-  

Guedes diz que governo federal vai acelerar processo de privatizações

“Qual a dúvida de privatizar os Correios? Lá nasceu o mensalão. Ninguém escreve mais cartas, hoje”.

Paulo Guedes, ministro da Economia, ao dizer que o governo vai acelerar o processo de privatizações. Segundo ele, está “demorando demais” a efetivação da venda de empresas públicas. Os controles públicos são excessivos, diz ele.

Foto: Kid Júnior
  -  

Luizianne defende que recuperar economia e empregos deve ser prioridade de futuro gestor

Candidata pelo PT, Luizianne Lins participou de reunião com o Sindicato dos Comerciários na tarde desta quarta (7). No encontro, recebeu demandas da categoria e apresentou propostas para o setor. Disse ainda que, com a pandemia, será preciso “reconstruir a economia e recuperar empregos”. Acesso a crédito para empreendedores é uma das propostas.

Foto: Camila Lima
  -  

Com camisa do Ceará, Bolsonaro diz que País está à beira da recessão

Vestido com a camisa do Ceará Sporting Club, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) postou fotos nas redes sociais nesta manhã. Em sua conta no Instagram, ele disse que o País está “na beira da recessão”, devido à pandemia. “Sempre disse que o efeito colateral do combate ao vírus não poderia ser pior que o próprio vírus”, escreveu.

  -  

Camilo Santana deve anunciar pacote de medidas de apoio a empresas cearenses

“Estaremos anunciando, nesta semana, uma série de medidas de apoio às empresas cearenses”

Afirmou o gov. Camilo Santana (PT), hoje, durante o Seminário de Gestores Públicos. As medidas serão na área tributária, voltadas para simplificação e desburocratização. A expectativa é de que o governo anuncie, posteriormente, pacote de auxílio econômico para as empresas.

  -  

Ministra Damares Alves desembarca para agenda no Ceará nesta sexta (11)

A ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos Damares Alves vem ao Ceará, nesta sexta (11), participar de uma cerimônia de lançamento das Ações de Educação em Saúde em Defesa da Vida, em uma instituição privada, em Fortaleza. Está prevista uma agenda dela na Casa da Mulher Brasileira, mas ainda não foi confirmada.

Foto: Agência Brasil
  -  

MP de Bolsonaro fragiliza as relações de trabalho e traz insegurança aos trabalhadores, diz Tasso

“A MP 927 vai na direção contrária (da política de proteção ao emprego), fragilizando as relações de trabalho e reduzindo a proteção dos trabalhadores. Mesmo com a retirada do Art 18, que permitia a suspensão do contrato sem pagamento de salários por 4 meses, a MP cria grande insegurança”

Tasso Jereissati (PSDB) sobre Medida Provisória de Jair Bolsonaro. Ele fez apelo para que a matéria seja retirada.

  -  

‘Legislativo e Judiciário têm que interferir para a vida do povo não ficar comprometida’, diz André Figueiredo

“Quando temos um Poder Executivo Federal despreparado e genocida, os poderes Legislativo e Judiciário tem que interferir pra vida do povo brasileiro não ficar comprometida”.

Deputado federal André Figueiredo (PDT), líder da oposição, sobre a decisão do ministro Marco Aurélio, do STF, de suspender cortes do Governo no Bolsa Família durante a crise na saúde.

  -  

Cid chama Paulo Guedes de ‘mentiroso’ após ministro criticar derrubada de veto sobre servidores

O senador Cid Gomes (PDT) chamou, hoje (20), o ministro da Economia, Paulo Guedes, de “mentiroso” após o gestor criticar a derrubada, pelo Senado, do veto presidencial ao aumento salarial a servidores públicos até o fim de 2021. “Aponte, mentiroso, um centavo que o Senado desviou da saúde para os servidores públicos. Malandro é quem posando de liberal será o (ir)responsável pelo maior rombo nas contas públicas da história do País!”, disse.

  -  

Paulo Guedes destaca trabalho de Tasso Jereissati no novo Marco Regulatório do Saneamento Básico

“Se essa doença ficar mais tempo conosco, é bom que alguns brasileiros, daqui a três meses, possam pelo menos lavar as mãos para tentar escapar dessa doença”.

Disse o ministro da Economia, Paulo Guedes, ontem, no Palácio do Planalto, após elogiar a relatoria do senador Tasso Jereissati (PSDB) no projeto do saneamento básico, pronto para ser votado no Senado.

Foto: Agência Senado
  -  

Governadores se reúnem com ministro da Economia, Paulo Guedes, em Brasília

Os governadores do País tiveram reunião, hoje, com o ministro da Economia, Paulo Guedes. O governador cearense, Camilo Santana (PT), está no encontro que deve tratar sobre impostos estaduais e reforma tributária. Desde a manhã, os gestores estaduais estão reunidos em Brasília tratando de pautas do interesse dos Estados.

Foto: Divulgação
  -  

“Esperamos ser convocados para o diálogo”, diz Camilo Santana sobre privatização do Parque de Jericoacoara

Sobre a inclusão do Parque de Jericoacoara em programa de privatizações do governo federal, o governador Camilo Santana afirma que espera “ser convocado para o diálogo e poder encaminhar o que seja melhor para o Estado e para a região”. O governador disse ainda que “tudo merece debate”, mas que é preciso “ter uma visão de sustentabilidade” para a área.

Foto: Isanelle Nascimento
  -  

Caso do Parque de Jericoacoara deve elevar divergências entre Camilo e Bolsonaro

O decreto publicado no Diário Oficial da União desta terça-feira (3) que inclui Jericoacoara em programa de privatizações, deve elevar divergências entre o governador Camilo Santana e o governo Bolsonaro. Desde o início da ofensiva Federal sobre o parque, Camilo tem rechaçado a intervenção: “Como você privatiza algo que não é seu?”, disse em setembro.

Foto: JL Rosa
  -  

PEC de cearense exige lei específica para criação de subsidiária de estatal

Tramita na Câmara dos Deputados, a PEC 150/19, de autoria do deputado federal Lêonidas Cristino (PDT), que visa dificultar a privatização de subsidiárias. Pela proposta, a criação de subsidiária de estatal ou sua participação em empresa privada se dará por meio de lei específica.  A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) irá analisar a admissibilidade da PEC.

Foto: Cleia Viana/Câmara dos Deputados
  -  

Assista em tempo real ao PontoPoder Eleições

O programa PontoPoder Eleições desta sexta-feira (23) entrevista a candidata da UP à Prefeitura de Fortaleza, Paula Colares. A atração, que vai ao ar na TV Diário, às 21h55, também explica a obrigatoriedade do voto no Brasil no quadro “Descomplicando” e apresenta as propostas dos candidatos na Capital para a primeira infância.

 

  -  

Candidata do PT, Luizianne Lins vai a São Paulo gravar programa eleitoral com o ex-presidente Lula

A candidata à Prefeitura de Fortaleza, Luizianne Lins (PT), vai viajar neste domingo (25) a São Paulo para gravar vídeo com o ex-presidente Lula. A candidata vai ter uma reunião com a direção nacional do PT para agendar a gravação. Havia a expectativa da vinda do ex-presidente ao Ceará, mas não há confirmação oficial nem previsão disso ocorrer.

Foto: Thiago Gadelha
  -  

Em agenda no Barroso, Heitor Freire quer ampliar parcerias com ONGs e projetos sociais

Em visita à ONG Sementes para o Futuro, no Barroso, o candidato à prefeitura de Fortaleza, Heitor Freire (PSL), debateu a importância das instituições para a população. O candidato prometeu ampliar a participação do poder público no atendimento a essas pessoas. “Hoje as ONGs e igrejas, muitas vezes, chegam onde o Estado não alcança”, disse.

  -  

Luizianne conversa com jovens do bairro Ancuri e da comunidade do Banco Palmas

A candidata do PT à Prefeitura de Fortaleza, Luizianne Lins, cumpriu agenda com o Instituto Nacional de Desenvolvimento Social e Qualificação Profissional (IDESQ), no Ancuri, e no Banco Palmas, no conjunto Palmeiras, nesta sexta-feira (23). Luizianne assumiu compromisso de capacitar 4 mil jovens de comunidades se for eleita novamente.

Foto: Tarcísio Aquino
  -  

Samuel Braga propõe criação de novas linhas no transporte coletivo

Samuel Braga (Patri) esteve panfletando no Terminal da Parangaba, na tarde desta sexta-feira (23). Ele afirmou que, se eleito, pretende criar novas linhas de transporte coletivo. “Para que haja uma maior integração com os bairros periféricos”, destacou. Ele também pretende reforçar a presença da Guarda Municipal e melhorar a acessibilidade nesses espaços.

Foto: Kid Júnior
  -  

Heitor Freire defende isenção de impostos e crédito para igrejas e ONGs

Heitor Freire (PSL) visitou a ONG Semente para o Futuro, no bairro Barroso, nesta sexta-feira (23). Ressaltou a importância dessas instituições no atendimento à população vulnerável na Capital. Freire defendeu a isenção de impostos para projetos sociais realizados por igrejas e ONGs, além da facilitação de crédito e do incentivo a instituições privadas.

Foto: Kid Júnior
  -  

Após aglomerações, Ministério Público pede condenação de prefeito, vice e presidente da Câmara de Groaíras

O atual prefeito de Groaíras, Ueliton Vasconcelos, a vice, Angélica Matos, e o presidente da Câmara do Município, Clerton Paiva, são alvos de ação do Ministério Público. Eles são acusados de promover aglomeração durante dois eventos políticos. Na quinta (22), o MP pediu que os políticos sejam multados em R$ 250 mil e proibidos de promoverem eventos semelhantes.

Foto: Thiago Gadelha
  -  

Renato Roseno defende programa de prevenção aos homicídios em Fortaleza

O candidato à Prefeitura de Fortaleza Renato Roseno (Psol) panfletou, nesta sexta (23), em frente a um shopping. Ele falou sobre Segurança e defendeu um programa de prevenção aos homicídios nos bairros mais violentos da cidade. “Com reinserção escolar, cultura, lazer, medição de conflito. Vai ser um programa dentro do gabinete em contato com várias pastas”.

  -  

Capitão Wagner apresenta plano de governo atualizado à Justiça Eleitoral

Capitão Wagner (Pros) apresentou novo plano de governo nessa quinta-feira (22) à Justiça Eleitoral. O texto tem 29 páginas e é dividido em “pactos“. O primeiro inclui saúde, educação e desenvolvimento; o segundo tem economia, inovação e emprego; o terceiro, meio ambiente, mobilidade e infraestrutura; e o quarto tem governança, transparência e participação.

Foto: José Leomar
  -  

PontoPoder Análise: Ministério Público estuda novas ações para coibir aglomerações em atos de campanha

O desrespeito às normas sanitárias em campanhas eleitorais de diversos municípios chega a um nível preocupante. Neste momento, membros do Ministério Público estudam novas ações para coibir excessos. Com três semanas restantes de campanha, os atos se repetem, mesmo com a atuação da Justiça Eleitoral. Confira a Coluna PontoPoder Análise. Leia aqui.