nas redes sociais, em que ele aparece ao lado de Heitor Freire e do presidente. Bolsonaro chamou Freire de “cara de pau”, já que os dois estão rompidos. “O deputado nunca me pediu e nem sabia dessa arte que eu tinha feito”, afirmou André.

  -  

Heitor Freire diz que não sabia de material com Bolsonaro e avalia: “eu tô é ganhando em não colar no Bolsonaro”

Após Bolsonaro criticar Heitor Freire (PSL) por usar a imagem dele em campanha com aliados no Estado, Freire disse que não sabia do material e de “forma alguma” vai se associar ao presidente. “Porque não sou Maria vai com as outras. Sou de direita e conservador. Tô recebendo tanto apoio em não querer colar no Bolsonaro. Tô é ganhando”.

  -  

Bolsonaro critica Heitor Freire por uso de imagem dele em santinho de candidato em Pacatuba

Em live hoje (8), o presidente Bolsonaro criticou o uso de sua imagem em campanha de ex-aliados, citando o prefeiturável Heitor Freire (PSL). “É muita cara de pau desse deputado federal Heitor Freire de fazer santinho para seu candidato usando a minha fotografia no momento em que está rompido comigo”, disse o presidente exibindo o santinho de um candidato de Pacatuba.

Foto: Reprodução
  -  

Bolsonaro cita apoio a Capitão Wagner e diz que entrará nas campanhas eleitorais na reta final

O presidente Jair Bolsonaro declarou apoio a alguns candidatos pelo Brasil, citando, por exemplo, São Paulo, e também Fortaleza. Bolsonaro disse que vai se engajar em algumas campanhas na reta final e citou o “Capitão”, em referência a Capitão Wagner (Pros), que, segundo ele, “já está na frente”. Ele falou durante live nas redes sociais nesta noite (8).

Foto: Presidência da República
  -  

Bolsonaro nomeia advogado Rogério Feitosa como juiz substituto para o TRE-CE

Decreto assinado pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido) nomeou Rogério Feitosa Carvalho Mota como juiz substituto do Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE). A ordem foi publicada no Diário Oficial da União desta quarta, 23. Mota ocupa vaga de Kamile Castro, que assumiu cargo de juíza titular. Ele foi escolhido de uma lista tríplice.

  -  

Apoiadores do presidente Bolsonaro marcam presença em convenção de Capitão Wagner

Parlamentares aliados e apoiadores do presidente Jair Bolsonaro no Ceará, como os deputados estaduais André Fernandes (Republicanos) – que está temporariamente com o mandato suspenso – e Delegado Cavalcante (PSL) marcam presença na convenção do Pros, hoje (7), que oficializa a candidatura do deputado Capitao Wagner à Prefeitura de Fortaleza.

  -  

“Acho que foi um tiro no pé”, diz Tasso sobre vetos do presidente Bolsonaro a novo marco legal do saneamento básico

“Acho que é um tiro no pé que o governo está dando, porque um projeto que estava sendo aplaudido, até com aplausos entusiasmados de boa parte da sociedade brasileira, vai virar uma polêmica inteiramente sem sentido. Foi uma extrema surpresa para mim.

Tasso Jereissati (PSDB) sobre vetos do presidente Jair Bolsonaro a lei que define o novo marco legal do saneamento básico.

Foto: Agência Senado