-  

Mauro Filho diz que suspensão de concursos no Estado será reavaliada em outubro

O secretário de Planejamento e Gestão do Estado, Mauro Filho, disse que a partir de outubro o governador vai poder dizer quais concursos convocará. “Dia 30 vamos fazer análise de como se comportaram as receitas e as despesas”, explica. Em maio, os concursos foram suspensos temporariamente, em razão da crise fiscal.

  -  

Camilo anuncia convocação para concurso da Secretaria da Educação

O governador Camilo Santana anunciou nesta terça-feira (29) que já deve começar em janeiro a convocar professores efetivos aprovados no último concurso da Secretaria da Educação, realizado em 2018. A primeira convocação será de 1.250 profissionais. Os outros 1.250 devem ser convocados em junho. O anúncio foi feito em “live” transmitida nas redes sociais do governador.

  -  

Ex-candidato à Prefeitura, Anízio Melo visita Assembleia para acelerar pautas de interesse da Apeoc

Candidato derrotado à Prefeitura de Fortaleza, o professor Anízio Melo (PCdoB) transitou nesta quinta (17) na Assembleia Legislativa. Ele atua como Presidente do Sindicato dos Professores (Apeoc), e trata com os deputados a prorrogação de contratos de 11 mil temporários, além da tentativa da convocação de professores aprovados em concurso.

Foto: José Leomar
  -  

Governador Camilo Santana cria comissões para realização de concursos na segurança pública

O governador Camilo Santana (PT) autorizou, nesta terça-feira (24), a criação das comissões responsáveis pelos concursos da área da segurança pública. O certame foi anunciado na semana passada pelo petista. Ao todo, serão 3.128 vagas, sendo 2.200 para Polícia Militar, 500 para a Polícia Civil e 170 para a Perícia Forense (Pefoce).

  -  

Análise: Dr. Cabeto cobra diálogo com governo federal para adoção de medidas de restrição

Para o secretário estadual da Saúde, Dr. Cabeto, o Brasil devia estar em ‘lockdown’ há mais de duas semanas. Ele explicou que o Ceará não ainda adotou a medida por causa dos seus impactos socioeconômicos, e cobra posição do Executivo Nacional. “O presidente discorda do protocolo adotado pelo Ceará, mas precisamos saber qual a posição do governo (federal) sobre o que fazer”. Leia análise.

Foto: José Leomar
  -  

Secretário da Casa Civil do Governo do Estado, Chagas Vieira, testa positivo para Covid-19

O secretário da Casa Civil do Governo Camilo Santana (PT), Chagas Vieira, testou positivo para Covid-19. Nas redes sociais, ele disse estar bem e trabalhando remotamente, para seguir a quarentena necessária. Nos últimos dias, outra auxiliar do governador, a secretária da Fazenda, Fernanda Pacobahyba, também divulgou diagnóstico positivo para a doença.

Foto: Governo do Estado
  -  

Ministério da Saúde confirma envio de 80,5 mil doses da vacina de Oxford para o Ceará

O governador Camilo Santana anunciou, hoje (24), em sua conta no Twitter, que o Ministério da Saúde enviará 80,5 mil doses da vacina AstraZeneca/Oxford para o Ceará. Ainda não há confirmação de dia e horário do envio. O chefe do Executivo cearense ainda informou que há a previsão de o Estado receber outras 49,2 mil doses da CoronaVac.

Foto: Fabiane de Paula
  -  

Mauro Filho é exonerado do cargo de Secretário de Planejamento e Gestão do Ceará

O governador Camilo Santana (PT) exonerou, a pedido, o Secretário do Planejamento e Gestão, Mauro Filho. A decisão foi publicada no Diário Oficial na noite desta terça (23). Mauro Filho também é deputado federal pelo PDT. Segundo Mauro, a saída é provisória para que ele possa participar da reunião da bancada federal em Brasília, nesta quarta (24), às 17h.

Foto: José Leomar
  -  

Secretário Mauro Filho testa positivo para Covid-19: ‘estou clinicamente bem’

Deputado federal licenciado e atual titular da Secretaria do Planejamento e Gestão (Seplag), Mauro Filho (PDT) foi diagnosticado com Covid-19. Ele usou as redes sociais para informar que cancelou toda a agenda pública. “Estou clinicamente bem, apenas com alguns sintomas gripais“, disse.

Foto: José Leomar
  -  

Mauro Benevides crítica veto de Bolsonaro a alívio de R$ 17,3 bilhões nas dívidas de estados e municípios

O deputado licenciado Mauro Filho (PDT) criticou o veto do presidente Bolsonaro (sem partido) ao alívio financeiro de R$ 17,3 bilhões nas dívidas de estados e municípios, que procuraram ajustar suas contas e manter uma boa nota na classificação de risco do Tesouro. Relator da matéria, ele vai tentar corroborar com a derrubada do veto no Congresso.

Foto: José Leomar
  -  

Cobrança de vereador sobre acomodação de suplentes expõe insatisfações no PDT

“Onde está que o PDT do Estado do Ceará? […] A política do Ceará tem um deputado federal com mais de 75 mil votos, que é o Antônio Lopes, e nunca teve o prazer de assumir um dia a cadeira. Eu tirei 36 mil votos, e esse PDT do Estado nunca ligou para mim”

Vereador e vice-presidente da Câmara de Fortaleza, Adail Júnior (PDT), ao criticar diretório Estadual do PDT sobre acomodação de suplentes na Assembleia e Câmara dos Deputados.

 

  -  

Cid critica PEC que retira piso de investimentos: “se comprar menos leite condensado, encontraremos recursos”

O senador Cid Gomes (PDT) criticou nesta terça (23) a proposta que retira o investimento mínimo em Saúde e Educação em estados e municípios. O texto tramita no Senado. Cid escreveu que para acabar com a pobreza não se deve retirar o piso constitucional: “Se taxar lucros e dividendos e comprar menos leite condensado, encontraremos recursos necessários”.

  -  

Deputado federal Robério Monteiro testa positivo para Covid-19

O deputado federal cearense Robério Monteiro (PDT) anunciou, por meio das redes sociais, que testou positivo para a Covid-19. “Fui acometido por essa doença e desde já quero anunciar que estou seguindo todas as medidas sanitárias”, informou o parlamentar, que permanecerá em isolamento.

Foto: Robério Monteiro - Acervo Câmara dos Deputados
  -  

Novo programa de emendas que permite transferências diretas entra na pauta da Assembleia

Está na pauta desta quinta-feira (4) na AL-CE a votação da mensagem que altera o Programa de Cooperação Federativa (PCF), pelo qual os deputados destinam emendas aos municípios. Entre as mudanças, a criação da “modalidade especial”, com transferência direta fundo a fundo sem necessidade de convênio. A operação seria chancelada por um Conselho Gestor.

  -  

Licença de petista abria caminho para posse do suplente, mas o parlamentar recuou

Uma das alternativas que viabilizaria a “engenharia política” para a posse de George Lima seria a licença do deputado Elmano Freitas (PT) pedida na semana passada. Na pauta do plenário da sessão desta quinta (4), o parlamentar petista recua do pedido de licença. Como são muitas costuras na mesma jogada, algo pode ter travado, temporariamente, a ideia.

Foto: José Leomar
  -  

Cúpula governista articula acordo para posse do 4º suplente de coligação na Assembleia

Está em curso, no grupo governista, uma engenharia política para possibilitar a posse do 4º suplente de deputado estadual da coligação PV-PT-PSB na Eleição 2018. Trata-se de George Lima (PV). A costura envolve licença de um deputado titular e a desistência de três suplentes. George atua no segmento de carros de luxo e teve 8,3 mil votos. O pedido vem do alto.

  -  

“Através de articulações e sensibilidade conseguimos um consenso”, diz vereadora sobre mudanças na Previdência

“Estamos há dias vivendo momento difíceis, em que está em jogo a vida dos servidores, mas, através de articulações sensibilidade conseguimos um consenso. Tenho certeza de que, daqui a pouco, teremos a finalização dessa situação. Tudo foi (…) pactuado com as frentes sindicais”.

Vereadora Enfermeira Ana Paula (PDT), sobre projeto com mudanças na Previdência dos servidores reapresentado pela Prefeitura.

Foto: Reprodução
  -  

Com novas emendas, proposta de mudanças na Previdência de Fortaleza retorna à Comissão Especial

Após reunião entre vereadores e membros de entidades sindicais, novas emendas foram apresentadas à proposta de mudanças na Previdência de Fortaleza. Com isso, a sessão extraordinária convocada para esta quarta-feira (3), que iria votar o texto em primeiro turno, foi levantada e a matéria retornou à Comissão Especial.

  -  

Câmara de Fortaleza aprova proposta que autoriza vice-prefeito a ocupar cargo de secretário

Em sessão extraordinária, nesta quarta-feira (3), vereadores de Fortaleza aprovaram emenda que autoriza o vice-prefeito a acumular cargo de secretário ou de comissão da administração indireta, mas sem ser remunerado por isso. “Sendo a atribuição considerada missão especial”, define o texto. A aprovação abre caminho para que Élcio Batista (PSB) assuma a chefia do Iplanfor.

Foto: Thiago Gadelha
  -  

Após reunião com vereadores, entidades garantem avanços em negociação sobre reforma da Previdência

Após reunião com a Comissão Especial que analisa o projeto com mudanças na Previdência de Fortaleza, sindicatos dos servidores garantiram avanços nas negociações. Reajustes salariais, cinco anos a menos de tempo de serviços para professores se aposentarem e outros pontos devem ser mantidos. Licença prêmio, anuênios e outras regras serão discutidas na próxima semana.

  -  

Mudanças na Previdência de Fortaleza são aprovadas pela Comissão Especial; texto segue para o plenário

A Comissão Especial que avalia as primeiras mudanças na Previdência dos servidores da Capital aprovou o texto do projeto. O relator da matéria no colegiado, o vereador Gardel Rolim (PDT), que é o líder do prefeito, deu parecer favorável à proposta.  Guilherme Sampaio (PT) e Pedro Matos (Pros) votaram contra. Proposta, agora, deverá ser apreciada no plenário da Casa

Foto: José Leomar
  -  

Com críticas e recusa a emendas, Dr. Jaziel e Silvana têm se afastado do governador

A relação dos deputados Dr. Jaziel e Dra. Silvana, ambos do PL, com o Governo do Estado está estremecida. Publicamente, o Palácio da Abolição considera os dois da base aliada, mas a aliança é instável. Evangélicos e bolsonaristas, eles têm criticado o governador por decisões na pandemia e questões ideológicas. Jaziel não enviou emendas para o Governo.

Foto: José Leomar
  -  

Grupo de servidores faz novo ato em frente à Câmara de Fortaleza; Comissão recebe representantes

Um grupo de servidores realiza, na manhã desta quarta-feira (3), um novo ato em frente à Câmara Municipal de Fortaleza contra o projeto com mudanças na Previdência da Capital. Representantes da categoria foram recebidos pela Comissão Especial para tentar chegar a um consenso. Eles querem a retirada dos pontos que tratam sobre anuênios e licença prêmio.