-  

Há ‘politicagem’ em consórcios de Saúde do Interior, lamenta deputado

O deputado Carlos Felipe (PCdoB) vem alertando para o problema que se formou nos Consórcios Públicos de Saúde no Interior. Nesta manhã (27), na Assembleia, ele mostrou relatório do Tribunal de Contas do Estado que alerta para o problema da falta de transparência nas unidades do Interior. “Há muita políticagem”, diz ele.

Foto: José Leomar
  -  

Consórcios de Saúde: comissionados terão que passar por seleção, determina decreto

O governador Camilo Santana publicou no Diário Oficial do Estado as regras para o ingresso do Estado em consórcios públicos de saúde. No regramento, ele se posiciona sobre um dos conflitos com prefeitos: os cargos comissionados de secretário executivo e de diretor financeiro. eles terão que passar por seleção pública e obedecer à classificação.

  -  

Auditoria do TCE e CGE no Consórcio de Saúde de Camocim ainda sem prazo

“Acho importante que o Estado faça uma análise profunda em relação aos consórcios de saúde. Vejo uma ideia importante, que traz resultados para população, mas desde que bem gerida”.

Aloísio Carvalho, secretário da Controladoria Geral do Estado. CGE e TCE auditam o Consórcio de Camocim desde junho, ainda sem resultado. Ainda não há prazo.

  -  

‘Consórcios públicos de saúde no Ceará estão desmantelados’, diz Delegado Cavalcante

Pouco antes da reunião do secretário da Saúde do Estado, Dr. Cabeto, com os parlamentares, que está em andamento, o deputado Delegado Cavalcante (PSL) disse que os “consórcios públicos de saúde no Ceará estão desmantelados“. Para ele, o Plano de Modernização da Saúde tem bons pontos, mas precisa ser melhor “esclarecido, para que não haja politicagem“.

Foto: Isanelle Nascimento