-  

Promotorias Eleitorais de Fortaleza ajuízam ação por multa de R$ 200 mil para coibir aglomerações

As 6 Promotorias de Fortaleza responsáveis por fiscalizar propagandas eleitorais ajuizaram uma ação conjunta, hoje, para que os 32 partidos e 10 coligações se abstenham de promover evento ou ato público em desacordo às normas sanitárias. O Ministério Público Eleitoral solicita à Justiça multa de R$ 200 mil por cada evento realizado irregularmente.

  -  

Operação ‘Mensalinho’ investiga suposto esquema ilegal entre Prefeitura e Câmara de Pacujá

O Ministério Público Estadual deflagrou nesta terça-feira (27), a Operação Mensalinho, em Pacujá, na Zona Norte. O objetivo é investigar possível compra de votos de vereadores, que também prometia cargos e distribuía “vale combustível” em troca da aprovação de projetos. Mandados de busca e apreensão, autorizados pela Justiça, foram realizados nas casas de oito vereadores.

Foto: MPCE
  -  

Drones da PF vão monitorar infrações eleitorais nas zonas com histórico de crimes

As zonas eleitorais com histórico de crimes durante o pleito no Ceará terão a fiscalização reforçada por drones da Polícia Federal. Os equipamentos, que passaram por testes ontem (26), serão usados para identificar compra de votos e transporte ilegal de eleitorais, por exemplo, com precisão para registrar placas de veículos e as pessoas suspeitas.