-  

Agenor Neto ficou no MDB e com o controle do PSB em Iguatu de olho nas eleições

O deputado Agenor Neto ficou no MDB. Ele tentava ir para o PSB, de olho na eleição em Iguatu. No fim das contas, a sigla pessebista acabou nas mãos do seu grupo político. O filho, Ilo Neto, e o ex-prefeito de Iguatu, Aderilo Alcântara, se filiaram ao PSB. Um deles será candidato a prefeito do município contra o grupo da ex-deputada Mirian Sobreira.

Foto: José Leomar
  -  

Agenor Neto ainda na “peleja” para sair do MDB e se filiar ao PSB

O deputado Agenor Neto ainda está na “peleja” para sair do MDB e se filiar ao PSB. Ele é pré-candidato à Prefeitura de Iguatu. A mudança já está acertada faz um tempo com o presidente estadual do PSB, Denis Bezerra. O problema é que o ex-senador Eunício Oliveira, presidente do MDB no Ceará, ainda não liberou a sua saída e ele não sabe se liberará.

Foto: José Leomar
  -  

Mirian Sobreira vive impasse em trocar PDT pelo PT; disputa de 2020 em Iguatu pesa

Partido não é problema para a ex-deputada Mirian Sobreira se quiser disputar a Prefeitura de Iguatu. De um lado, tem o PT, que já trata ela como pré-candidata, com convite do ex-presidente Lula. Do outro, tem Cid Gomes, líder do PDT, atual partido dela, que pediu para ficar. Não é à toa, Mirian e a família Sobreira tem seus votos no Estado.

Foto: Divulgação
  -  

Deputado Agenor Neto vai trocar MDB pelo PSB para disputar Eleições 2020

O deputado Agenor Neto, do MDB, vai para o PSB, para disputar a Prefeitura de Iguatu em 2020. Nos bastidores, integrantes do PSB falam que foi um pedido do governador Camilo. Agenor ia se filiar em 2018, mas Odorico Monteiro, presidente do partido na época, vetou. Agora, ele aguarda apenas uma conversa de Camilo com Eunício para concretizar.

  -  

Deputado reconhece conflitos na base governista no interior e diz que esse é o maior desafio no PDT

Diretamente interessado na disputa eleitoral em Iguatu, o deputado Marcos Sobreira diz que o maior desafio do senador licenciado Cid Gomes no comando do PDT é conter os conflitos internos na base aliada, principalmente em cidades do Interior. Ele foi um dos primeiros a chegar ao ato de inauguração do comitê do PDT em Fortaleza.

  -  

Mirian Sobreira vai trocar o PDT pelo PT de olho nas Eleições de 2020

A ex-deputada Mirian Sobreira, atual secretária executiva de Políticas Sobre Drogas do Estado, vai deixar o PDT nos próximos dias e se filiar ao PT. A mudança é articulada junto ao deputado José Guimarães e visa às Eleições de 2020. Ela pode disputar a Prefeitura de Iguatu, comandada pelo seu grupo político. Mirian teve até a “benção” de Lula.