Marcha das Margaridas reúne cerca de 100 mil mulheres em Brasília; 2 mil cearenses

Em defesa dos direitos da mulher e do combate ao feminicídio, milhares de trabalhadoras do campo marcharam em direção ao Congresso Nacional nesta quarta (14). A Marcha, em homenagem à Margarida Maria Alves, líder sindical assassinada em 1983, ocorre desde 2000, a cada quatro anos. Dentre as cerca de 100 mil mulheres presentes, segundo a organização, duas mil são do Ceará.