-  

E-título agora tem foto do eleitor e pode ser usado como documento no dia da votação

No dia da votação, o eleitor que fez a biometria poderá utilizar apenas o aplicativo E-título para se identificar. Apesar do cadastramento biométrico não ser utilizado nestas eleições, quem realizou o procedimento terá as informações do título e identificação por foto pelo app. Demais eleitores ainda precisam apresentar documento oficial com foto.

Foto: José Leomar
  -  

Quase 20% do eleitorado da Capital segue sem biometria; no Ceará, índice é de 6%

De acordo com o TRE-CE, 356.279 eleitores de Fortaleza (19,6%) ainda não fizeram o recadastramento biométrico. No Estado, são 401.651 eleitores inadimplentes (6,2%). O prazo final para buscar atendimento para a biometria, emitir o título pela primeira vez ou realizar a transferência vai até 6 de maio, dia de fechamento do Cadastro Eleitoral.

  -  

Mais de 150 mil podem ficar sem título, se média de atendimentos de biometria se mantiver até 6 de maio

A média de 2.700 atendimentos diários nos 15 postos do TRE-CE em Fortaleza é considerada baixa pelo órgão. Se o fluxo se mantiver até o fechamento do cadastro de eleitores, no dia 6 de maio, quase 155 mil pessoas deixarão de fazer a biometria a tempo. 357.187 eleitores (19,73% do total) ainda não fizeram o recadastramento biométrico em Fortaleza.

Foto: Marina Alves
  -  

Após fim do mutirão da biometria, atendimento é tranquilo nos postos do TRE-CE na Capital

Quem vai a um dos postos do TRE-CE em Fortaleza se dá conta de que ter madrugado e enfrentado enormes filas no mutirão da biometria não foi mesmo um bom negócio. Os títulos de eleitores inadimplentes só começam a ser cancelados em março, e o cadastro pode ser feito com agendamento, sem filas, até o dia 6 de maio, em 15 locais Capital.

Foto: Flávio Rovere
  -  

Sistema do TRE cai e mutirão de recadastramento tem que ser paralisado

Por cerca de uma hora, o sistema do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) ficou fora do ar na manhã desta terça (12). Com isso, o atendimento do mutirão de recadastramento biométrico em Fortaleza teve que ser paralisado, mas foi restabelecido por volta das 9h. O TRE-CE informa que a falha não deve prejudicar quem foi ao Centro de Eventos em busca da atualização eleitoral.

Foto: Helene Santos
  -  

Em meio a ataques criminosos, TRE-CE suspende atendimentos em unidades móveis

Estão suspensos a partir desta terça-feira (24), e por tempo indeterminado, os atendimentos no Ônibus da Biometria e do Câmara Móvel, de acordo com o Tribunal Regional Eleitoral (TRE-CE). Nesta semana, o Ônibus estaria no Cuca Jangurussu, enquanto o Câmara Móvel atenderia o bairro Canindezinho. O TRE-CE não informou a razão da suspensão dos atendimentos, mas a decisão foi anunciada em meio aos ataques a ônibus promovidos por facções criminosas.

  -  

Fortaleza ainda tem mais de 700 mil eleitores sem cadastro biométrico

Em todo o Ceará, o Tribunal Regional Eleitoral já fez o recadastramento biométrico de 80% do eleitorado. Restam cerca de 900 mil pessoas a concluírem o processo até novembro. Do total, mais de 700 mil são só na Capital, e é isso que preocupa. O órgão aconselha a não deixar para a última hora. O voto biométrico será obrigatório na Capital.

Foto: Helene Santos