-  

“Sarto é um grande parceiro, de todas as horas”, diz Camilo Santana, sem mencionar campanha

Em publicação nas redes sociais neste sábado (10), o governador Camilo Santana (PT) destacou a parceria com Sarto Nogueira, candidato do PDT. Sem mencionar a disputa eleitoral, Camilo elogiou o pedetista e afirmou que “Sarto tem sido um grande parceiro, de todas as horas”. Ele citou ainda a participação de Sarto no Comitê de Enfrentamento ao Coronavírus.

Foto: Helene Santos
  -  

Com críticas e recusa a emendas, Dr. Jaziel e Silvana têm se afastado do governador

A relação dos deputados Dr. Jaziel e Dra. Silvana, ambos do PL, com o Governo do Estado está estremecida. Publicamente, o Palácio da Abolição considera os dois da base aliada, mas a aliança é instável. Evangélicos e bolsonaristas, eles têm criticado o governador por decisões na pandemia e questões ideológicas. Jaziel não enviou emendas para o Governo.

Foto: José Leomar
  -  

Após reunião com Lira, Camilo Santana volta a eleger vacinas como prioridade

A reunião dos governadores com o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL) nesta terça-feira (2), tratou de quatro pontos principais. Segundo Camilo Santana (PT), o encontro debateu  aquisição de vacinas, recursos para a saúde, auxílio emergencial e a criação de medidas para a recuperação econômica. O governador cearense participou da reunião virtualmente.

  -  

“O Estado tem recursos para comprar, mas não há vacinas disponíveis para aquisição direta”, diz Camilo

Após reunião com representantes da vacina russa Sputnik, Camilo Santana (PT) disse que deseja comprar as vacinas, mas que não há suficientes. “Estamos em negociação com a Pfizer, fizemos contato com o Butantan e com laboratórios chineses, porém, ainda nenhuma está disponível para compra”, disse. “O Estado tem recursos para comprar”, acrescentou.

  -  

Prefeito e vice de Viçosa são condenados por aglomeração na campanha; pena também vale para opositores

O prefeito eleito de Viçosa do Ceará, José Firmino (MDB), e seu vice, Dr. Marcelo (MDB), foram condenados na Justiça por provocar aglomerações durante a campanha. A decisão recai também sobre a chapa adversária, encabeçada por Divaldo Soares (PDT). Os dois grupos políticos terão de pagar multa de R$ 250 mil.

  -  

Prefeito e vice do Cedro têm diploma cassado por abuso de poder; ex-prefeito também é condenado

O atual prefeito do Cedro, João Diniz (PDT); a vice, Ana Nilma (PDT); e o ex-prefeito Nilson Diniz (PDT) foram condenados por abuso de poder por terem firmado contratos temporários com servidores durante o período eleitoral. Com a pena, o juiz anulou o último pleito, convocou nova eleição e tornou os três gestores inelegíveis por 8 anos. Cabe recurso.

  -  

TRE-CE mantém cassação de prefeito e vice de Viçosa do Ceará; gestores continuam no cargo

O TRE-CE manteve a cassação do prefeito eleito de Viçosa do Ceará, José Firmino (MDB), e de seu vice, Dr. Marcelo (MDB), por abuso de poder político e conduta vedada, rejeitando o pedido da defesa para anular a decisão do juiz eleitoral zonal. No entanto, eles permanecem no cargo até que esgotem os recursos no TRE.

Foto: Instagram/Reprodução
  -  

Entidades reclamam de negociações de reforma da Previdência e organizam outro “buzinaço” na Câmara

O prefeito José Sarto (PDT) teria nesta segunda (1º) o que esperava ser a última reunião com entidades de servidores de Fortaleza antes de enviar a nova proposta de reforma da Previdência à Câmara Municipal. Servidores, porém, decidiram não comparecer ao encontro, por não terem tido acesso à íntegra da proposta. Um “buzinaço” está marcado para amanhã de manhã.

Foto: José Leomar
  -  

Sarto se reunirá com prefeitos do País para debater consórcio para compra de vacinas pelos municípios

O prefeito José Sarto (PDT) se reunirá com o presidente da Frente Nacional de Prefeitos (FNP), Jonas Donizette, e outros gestores municipais, nesta segunda-feira (1º), para tratar da criação de um consórcio público para aquisição de vacinas. O anúncio foi feito pelo pedetista neste domingo (28), nas redes sociais, após conversa com o presidente da FNP.

Foto: Natinho Rodrigues
  -  

Câmara aprova emenda que permite ao vice-prefeito Élcio Batista ocupar cargo cumulativo em secretaria

A Câmara Municipal de Fortaleza aprovou, em 1º turno, emenda à Lei Orgânica da Cidade que autoriza o prefeito José Sarto (PDT) a nomear o vice Élcio Batista (PSB) para ocupar cumulativamente cargo em secretaria ou de comissão na administração do município. Ele não vai acumular salários, porque atuará como missão especial. Élcio está à frente do Iplanfor

Foto: Thiago Gadelha
  -  

Cobrança de vereador sobre acomodação de suplentes expõe insatisfações no PDT

“Onde está que o PDT do Estado do Ceará? […] A política do Ceará tem um deputado federal com mais de 75 mil votos, que é o Antônio Lopes, e nunca teve o prazer de assumir um dia a cadeira. Eu tirei 36 mil votos, e esse PDT do Estado nunca ligou para mim”

Vereador e vice-presidente da Câmara de Fortaleza, Adail Júnior (PDT), ao criticar diretório Estadual do PDT sobre acomodação de suplentes na Assembleia e Câmara dos Deputados.

 

  -  

Cid critica PEC que retira piso de investimentos: “se comprar menos leite condensado, encontraremos recursos”

O senador Cid Gomes (PDT) criticou nesta terça (23) a proposta que retira o investimento mínimo em Saúde e Educação em estados e municípios. O texto tramita no Senado. Cid escreveu que para acabar com a pobreza não se deve retirar o piso constitucional: “Se taxar lucros e dividendos e comprar menos leite condensado, encontraremos recursos necessários”.

  -  

Mauro Filho é exonerado do cargo de Secretário de Planejamento e Gestão do Ceará

O governador Camilo Santana (PT) exonerou, a pedido, o Secretário do Planejamento e Gestão, Mauro Filho. A decisão foi publicada no Diário Oficial na noite desta terça (23). Mauro Filho também é deputado federal pelo PDT. Segundo Mauro, a saída é provisória para que ele possa participar da reunião da bancada federal em Brasília, nesta quarta (24), às 17h.

Foto: José Leomar
  -  

Após reunião com Dr. Cabeto, prefeitos de Crato, Juazeiro e Barbalha decidem não adotar lockdown

Os prefeitos de Crato, Juazeiro e Barbalha, reunidos nesta quinta-feira (4) com o secretário Dr. Cabeto (Saúde), decidiram não decretar lockdown. “Ainda temos uma mínima possibilidade para que isso não aconteça. (…) Se [a população] não se engajar, infelizmente, essa será uma medida que fatalmente será adotada”, disse o gestor de Juazeiro, Glêdson Bezerra (Podemos).

Foto: Reprodução
  -  

Em novo apelo ao presidente, governadores pedem compra de vacinas contra a Covid-19

Em nova carta enviada ao presidente Jair Bolsonaro, governadores apelam para que o Governo Federal busque organismos internacionais para comprar doses de vacinas contra a Covid-19. “Os entes federados têm enviado todos os seus esforços, mas estão no limite de suas forças e possibilidades”, alegam os governadores, entre eles, Camilo Santana (PT).

Foto: Divulgação
  -  

Dezoito prefeituras cearenses anunciam lockdown em conjunto; veja lista

Dezesseis dos 18 municípios da Região Metropolitana de Sobral e dois da Região Norte entram lockdown na segunda-feira (8).  São eles: Alcântaras, Cariré, Coreaú, Forquilha, Graça, Groaíras, Mucambo, Meruoca, Moraújo, Pacujá, Reriutaba, Pires Ferreira, Varjota, Santana do Acaraú, Massapê, Sobral, além de Uruoca e Santa Quitéria.

  -  

“A saúde e a vida da nossa gente em primeiro lugar”, diz Cid Gomes sobre lockdown em Fortaleza

O senador Cid Gomes (PDT) se posicionou, nesta quinta (4), sobre o lockdown que inicia em Fortaleza a partir desta sexta (5). “Diante do aumento do número de casos e do iminente colapso dos sistemas de saúde, é a medida correta para conter o avanço da Covid-19. A saúde e a vida da nossa gente em primeiro lugar!”, escreveu nas redes sociais.

  -  

Girão classifica lockdown como ‘única alternativa’, mas critica Governo do Estado: ‘não construiu uma saída’

“Uma decisão tão radical como essa é a única alternativa em situações de total descontrole em meio ao colapso do sistema de saúde, que já era previsto, e, ainda assim, o Estado do Ceará não construiu uma saída. Faltou fazer o ‘dever de casa’ e agora não temos outra alternativa”.

Senador Eduardo Girão (Podemos), sobre o lockdown em Fortaleza. Ele disse que, “como consequência, será agravada a já crítica situação social e econômica do povo cearense”.

  -  

Delegado Cavalcante defende uso de lambedor e chá de boldo para combater a Covid-19

O deputado estadual Delegado Cavalcante (PSL) defendeu nesta quinta (4), na Assembleia Legislativa, o uso de medicamentos alternativos para tratar a Covid-19: “(…) tem a medicação tradicional, que eu usei quando tive covid, que é o lambedor, o chá de boldo e o antibiótico caseiro“, disse. Não há comprovação da eficácia dos medicamentos.

  -  

‘É uma falta de respeito com o vereador’, diz Danilo Lopes sobre projeto engavetado na Câmara

“Faz uma semana que foi votado, aprovado por unanimidade a redação final e não foi enviado ainda para o prefeito para veto ou sanção. (…) É uma falta de respeito com o vereador”

Vereador Danilo Lopes (Podemos) sobre projeto que reconhece a prática de atividades físicas em estabelecimentos privados como essencial. A matéria não saiu da Câmara.

  -  

‘Quem manda no meu voto são meus eleitores’, diz Márcio Martins após críticas de Adail

“Não adianta pressionar sobre o meu voto, não adianta pressionar sobre as minhas posições. (…) Quem manda no meu voto são os meus eleitores e eles me orientaram a votar não”

Vereador Márcio Martins (Pros) após críticas de Adail Júnior (PDT) a parlamentares que se posicionar contra o texto principal do projeto de emenda à Lei Orgânica com mudanças na Previdência.

Foto: Érika Fonseca
  -  

Mais da metade dos municípios cearenses já sinalizou interesse em participar do consórcio de vacinas

Até o fim da manhã desta quinta-feira (4), 99 prefeituras cearenses assinaram o documento demonstrando a intenção de participar do consórcio nacional de prefeitos para compra direta de vacinas contra a Covid-19. Apesar da manifestação, as câmaras municipais precisarão referendar essas adesões. O prazo é até o próximo dia 22.

  -  

‘Vote contra que a gente aprova do mesmo jeito’, diz Adail Júnior após vereadores criticarem nova Previdência

“Se depender de mim, os vereadores da oposição votam contra as emendas. A oposição não, perdão, que é gente demais. Quem votou contra o projeto vote contra as emendas que a gente aprova do mesmo jeito”

Vereador da base, Adail Júnior (PDT), após alguns parlamentares da oposição prometerem votar favoráveis às emendas após criticar o texto principal do projeto.

Foto: Isanelle Nascimento