-  

TRE cassa chapa de candidatos a vereador em Nova Russas por candidaturas fictícias de mulheres

O Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE) cassou mais uma chapa de candidatos a vereador por fraude à cota de gênero. Desta vez, os suplentes e um vereador eleito pelo PDT em Nova Russas tiveram seus registros e diploma cassados após investigações apontarem que as três candidatas do partido não realizaram atos de campanha nas eleições de 2020.

  -  

Juíza cassa os mandatos da prefeita e do vice de Acaraú por abuso de poder econômico e compra de votos

A juíza da 30ª Zona Eleitoral, Ana Celina Monte, cassou os mandatos da prefeita de Acaraú, Ana Flávia Monteiro, e do vice, Francisco Bispo Parnaíba, por abuso de poder econômico e captação ilícita de votos. A juíza determinou a inelegibilidade do deputado federal Robério Monteiro (PDT), esposo da prefeita, por ser o “responsável” pelos atos. Eles podem recorrer da decisão.

  -  

‘Defendo que a gente não mude uma vírgula’, diz Cid sobre estratégia do PDT para 2022 com Lula elegível

“Ainda não conversei com o Ciro, com o Lupi, mas defendo que a gente não mude um milímetro, uma vírgula do que estamos tocando, ou seja, um projeto que não seja o Bolsonaro, nem o estilo PT de governar”.

Senador Cid Gomes (PDT), em declaração ao site O Antagonista, sobre a anulação das condenações do ex-presidente Lula na Lava Jato, pelo ministro do STF Edson Fachin, que torna o petista elegível.

Foto: Natinho Rodrigues
  -  

‘Por que não bota o Camilo Santana? O Wellington Dias?’, questiona Ciro em crítica a Lula sobre candidatura do PT

“Por que não bota o Camilo Santana? Por que não bota o Wellington Dias? Não, tem que ser alguém para repetir fenômeno Dilma, que ele bota sem nenhuma experiência política para ficar mandando, e agora quer repetir o mesmo erro”.

Ciro Gomes (PDT), ex-governador e ex-ministro, em crítica ao ex-presidente Lula (PT) durante entrevista ao portal Uol. Ele chamou Fernando Haddad de “Fernando Henrique menos um que o Lula quer impor ao povo brasileiro”.

Foto: Reprodução
  -  

TRE-CE reverte cassação dos diplomas do prefeito e do vice de Mulungu

Por decisão do Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE), foi revertida sentença de 1º grau que cassava os diplomas do prefeito e do vice-prefeito de Mulungu, Robert Viana (PL) e Cleanto Uchoa (PP), em ação por abuso de poder. Os juízes também reverteram a cassação do diploma da vereadora  Lyziane do Studart (PL). O julgamento do recurso ocorreu na sexta-feira (26).

Foto: Reprodução
  -  

TSE oficializa decisão do TRE e convoca novas eleições em Martinópole

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) oficializou decisão do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), anulando o pleito majoritário de 2020 em Martinópole e convocando novas eleições. Com isso, o presidente da Câmara assumirá o Executivo de maneira provisória. O atual prefeito, James Martins Pereira Barros (PP), foi enquadrado na Lei da Ficha Limpa e tornou-se inelegível.

  -  

Em retorno de julgamentos, TRE analisa recurso de prefeito de Viçosa do Ceará; definição continua em aberto

O TRE-CE retomou as sessões de julgamento hoje (21). Um dos casos foi o recurso do prefeito de Viçosa do Ceará, Zé Firmino (MDB). O relator do caso, Inácio de Alencar Cortez Neto, manteve a sentença, mas votou por trocar a acusação de abuso de poder político para conduta vedada. O julgamento não foi encerrado, porque o juiz Eduardo Scorsafava pediu vistas.

  -  

Apenas 24% dos eleitores faltosos justificaram o voto no Ceará; prazo termina nesta quinta (14)

Termina nesta quinta-feira (14) o prazo para eleitores que não votaram no primeiro turno justificarem a ausênciaDe acordo com o TRE-CE, foram submetidas, até o final do dia de ontem, 267.965 justificativas, o que representa apenas 24% das 1.112.211 abstenções registradas. Eleitores podem usar o aplicativo E-título ou o Sistema Justifica, no site do TSE.

Foto: Natinho Rodrigues
  -  

Prefeito e vice de São Gonçalo do Amarante, professor Marcelão e Bethrose tomam posse nesta sexta

O novo prefeito de São Gonçalo do Amarante, professor Marcelão (Pros), e a vice-prefeita, Bethrose (PP), tomaram posse nesta sexta (1º). Além deles, também foram empossados 13 vereadores. Opositor do prefeito, o vereador Ailson Frota (PTB) ainda foi eleito presidente da Casa. A sessão solene foi restrita aos empossados e transmitida virtualmente.

Foto: Reprodução
  -  

É ‘obrigatório’ ter oposição, afirma Sarto durante entrevista coletiva

Durante entrevista coletiva realizada no início da noite desta sexta-feira (1º), Sarto Nogueira (PDT) defendeu como “obrigatória” à gestão ter uma oposição baseada em princípios republicanos. O atual prefeito de Fortaleza citou como exemplo o retorno às aulas presenciais, questão criticada, mas para a qual a oposição também apontou novos caminhos.

Foto: Natinho Rodrigues
  -  

Em discurso de posse, Sarto defende a vacinação e critica ‘negacionismo à Ciência’

Durante a solenidade de posse, na tarde desta sexta-feira (1º), o prefeito eleito de Fortaleza, Sarto Nogueira (PDT), defendeu a vacinação da população e pediu o apoio da Câmara Municipal para se unir no mesmo propósito. “Não há tempo nem espaço para o negacionismo que despreza a Ciência. A vida de nossa gente é o nosso bem mais precioso”, disse.

  -  

TRE-CE indefere registro de vice-prefeita eleita de Jaguaruana e chapa pode cair

O TRE-CE indeferiu nesta quinta (17) a candidatura da vice-prefeita eleita de Jaguaruana, Flávia Façanha (PSB). Segundo a decisão, ela não teria se afastado do cargo de assessora parlamentar na AL-CE. O prefeito reeleito, Roberto da Viúva (PDT), também foi indeferido, por rejeição de contas. Sem diplomação da chapa, a presidência da Câmara assume.

 

 

  -  

A algumas horas do fim do prazo, apenas 25% dos candidatos e partidos prestaram contas

Termina nesta terça (15) o prazo da prestação de contas de campanha ao Sistema de Prestação de Contas Eleitorais, plataforma online da Justiça Eleitoral. Dos cerca de 6.400 candidatos e partidos, apenas 1.640 (25%) haviam submetido dados ao TRE-CE até meio-dia. Pode haver perda da quitação eleitoral (candidatos) e o acesso a recursos (partidos).

Foto: Natinho Rodrigues
  -  

Capitão Wagner vai ao Centro agradecer votos na disputa pela Prefeitura de Fortaleza

O candidato derrotado à Prefeitura de Fortaleza, Capitão Wagner (Pros), voltou às ruas do Centro, na manhã de hoje (12), um dos principais palcos da campanha de 2020, para agradecer à população pelos 625 mil votos no 2º turno. “Resolvi contrariar aquelas pessoas que pensam ‘ah, esses políticos só vêm aqui em época de eleição'”, disse Wagner nas redes sociais

Foto: Reprodução
  -  

MP entra com nova ação pedindo cassação do registro ou dos diplomas de prefeito eleito, vice e vereador de Coreaú

O MP Eleitoral ajuizou nova ação pedido a cassação do registro de candidatura ou dos diplomas de Edézio Sitônio, Érika Cristino e Chico Antônio (PDT), em Coreaú, respectivamente prefeito, vice e vereador eleitos, do PDT. Eles são suspeitos de abuso de poder econômico, com crime de compra de votos. O MP também pediu indisponibilidade de bens e aplicação de multa.

Foto: Reprodução/Instagram
  -  

Votos brancos, nulos e abstenções: compare números no 1º e 2º turno em Fortaleza

Compare o número de abstenções, brancos e nulos, do 1º para o 2º turno em Fortaleza:

Votos Brancos: de 50.234 (3,53%) para 35.081 (2,50%)
Votos Nulos: de 92.295 (6,48%) para 77.798 (5,53%)
Abstenções: de 397.774 (21,83%) para 414.959 (22,78%)

Sarto Nogueira (PDT) venceu Capitão Wagner (Pros) na disputa para prefeito de Fortaleza por uma diferença de 43.760 votos. Se somados, os votos brancos e nulos deste pleito chegaram 112.879, número suficiente para influenciar no resultado final da eleição. Também há que se considerar as 414.959 abstenções.

Foto: Fabiane de Paula
  -  

Pela 1ª vez desde a redemocratização, PT não elege prefeitos nas capitais

O resultado das Eleições 2020, cujo segundo turno ocorreu neste domingo (29), refletiu a perda de espaço do PT em todo o Brasil. Pela 1ª vez desde a redemocratização, o partido não elegeu nenhum prefeito nas capitais. Marília Arraes (foto), em Recife; e o João Coser, em Vitória (ES), eram apostas no 2º turno, mas foram derrotados. Luizianne perdeu em Fortaleza.

Foto: Luizianne Lins e Marília Arraes, os nomes nordestinos nas capitais Fortaleza e Recife, respectivamente. Crédito: Arquivo/Montagem
  -  

Vitor Valim é eleito prefeito de Caucaia com 51,08% dos votos

Com 100% das urnas apuradas, o Superior Tribunal Eleitoral (TSE) declarou Vitor Valim (Pros) eleito para a Prefeitura de Caucaia. A chapa composta pelo então deputado estadual e o vice Deuzinho Filho (Republicanos) recebeu 83.588 votos, relativos a 51,08% do total. O adversário, Naumi Amorim (PSD), atual prefeito, conseguiu 80.045 votos, equivalentes a 48,92%.

Foto: José Leomar
  -  

Camilo comenta eleição de Sarto à Prefeitura de Fortaleza: “vitória da defesa da verdade”

Após definição da eleição de Sarto (PDT) para a Prefeitura de Fortaleza, hoje (29), o governador Camilo Santana (PT) comentou o resultado em sua conta no Twitter. “Uma vitória da defesa da verdade, do respeito, da paz e do reconhecimento ao trabalho e à enorme disposição para enfrentar os muitos desafios que virão pela frente”, disse o petista.

Foto: Natinho Rodrigues
  -  

Sarto Nogueira é eleito com 51,69% dos votos, em Fortaleza

Com 98,03% das urnas apuradas, o Superior Tribunal Eleitoral (TSE) declarou Sarto Nogueira (PDT) eleito para a Prefeitura de Fortaleza. A chapa composta pelo pedetista e o vice Élcio Batista (PSB) recebeu 655.538 votos, relativos a 51,69% do total. O adversário, Capitão Wagner (Pros), conseguiu 612.769 votos, equivalentes a 48,31%.

Foto: Kid Júnior