Foto: Foto: Agência Senado

Reforma da Previdência: após adiamento de votação, pedido de desculpas no Congresso

Após o adiamento da votação da reforma da Previdência em primeiro turno, o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), pediu desculpas em plenário, nesta quarta-feira (25), aos senadores Simone Tebet (MDB-MS) e Tasso Jereissati (PSDB-CE), presidente da CCJ e relator da proposta, respectivamente. Tebet já havia exposto descontentamento com a decisão de Davi.

1