Apesar de maioria, base aliada demora a conseguir quórum e aprovação

A base aliada do prefeito Roberto Cláudio possui ampla maioria na Câmara Municipal, com 36 dos 43 vereadores. Apesar disso, houve demora na aprovação em primeira discussão do Fundo Imobiliário. Foram quase 40 minutos para atingir os 21 votos necessários, em meio à tentativa de obstrução da oposição. Foram quatro votos contrários.

Câmara aprova projeto que permite à Prefeitura desafetar e vender terrenos e imóveis públicos

A Câmara Municipal de Fortaleza aprovou, hoje (23), a criação do Fundo Municipal Imobiliário (Fimob) em primeira discussão. O projeto permite a desafetação e a venda de terrenos e imóveis da Prefeitura que estejam desocupados. O texto não cita as propriedades e estabelece seis meses para que essa venda possa ser feita.

Foto: Plenário da Câmara Municipal de Fortaleza

Câmara Municipal discute Fundo Imobiliário para Prefeitura de Fortaleza

A Câmara Municipal começa a discutir na próxima semana o projeto de lei enviado pela Prefeitura de Fortaleza que cria o Fundo Municipal Imobiliário. A ideia é dar prerrogativa à gestão municipal para vender terrenos públicos que estão sendo “subutilizados” e destinar o recurso ao fundo, para comprar propriedades em áreas da cidade.

Reportagem do Diário do Nordeste.