Foto: Thiago Gadelha

Cúpula do PDT marca visita ao Cariri e aliados especulam os rumos do partido na disputa em Juazeiro do Norte

A cúpula do PDT, incluindo o ex-ministro Ciro Gomes, vai visitar a região do Cariri no próximo sábado (14). Aliados estão na expectativa para a ida deles a Juazeiro do Norte. A disputa para a Prefeitura de lá já é acirrada na base governista. O empresário Gilmar Bender, do PDT, quer ser candidato, mas o prefeito Arnon Bezerra também quer a reeleição.

Foto: Thiago Gadelha

Manoel Linhares discute com militante após ser chamado de “aliado de Ciro Gomes” em evento do Aliança pelo Brasil

Escolhido para comandar o Aliança pelo Brasil no Ceará, o presidente da ABIH, Manoel Linhares, bateu boca com um militante após ser chamado de “aliado de Ciro Gomes” em evento de coleta de assinaturas ontem (25) em Salvador. “Isso deve ser o PT, retrucou Linhares, que chegou a puxar o grito de “fora!” para o militante, antes de apaziguarem os ânimos.

 

 

Foto: Divulgação

Prefeito de Aracaju se filia ao PDT em meio à ofensiva do partido sobre o Nordeste

O prefeito de Aracaju Edvaldo Nogueira, ex-PCdoB, anunciou nas redes sociais que vai se filiar ao PDT. Na foto, ele aparece ao lado do ex-ministro Ciro Gomes e do prefeito Roberto Cláudio, em Fortaleza. A filiação é um passo da ofensiva que o PDT prepara no Nordeste, de olho nas Eleições 2020. O partido se articula em Pernambuco, Maranhão e Salvador.

Ciro Gomes falta à festa do irmão Ivo e surpreende convidados

No aniversário do prefeito Ivo Gomes, a ausência mais notada pelos presentes foi a do ex-ministro e pré-candidato a presidente em 2022, Ciro Gomes. Ciro também não participou, na quinta, do ato de posse de Cid no diretório estadual do PDT, ocorrido em Fortaleza.

Foto: Natinho Rodrigues

“PDT é maior que o Ciro”, alfineta Gleisi Hoffmann ao comentar possíveis alianças do PT no Ceará

Em Fortaleza, a presidente nacional do PT, Gleisi Hoffmann, disse que o partido não abre mão de ter candidato próprio na Capital. Questionada sobre uma possível aliança com o PDT, ela não perdeu chance de alfinetar. “O PDT é parceiro do PT e é maior do que o Ciro (Gomes)”. Em outras cidades do Ceará, ela admitiu parceria.

“Não seremos puxadinho do PT”, enfatiza André Figueiredo sobre o PDT

Presidente estadual do PDT, André Figueiredo endossou as críticas que Ciro Gomes (PDT) tem feito a Lula. Segundo ele, Ciro tem “direito e legitimidade para tecer as observações” e caracterizou como “infeliz” a declaração de Lula de que o PT “não nasceu para ser partido de apoio”. “De forma alguma seremos considerados puxadinho deles”, enfatizou.  

Presidentes do PT e PDT se reúnem para discutir aliança para 2020 em municípios cearenses

A despeito das divergências entre Ciro Gomes e o ex-presidente Lula, em nível nacional, no Ceará, os dois partidos – PT e PDT – tentam manter clima amistoso e parceria para 2020. Os presidentes das siglas no Ceará, deputado André Figueiredo e Antônio Filho, se reuniram hoje (4) e discutiram a aliança em alguns municípios, menos em Fortaleza, claro. Cada um deve lançar seu candidato.

“Tem que ser um verdadeiro maestro”, diz Camilo sobre relação com Ciro, Bolsonaro e o PT

O governador Camilo Santana foi questionado, em entrevista à TV Bandeirantes exibida ontem (3), sobre como ele dribla a relação com Ciro Gomes, seu aliado político no Ceará, que vive em atrito com o PT, seu partido e, ainda, com o Governo Federal, que é de oposição. Aos risos, Camilo responde bem ao estilo dele: “tem que ser um verdadeiro maestro”.

Foto: José Leomar

Após citação do nome do presidente, Ciro Gomes pede prudência e severidade na investigação do caso Marielle

Após vir à tona a citação do nome do presidente Jair Bolsonaro por uma testemunha do caso Marielle Franco, o ex-governador Ciro Gomes pediu prudência e severidade na apuração do desdobramento. “É preciso prudência, cautela e um apelo para que as autoridades sejam severas”, disse hoje (30) na Assembleia, onde participou da abertura do II Congresso Cearense de Direito Eleitoral.

Com a presença de cearenses, bancadas de centro-esquerda buscam aproximação em Brasília

Parlamentares e lideranças de quatro partidos de centro-esquerda – PDT, PV, PSB e Rede – se reuniram na noite de terça (29), em Brasília. Quatro cearenses participaram do encontro: Cid e Ciro Gomes, além de André Figueiredo, do PDT, e Célio Studart, do PV. Na pauta, questões nacionais, mas também uma aproximação que mira um horizonte eleitoral. Foi a primeira reunião formal do grupo da qual participou o PV. A próxima deve ocorrer em dezembro.