-  

“Por enquanto, nada mudou”, diz Pedro Bezerra sobre presidência do PTB no Ceará

Quatro dias após ser ameaçado pelo presidente nacional do PTB, o ex-deputado Roberto Jefferson, de perder a presidência da sigla no Ceará, o deputado federal Pedro Bezerra (PTB) afirma que “por enquanto, nada mudou”. O cearense contrariou orientação do partido e votou pela prisão de Daniel Silveira (PSL-RJ), por isso corre risco de ser retaliado.

Foto: Divulgação/PTB
  -  

Girão convida Alexandre de Moraes para tratar de “limite entre opiniões” após prisão de Daniel Silveira

O senador Eduardo Girão (Podemos) convidou o ministro Alexandre de Morais (STF), para que esclareça “o limite entre opiniões respaldadas pelo instituto da inviolabilidade parlamentar e opiniões que configuram conduta criminosa”. Roberto Rocha (PSDB-MA) reforçou o convite. Moraes determinou a prisão do deputado Daniel Silveira (PSL-RJ) após insultos ao STF.

Foto: Agência Senado
  -  

“Ninguém pode sair por aí fazendo discurso de ódio, exaltando a ditadura, e depois alegar imunidade parlamentar”, diz Pedro Bezerra

Após contrariar o partido e votar pela manutenção da prisão de Daniel Silveira (PSL-RJ), o deputado Pedro Bezerra (PTB) defende que o carioca abusou da imunidade. “O deputado que não entendeu que a imunidade se dá dentro de um decoro. Ninguém pode sair por aí fazendo discurso de ódio, exaltando a ditadura, e depois alegar imunidade parlamentar”.

Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados
  -  

Ameaçado de perder a presidência do PTB no Ceará, Pedro Bezerra diz que não “não exclui possibilidade” de deixar partido

Ameaçado de ser retirado da presidência do PTB no Ceará, Pedro Bezerra diz que não foi procurado por Roberto Jefferson (PTB), que ameaçou punir aliados que votaram pela prisão do deputado Daniel Silveira (PSL-RJ). “Não conversamos, vou aguardar se de fato vai acontecer”. O cearense disse ainda que “não descarta” deixar o partido caso seja destituído.

  -  

Cinco deputados cearenses votaram pela soltura de Daniel Silveira; veja os nomes

Cinco dos 22 deputados federais cearenses votaram, nesta sexta-feira (19), pela soltura do deputado Daniel Silveira (PSL-RJ): Capitão Wagner (Pros); Danilo Forte (PSDB); Dr. Jaziel (PL), Heitor Freire (PSL) e Vaidon Oliveira (Pros). Não houve nenhuma abstenção. Com 364 votos a favor e 130 contra, o parlamentar segue preso após insultos ao STF.

Foto: Câmara dos Deputados
  -  

André Fernandes ameaça deixar o Republicanos caso partido vote por manter prisão do deputado Daniel Silveira

O deputado cearense André Fernandes (Republicanos) prometeu deixar o atual partido caso a sigla vote, nesta sexta-feira (19), na Câmara dos Deputados, por manter o deputado federal Daniel Silveira (PSL) preso. O parlamentar foi capturado em flagrante na terça (16) por ordem do ministro Alexandre de Moraes, do STF, após divulgar vídeo atacando a Corte.

Foto: Camila Lima
  -  

Capitão Wagner votará pela soltura do deputado Daniel Silveira: “prisão é ilegal”

O deputado Capitão Wagner (Pros), disse, durante live, que votará, nesta sexta (18), pela soltura de Daniel Silveira (PSL-RJ), deputado bolsonarista preso em flagrante na última terça (16), após divulgar um vídeo com ataques verbais e ameaças a ministros da Corte. Wagner argumentou que o parecer de juristas indica ilegalidade na prisão, por ser em flagrante.