-  

Mais secretários de Granjeiro devem deixar os cargos até a posse de Ticiano Tomé

Mais secretários da Prefeitura de Granjeiro devem deixar os cargos até a posse do vice-prefeito, Ticiano Tomé (PSDB), no comando do Executivo municipal. O motivo? Divergências políticas. O que circula nos bastidores é que, com a morte do prefeito João Gregório Neto (PL), o João do Povo, aliados dele não são bem vistos pelo grupo comandado por Vicente Tomé, pai de Ticiano.

Foto: Instagram/Prefeitura de Granjeiro
  -  

Deputados reconhecem calamidade pública em Granjeiro por causa da pandemia

A Assembleia Legislativa reconheceu, nesta quinta-feira (11), em sessão virtual, situação de calamidade pública em Granjeiro, por causa da pandemia da Covid-19. Os deputados também aprovaram em regime de urgência Mensagem do Governo para ceder por dois anos ao município de Alto Santo um imóvel do Estado.

  -  

Juiz da Comarca de Caririaçu suspende votação de cassação do prefeito de Granjeiro

O juiz Judson Pereira Spindola Júnior deferiu, ontem (19), o mandado de segurança impetrado pelo prefeito de Granjeiro Ticiano Tomé (PRB) e suspendeu a votação do processo de cassação contra o prefeito na Câmara Municipal marcada para hoje (20). Na decisão, o juiz argumenta que parte do rito não foi observado e deu prazo para Câmara se manifestar.

  -  

Cassação do prefeito de Granjeiro deve ser votada na próxima quarta (20) na Câmara Municipal

A Câmara Municipal de Granjeiro marcou para a próxima quarta (20), às 9h, votação do processo de cassação do prefeito Ticiano Tomé. A comissão processante deu parecer favorável. Ticiano e o pai, Vicente Félix, já foram apontados como suspeitos de envolvimento na morte do ex-prefeito João Gregório. Dos 9 vereadores de Granjeiro, 3 são aliados de Ticiano.

  -  

Empossado, novo prefeito de Granjeiro promete normalizar serviços de saúde após morte de João do Povo

“A população e a cidade não podem parar nem pagar pela vacância de mais de 3 dias. Temos de sentar hoje e dar prioridade à Saúde”

Ticiano Tomé (PSDB), empossado prefeito de Granjeiro, após o assassinato de João do Povo. Ele elencou como prioridade reativar os serviços de saúde, prejudicados por recusa dos fornecedores de combustível às ambulâncias.

Foto: Bruna Vieira
  -  

Posse de novo prefeito de Granjeiro sofre atraso de mais de uma hora com ausência de vereadores

A solenidade de posse do vice Ticiano Timotéo (PSDB) como novo prefeito de Granjeiro, município do Cariri, está atrasada devido à ausência dos vereadores. A Câmara Municipal, formada por nove vereadores, deveria ter iniciado a cerimônia às 15h. O público aguarda o início do evento. Devido à lotação, há pessoas sentadas até na calçada do prédio da Câmara.

Foto: Bruna Vieira
  -  

Câmara Municipal de Granjeiro está lotada para posse de Ticiano Tomé como novo prefeito

A Câmara Municipal da Granjeiro aguarda, nesta tarde, o início da solenidade de posse de Ticiano Tomé (PSDB) como novo prefeito do município do Cariri, após o assassinato de João do Povo (PL), na última terça-feira. O local está lotado, mas por enquanto não chegaram os vereadores nem o vice, que era rompido desde o começo do ano com o grupo de João do Povo.

Foto: Bruna Vieira
  -  

Um mês após morte de prefeito, secretariado da nova gestão de Granjeiro ainda não está completo

Um mês após o assassinato do então prefeito de Granjeiro, João Gregório Neto, a nova equipe administração municipal, sob o comando de Ticiano Tomé (foto), ainda não está completa. De acordo com o portal da Prefeitura de Granjeiro, das dez secretarias, em apenas seis houve a nomeação dos titulares: Administração, Agricultura, Assistência Social, Desenvolvimento Econômico, Educação e Esporte. Já nas secretarias de Cultura, Obras e Serviços Públicos, Pesca, Planejamento e Finanças, Meio-Ambiente, além da Procuradoria Geral do Município, não há titulares nomeados.

  -  

‘Ô coisa antiga vice mandar matar prefeito’, diz Ivo Gomes sobre morte de ex-prefeito de Granjeiro

“Ô coisa antiga vice mandar matar prefeito. Do tempo do arco da velha”

Ivo Gomes (PDT), prefeito de Sobral, sobre Ticiano Tomé, atual prefeito de Granjeiro, e seu pai, Vicente Tomé, serem apontados pela Secretaria de Segurança Pública como principais suspeitos de mandar matar o antecessor, João Gregório Neto.

Foto: José Leomar
  -  

Posse de vice-prefeito de Granjeiro é marcada para esta sexta-feira (27)

A posse do vice-prefeito de Granjeiro, Ticiano Tomé (PSDB), como chefe da Prefeitura foi marcada para esta sexta (27), às 15h. Segundo o presidente da Câmara Municipal, Luiz Márcio Pereira, a cerimônia iria ocorrer na segunda (30), mas foi antecipada devido à “necessidade”. Tomé assume após o prefeito da cidade do Cariri, João Gregório Neto, ser assassinado.

  -  

Prefeito de Granjeiro nega envolvimento na morte do antecessor e diz confiar na Justiça

O prefeito de Granjeiro, Ticiano Tomé, suspeito de envolvimento na morte do antecessor, João Gregório Neto, quebrou o silêncio, nesta tarde de sexta (10), a respeito do crime. Ticiano nega qualquer envolvimento no assassinato e diz que “estão tentando  destruir a mim, minha família e minha administração”. O gestor diz confiar na Polícia e na Justiça.

Foto: Divulgação
  -  

Vereadores de Granjeiro devem definir posse de vice-prefeito na quinta, 26

Vereadores de Granjeiro devem definir na quinta (26) quando será a posse do vice-prefeito do Município, Ticiano Tomé (PSDB). Segundo o presidente da Câmara Municipal, Luiz Márcio Pereira, a decisão ainda não ocorreu devido “a dor do momento”. Tomé assume a Prefeitura após o assassinato do prefeito da cidade, João Gregório Neto, o João do Povo.

  -  

Presidente da OAB-CE coloca sede da entidade à disposição para ser usada como local de vacinação

Em reunião do Comitê Estadual de Enfrentamento à Covid-19, o presidente da Ordem dos Advogados secção Ceará (OAB-CE), Erinaldo Dantas, colocou a sede da instituição em Fortaleza à disposição para ser utilizada como local da vacinação contra a doença. Outras instituições também têm oferecido equipamentos para a campanha de imunização, como o Ceará Sporting Club.

Foto: Divulgação
  -  

Em retorno de julgamentos, TRE analisa recurso de prefeito de Viçosa do Ceará; definição continua em aberto

O TRE-CE retomou as sessões de julgamento hoje (21). Um dos casos foi o recurso do prefeito de Viçosa do Ceará, Zé Firmino (MDB). O relator do caso, Inácio de Alencar Cortez Neto, manteve a sentença, mas votou por trocar a acusação de abuso de poder político para conduta vedada. O julgamento não foi encerrado, porque o juiz Eduardo Scorsafava pediu vistas.

  -  

Secretário Mauro Filho testa positivo para Covid-19: ‘estou clinicamente bem’

Deputado federal licenciado e atual titular da Secretaria do Planejamento e Gestão (Seplag), Mauro Filho (PDT) foi diagnosticado com Covid-19. Ele usou as redes sociais para informar que cancelou toda a agenda pública. “Estou clinicamente bem, apenas com alguns sintomas gripais“, disse.

Foto: José Leomar
  -  

Prefeito de Paracuru testa positivo para Covid-19

O prefeito de Paracuru, Wembley Beim (PDT), informou, por meio de suas redes sociais, que testou positivo para a Covid-19. Ele acrescentou, ainda, que antes mesmo de sair o resultado do teste, já estava trabalhando de casa, desde os surgimentos de sintomas gripais.

Foto: Reprodução
  -  

Cearenses de oposição fazem coro a cobranças de líderes da Câmara ao Governo Bolsonaro

Lideranças cearenses de bancadas na Câmara dos Deputados e líderes partidários traçaram prioridades, em reunião na quarta-feira (20), para cobrar o Governo Federal. “Vacina para todos, renda emergencial e imediata abertura do impeachment de Bolsonaro” são alguns pontos, aponta nota publicada pelo grupo, que inclui José Guimarães (PT) e André Figueiredo (PDT).

  -  

Com chapa única, prefeito de Chorozinho deve assumir presidência da Aprece

Apoiado pelo grupo governista no Estado, o prefeito de Chorozinho, Dr, Júnior (PDT), deve assumir a presidência da Associação dos Municípios do Estado do Ceará (Aprece) pelo próximos dois anos. Ele conseguiu aglutinar apoios de outros gestores filiados para formar chapa única e consensual. A eleição está marcada para o próximo dia 26 de janeiro.

Foto: Reprodução
  -  

Vice-prefeita do Eusébio, Lucinha Feitosa renuncia antes de completar um mês no cargo

Menos de um mês após tomar posse como vice-prefeita de Eusébio, Lucinha Feitosa renunciou ao cargo. Ela publicou nesta quarta-feira (20) uma carta de renúncia enviada à Câmara Municipal. Entre os motivos elencados no documento, estão mecanismos que “impedem as pessoas politicamente expostas e seus familiares de fazer negócios com muitas empresas”.

Foto: Reprodução
  -  

Ao reafirmar apoio, Tasso compara Tebet à presidente da Câmara dos EUA: ‘será a nossa Nancy Pelosi’

O senador Tasso Jereissati (PSDB) comparou, nas redes sociais, a presidente da Câmara dos EUA, Nancy Pelosi, com a senadora Simone Tebet (MDB-MS), candidata à Presidência do Senado. “Mulher, corajosa e independente, Simone Tebet será a nossa Nancy Pelosi”, escreveu. Ele também classificou a posse de Joe Biden nos EUA como “vitória da democracia”.

  -  

Girão declara apoio a Simone Tebet no Senado e defende voto aberto

O senador Eduardo Girão (Podemos-CE) declarou que votará na colega Simone Tebet (MDB-MS) na eleição para a Presidência do Senado, marcada para 1º de fevereiro. Também disputam a eleição Rodrigo Pacheco (DEM-MG), Major Olimpio (PSL-SP) e Jorge Kajuru (Cidadania-GO). “O voto aberto dos parlamentares pode mudar o rumo do desfecho e fortalecer o Brasil”, defendeu o senador.

Foto: Agência Senado
  -  

Governador Camilo Santana lamenta morte de prefeito eleito de Ereré e presta solidariedade a familiares

O governador Camilo Santana (PT) usou as redes sociais para lamentar a morte do prefeito eleito de Ereré, Otoni Queiroz (PDT). “Antes de ser gestor do município, Otoni era servidor da nossa Secretaria da Fazenda, onde há mais de 10 anos atuou como analista jurídico. Meus sentimentos aos seus familiares e amigos, e a todos os cearenses que perderam parentes para a Covid”, escreveu.