-  

Eduardo Girão reúne 33 assinaturas para ampliação da CPI da Covid-19 no Senado

O senador Eduardo Girão (Podemos) conseguiu 33 assinaturas para a instalação de uma CPI que investigue também estados e municípios no Senado. A medida fortalece o discurso de Jair Bolsonaro de que a comissão inicialmente proposta teria cunho de perseguição pessoal, e agora o foco poderá ser menor no Governo Federal. Girão chamou de “esdrúxula” a intervençã0 do STF no assunto.

Foto: Agência Senado
  -  

Aliados de Bolsonaro no Ceará se unem para acompanhar chegada de vacina já questionada pelo presidente

Aliados de Jair Bolsonaro acompanharam a chegada de mais um lote de vacinas contra a Covid-19 ao Ceará, nesta quinta (1º): o vereador Carmelo Neto (Rep) e os deputados Capitão Wagner (Pros), Soldado Noelio (Pros), Delegado Cavalcante (PSL) e André Fernandes (Rep). Meses atrás, eles seguiam discurso do presidente, que questionava a eficácia da CoronaVac.

  -  

“Perdi completamente a expectativa na regeneração do Bolsonaro”, diz Tasso Jereissati

O senador Tasso Jereissati (PSDB) passou a defender o impeachment do presidente Jair Bolsonaro nesta quarta (30). “Perdi completamente a expectativa na regeneração do Bolsonaro. Tenho dúvida até sobre seu equilíbrio mental”, disse. “O problema dele é médico, é psiquiátrico, não é um problema político”, acrescentou em entrevista ao Manhattan Connection.

Foto: Moreira Mariz/Agência Senado
  -  

“Vilão de filme de terror”, diz vereador do PDT sobre presidente Bolsonaro

O vereador Júlio Brizzi (PDT) criticou a condução do País na pandemia pelo presidente Bolsonaro, a quem chamou de “vilão de filme de terror”. Citando o atraso das vacinas, o boicote ao isolamento e as perseguições políticas a críticos, o parlamentar disparou: “É uma pena para o nosso país, é um flagelo para o nosso povo, esse cidadão na presidência”.

Foto: Reprodução
  -  

“É um ato de desespero de quem vê sua imagem se deteriorar”, diz Ciro sobre inquérito após críticas a Bolsonaro

“Particularmente não ligo para esse ato contra mim, mas considero grave a tentativa de Bolsonaro de intimidar opositores e adversários. Entendo que é um ato de desespero de quem vê sua imagem se deteriorar todos os dias pela gestão criminosa do Brasil na pandemia”

Ciro Gomes, sobre abertura de inquérito na PF, após criticar Bolsonaro em entrevista

Foto: Foto: José Leomar
  -  

Ciro é alvo da Polícia Federal por suposto crime contra honra de Jair Bolsonaro

Ciro Gomes (PDT) virou alvo da Polícia Federal após suposto crime contra a honra do presidente Jair Bolsonaro. Numa entrevista a uma rádio de Sobral, o ex-ministro se referiu ao presidente como ladrão, sobre esquema da “rachadinha”. Ciro disse que sabe sobre o inquérito há dez dias: “estou pouco me ligando”, disse ao jornal O Estado de S. Paulo.

  -  

Em carta, governadores do Nordeste declaram surpresa por ação de Bolsonaro e cobram pacto nacional

Em carta publicada hoje (19) pelo Consórcio Nordeste, os nove governadores alegaram “muita surpresa” em relação à ação, chamada de “inusitada”, movida por Bolsonaro para tentar derrubar medidas de isolamento em 3 estados. O texto relembra o respaldo do próprio STF às medidas e cobra união. “Só existe uma forma de proteger a economia e os empregos: enfrentar e vencer a pandemia”, diz trecho da carta.

Foto: Marcelo Camargo / Agência Brasil
  -  

Bolsonaro veta internet gratuita a alunos e professores e recebe críticas de deputado cearense autor da proposta

O presidente Jair Bolsonaro vetou projeto de lei aprovado pelo Congresso que pretendia garantir internet gratuita a professores e alunos da rede básica. O Governo alegou dificuldades financeiras. Autor do texto, o deputado Idilvan Alencar (PDT) afirmou que vai trabalhar para derrubar o veto. “O presidente é contra tudo que é importante para a educação”, disse.

Foto: Tânia Rêgo / Agência Brasil
  -  

“Abriu-se uma avenida para o centro (político)” com elegibilidade de Lula, diz Tasso

O senador Tasso Jereissati (PSDB-CE) disse considerar, em entrevista à CNN Brasil, que a volta dos direitos políticos de Lula “abriu uma avenida para o centro (político)” por causa da polarização simbolizada pelo petista e por Jair Bolsonaro. “Que possamos construir uma candidatura ao redor de um programa nem de direita nem de esquerda”, defendeu.

  -  

“Só se for na casa da tua mãe!”, diz Bolsonaro sobre pedidos por compra de vacinas

Criticado pela demora na aquisição de vacinas e pelo começo tardio da campanha de imunização, o presidente Jair Bolsonaro mais uma vez ignorou o decoro ao tratar do assunto. “Tem idiota que a gente vê nas mídias sociais, na imprensa… [dizendo] ‘vai comprar vacina’, só se for na casa da tua mãe!“, gritou para o aplauso de apoiadores em Uberlândia (MG).

Foto: Reprodução
  -  

Cid cobra instalação da CPI da Covid-19 e ataca Bolsonaro: “inconsequente, irresponsável, despreparado”

O senador Cid Gomes (PDT) pediu, nesta terça-feira (2), urgência na instauração da CPI da Covid-19, que deve investigar irregularidades no combate à pandemia. Ele fez críticas ao presidente Jair Bolsonaro. “Esse presidente inconsequente, irresponsável, despreparado precisa ter um alerta para que não cometa mais tais absurdos e fique negando um mal que o mundo inteiro teme”, disse.

Foto: Senado
  -  

Governadores rebatem Bolsonaro sobre repasses a estados na pandemia; tensão cresce

Após postagem de Jair Bolsonaro sobre repasses a estados durante a pandemia, ontem (28), 16 governadores contestaram a versão do presidente, em carta, incluindo o cearense Camilo Santana. Os gestores apontaram que os valores, além de já serem obrigatórios e previstos na Constituição, representam uma “parcela absolutamente minoritária” para Saúde.

Foto: Evaristo Sá/AFP
  -  

Para Tasso, CPI contra Bolsonaro pode ser teste de ‘independência’ do presidente do Senado

Um dos autores do pedido de uma investigação sobre a conduta de Jair Bolsonaro na pandemia, o senador cearense Tasso Jereissati (PSDB) diz que a pauta foi engavetada pelo presidente Rodrigo Pacheco (DEM). “Esse vai ser o grande teste do Rodrigo, se é realmente independente como diz ou se para ganhar se comprometeu até à alma com Bolsonaro”, diz em entrevista ao Estado de S. Paulo.

Foto: Moreira Mariz/Agência Senado
  -  

Camilo volta a criticar Bolsonaro após novo confronto com governadores: “lamentável”

“Lamentável que o presidente da República, além de desrespeitar normas sanitárias o tempo inteiro, leve seu tempo a espalhar informações distorcidas e promover discórdia com governadores, quando deveria tentar unir o País para superarmos juntos a gravíssima crise que vivemos”

Camilo Santana (PT) em nova crítica o presidente Jair Bolsonaro, que tem travado batalha contra governadores.

  -  

Após aglomerações em visita de Bolsonaro ao Ceará, Tasso quer instalação da CPI da Covid-19 no Senado

O senador Tasso Jereissati (PSDB) disse ao jornalista Gerson Camarotti (G1) que cobrará do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), a instalação da CPI da Covid-19 no Senado. “Bolsonaro cometeu crime de responsabilidade ao mandar as pessoas à morte, estimulando aglomeração”, disse, após visita do presidente ao Ceará. Ao todo, 30 senadores assinaram o requerimento da CPI.

Foto: Moreira Mariz/Agência Senado
  -  

“Ignora a aflição do nosso povo”, diz Cid sobre aglomeração em visita de Bolsonaro ao Ceará

“A situação da pandemia é gravíssima (…). Enquanto isso, o irresponsável, despreparado e inconsequente presidente da República se cerca de outros tantos irresponsáveis e promovem aglomerações no Ceará. Ignora a aflição do nosso povo”.

Senador Cid Gomes (PDT), em reação à visita presidencial ao Ceará.

  -  

“Continuaremos firmes, combatendo o negacionismo”, diz Camilo ao rebater fala de Bolsonaro

Após Jair Bolsonaro criticar medidas de isolamento em passagem no Ceará, o governador Camilo Santana declarou que “aqueles que debocham da ciência e principalmente desrespeitam a dor das milhares de famílias vítimas da Covid, receberão o justo julgamento. Continuaremos firmes, combatendo o negacionismo“, disse o petista nas redes sociais.

Foto: Fabiane de Paula
  -  

“Não haverá mais obras paradas no Ceará”, diz ministro da Infraestrutura

Acompanhando o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), o ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, anunciou a retomada de “todas as obras federais” no Ceará. “Com essa ordem de serviço vamos retomar a travessia urbana de Tianguá, a variante de Frios e Umirim, e já retomamos as obras da Transnordestina. 100% das obras em andamento”, disse.

Foto: Reprodução
  -  

Prefeito anuncia que Bolsonaro receberá título de cidadão tianguaense

Em seu discurso diante do do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), o prefeito de Tianguá, Luiz Menezes (PSD), informou que a Câmara Municipal decidiu conceder o título de cidadão tianguaense para o chefe do Executivo Nacional. O deputado federal Domingos Netos (PSD) também receberá o reconhecimento. Bolsonaro assina três ordens serviços.

Foto: Reprodução
  -  

A caminho do Ceará, Bolsonaro veste camisa declarando amor por Fortaleza

No avião presidencial a caminho do Ceará, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) vestiu uma camiseta declarando que ama Fortaleza. O presidente passará pela Capital durante visita ao Estado. Na programação, ele deve participar de eventos também nas cidades Tianguá, Umirim e Horizonte.

Foto: Divulgação