‘Estamos trabalhando para ter um posicionamento até dezembro’, diz Natécia Campos sobre CPI em Caucaia

Ainda presidente da Câmara Municipal de Caucaia, Natécia Campos (PMB) quer garantir que o parecer da CPI que investiga decretos de emergência do prefeito Naumi Amorim (PSD) saia até dezembro, apesar de, segundo ela, vereadores da base governista tentarem “atrapalhar” o andamento dos trabalhos. “Estamos trabalhando para ter um posicionamento até dezembro”, diz.

Articulação da Prefeitura muda perfil dos membros e enfraquece CPI em Caucaia

A articulação do prefeito Naumi Amorim (PSD) tem surtido efeito em Caucaia. Em meio à crise com o Legislativo, o Executivo conseguiu eleger um aliado à presidente da Câmara, e agora reverteu a situação desfavorável na CPI instalada contra o governo dele. Mudança nos membros deu maioria ao prefeito, o que muda o perfil dos trabalhos.

Foto: Flávio Rovere

Reunião da CPI em Caucaia é encerrada após troca de empurrões entre vereadores

A 1ª reunião da CPI que apura denúncias contra o prefeito Naumi Amorim (PSD) foi encerrada com Jorge Luís (PROS), o relator, e Enéas Goes (PTC), aliado do prefeito que em janeiro assume a presidência da Casa, quase se agredindo fisicamente. O clima esquentou quando Enéas chamou Jorge de “mercenário”, em meio a discussão sobre a composição da CPI.

Reviravolta: aliado do prefeito vence eleição na Câmara de Caucaia

Em votação que terminou com diferença de um voto, 12 a 11, a atual presidente da Câmara Municipal de Caucaia, Natécia Campos (PMB), perdeu o posto para Eneas Goes (PTC), que é aliado do prefeito Naumi Amorim (PSD), que retomou o controle do Legislativo. A Casa está em pé de guerra com o prefeito e abriu uma CPI contra a gestão.

Foto: José Leomar

Justiça nega liminar do prefeito Naumi para barrar CPI que vai apurar supostas irregularidades em Caucaia

O juiz Jose Coutinho Tomaz Filho, da 2ª Vara de Caucaia, negou, nesta quarta (18), pedido de liminar do prefeito Naumi Amorim (PSD), para barrar a CPI instaurada na Câmara Municipal, para apurar supostas irregularidades em licitações da gestão. Naumi alegava que não existia um fato e prazo “certo” para início e fim da investigação.

Em sessão tumultuada, Câmara de Caucaia define integrantes de CPI contra o prefeito

Em sessão marcada acusações de perseguição a servidores, a Câmara Municipal de Caucaia definiu os 7 integrantes da CPI que vai apurar irregularidades em dispensas de licitações da prefeitura. Com 4 opositores e 3 aliados do prefeito, a Comissão se reúne, pela primeira vez, amanhã (18), para definir presidente e relator.

Câmara Municipal de Caucaia abre CPI para investigar decreto do prefeito

Oito vereadores assinaram e a presidente da Câmara Municipal de Caucaia, Natécia Campos (PMB), instalou no Legislativo do 2º maior município do Estado, uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), para investigar um decreto de “Calamidade Administrativa” do prefeito Naumi Amorim (PSD). Caucaia está mergulhada em crise política.

Foto: Divulgação

Em disputa judicial, Natécia Campos reassume presidência da Câmara Municipal de Caucaia

A vereadora Natécia Campos (PMB) reassumiu nesta terça (10) o mandato e a presidência da Câmara Municipal de Caucaia. Ela estava afastada há uma semana, acusada de ter empossado irregularmente um suplente sem que ele tivesse diploma de vereador. Nova decisão judicial, porém, reavaliou documentos apresentados por Natécia e restabeleceu as funções.

Justiça afasta presidente da Câmara de Caucaia por suposta improbidade administrativa

A juíza Maria Valdileny Sombra Franklins, da 1ª Vara Cível da Comarca de Caucaia, decidiu, nesta segunda (2), afastar por 180 dias Natécia Campos do cargo de vereadora e de presidente da Câmara Municipal de Caucaia, por suposta improbidade administrativa. De acordo com ação do PSL, a vereadora do PMB empossou um suplente de vereador sem ser diplomado.

Foto: Câmara Municipal de Caucaia

MP pede o afastamento da presidente da Câmara Municipal de Caucaia; ela nega a acusação

O Ministério Público pediu o afastamento da presidente da Câmara Municipal de Caucaia, Natécia Campos (PMB), por suposto ato de improbidade. O MP acusa a vereadora de ter empossado irregularmente um suplente sem que ele tivesse diploma da Justiça Eleitoral. Natécia nega e diz que já anexou o diploma do vereador aos autos. A ação é movida pelo PSL.