-  

Dias Toffoli, ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), testa positivo para Covid-19 e cumpre isolamento

O Supremo Tribunal Federal (STF) confirmou, na noite desta terça-feira (13), que o ministro Dias Toffoli está com Covid-19. A Corte informou que ele apresentou sintomas leves e está cumprindo isolamento em casa. O tribunal comunicou, ainda, que Toffoli participará da sessão dessa quarta-feira (14).

Foto: Rosinei Coutinho/SCO/STF
  -  

Sarto se reunirá com prefeitos do País para debater consórcio para compra de vacinas pelos municípios

O prefeito José Sarto (PDT) se reunirá com o presidente da Frente Nacional de Prefeitos (FNP), Jonas Donizette, e outros gestores municipais, nesta segunda-feira (1º), para tratar da criação de um consórcio público para aquisição de vacinas. O anúncio foi feito pelo pedetista neste domingo (28), nas redes sociais, após conversa com o presidente da FNP.

Foto: Natinho Rodrigues
  -  

Camilo vai a Brasília para tratar de possível compra direta da vacina russa Sputnik V para o Ceará

O governador Camilo Santana (PT) informou, neste sábado (27), que visitará na próxima terça-feira (2) o laboratório que representa a vacina russa Sputnik V, em Brasília, para tratar de possível aquisição direta do imunizante, em complemento ao Plano Nacional de Imunização. A possibilidade de compra de vacinas por estados e municípios tem o aval do STF.

  -  

Opositor, Vitor Valim agradece ao governador pelo aumento da frota intermunicipal de ônibus em Caucaia

Opositor ao Governo do Estado, o prefeito de Caucaia, Vitor Valim (Pros), foi às redes sociais neste sábado (27) para agradecer ao governador Camilo Santana (PT) pelo aumento em 10% da frota intermunicipal de ônibus. Ele já havia anunciado aumento da frota de ônibus municipal em 25%. “Nosso apelo foi atendido e os esforços para reduzir aglomerações (…) não param”, escreveu.

Foto: José Leomar
  -  

Parlamentares de oposição no Ceará entregam entregam carta de princípios a Dias Toffoli e Augusto Aras

Um grupo de deputados federais cearenses que fazem oposição ao grupo governista no Ceará entregou a carta de princípios do “Movimento Eleições Limpas”, lançado na última segunda (03), ao presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli e também ao procurador Geral da República, Augusto Aras. eles pedem fortalecimento da fiscalização no Estado.

  -  

Eduardo Bismarck faz apelo à Carmen Lúcia para que Ceará não perca cidades para o Piauí

Em discurso na tribuna da Câmara dos Deputados nesta quarta-feira (24), o deputado Eduardo Bismarck (PDT) falou sobre a disputa territorial que tramita no STF,  e que pode passar seis cidades cearenses para o estado do Piauí. “Não podemos migrar pessoas que são cearenses para o estado vizinho por uma decisão do Supremo. Faço um apelo à ministra Carmen Lúcia”, disse.

  -  

Camilo afirma que está em contato com farmacêuticas para aquisição direta de vacinas contra a Covid-19

O governador Camilo Santana (PT) disse manter diálogo desde o ano passado com laboratórios para aquisição de vacinas sem intermédio do Governo Federal. Na terça-feira (23), a Câmara dos Deputados aprovou medida provisória que facilita a compra diretamente pelos estados e municípios, caso o Governo Federal não as adquira. STF também formou maioria autorizando a aquisição.

Foto: Fabiane de Paula
  -  

Assembleia reúne prefeitos para articular mobilização contra mudança territorial no Ceará

Deputados cearenses se reúnem nesta sexta-feira (19) com prefeitos da região da Ibiapaba para tratar da disputa judicial que pode fazer o Ceará perder sete municípios para o Piauí. A PGE, o Comitê de Estudos de Limites e Divisas Territoriais da Assembleia e o Ipece produziram um relatório que defende a manutenção dessa área no Estado.

Foto: José Leomar
  -  

Presidente da Aprece vai a Brasília tratar de possível compra da vacina russa para municípios cearenses

O presidente da Associação dos Municípios do Ceará (Aprece), Júnior Castro (PDT), deve ir a Brasília, na próxima terça-feira (2), se reunir com representantes da vacina russa Sputnik V sobre as possibilidades de aquisição para prefeituras cearenses. Ele tenta alinhar a agenda com a do governador, que também tentará comprar o imunizante contra a Covid-19.

Foto: Reprodução
  -  

‘Sou favorável, desde que inclua estados e municípios’, diz Eduardo Girão sobre CPI da Covid-19

“Sou favorável à CPI e assinarei (o requerimento para instalação), desde que inclua também a gestão da pandemia nos estados e municípios. Existem indícios de desvios dos recursos para o enfrentamento ao coronavírus em alguns entes federativos, inclusive no Ceará”.

Senador Eduardo Girão (Podemos), sobre instalação de CPI da Covid-19 no Senado.

  -  

“Estou afinado com o Tasso e cobrarei a instalação da CPI”, afirma Cid Gomes após visita de Bolsonaro ao Ceará

Após aglomerações na visita do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) ao Ceará, o senador Cid Gomes (PDT) afirmou, neste sábado (27), que também vai cobrar a instalação da CPI da Covid-19 no Senado, para investigar ações do Governo Federal no combate à pandemia. “Estou afinado com o Tasso e cobrarei a instalação da CPI”, frisou o pedetista.

  -  

Após aglomerações em visita de Bolsonaro ao Ceará, Tasso quer instalação da CPI da Covid-19 no Senado

O senador Tasso Jereissati (PSDB) disse ao jornalista Gerson Camarotti (G1) que cobrará do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), a instalação da CPI da Covid-19 no Senado. “Bolsonaro cometeu crime de responsabilidade ao mandar as pessoas à morte, estimulando aglomeração”, disse, após visita do presidente ao Ceará. Ao todo, 30 senadores assinaram o requerimento da CPI.

Foto: Moreira Mariz/Agência Senado
  -  

TRE-CE reverte cassação dos diplomas do prefeito e do vice de Mulungu

Por decisão do Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE), foi revertida sentença de 1º grau que cassava os diplomas do prefeito e do vice-prefeito de Mulungu, Robert Viana (PL) e Cleanto Uchoa (PP), em ação por abuso de poder. Os juízes também reverteram a cassação do diploma da vereadora  Lyziane do Studart (PL). O julgamento do recurso ocorreu na sexta-feira (26).

Foto: Reprodução
  -  

“Ignora a aflição do nosso povo”, diz Cid sobre aglomeração em visita de Bolsonaro ao Ceará

“A situação da pandemia é gravíssima (…). Enquanto isso, o irresponsável, despreparado e inconsequente presidente da República se cerca de outros tantos irresponsáveis e promovem aglomerações no Ceará. Ignora a aflição do nosso povo”.

Senador Cid Gomes (PDT), em reação à visita presidencial ao Ceará.

  -  

Deputados destinam emendas para a Saúde e atendem pedido do governador, diz Danilo Forte

Após discussão na Câmara, a bancada cearense atendeu ao pedido do governador Camilo Santana (PT), e destinou cerca de 90% da emenda parlamentar para custeio da Saúde no Ceará.  A informação é do deputado Danilo Forte (PSDB). Mais de R$ 100 milhões serão de administração direta do governo. Há também a verba enviada diretamente para as prefeituras.

  -  

“Continuaremos firmes, combatendo o negacionismo”, diz Camilo ao rebater fala de Bolsonaro

Após Jair Bolsonaro criticar medidas de isolamento em passagem no Ceará, o governador Camilo Santana declarou que “aqueles que debocham da ciência e principalmente desrespeitam a dor das milhares de famílias vítimas da Covid, receberão o justo julgamento. Continuaremos firmes, combatendo o negacionismo“, disse o petista nas redes sociais.

Foto: Fabiane de Paula
  -  

“A vida não tem sido fácil”, diz Capitão Wagner ao pedir palmas para Bolsonaro no Ceará

O deputado federal Capitão Wagner (pros) foi o único parlamentar a discursar durante passagem de Bolsonaro pelo Ceará nesta sexta (26). “Queria pedir a todos uma salva de palmas para o presidente. A vida não tem sido fácil nesses dois anos. A gente tem mais um ano e 10 meses de Governo e a gente espera que o presidente Bolsonaro possa entregar muito mais”, disse.

Foto: Kid Junior
  -  

No Ceará, Bolsonaro confirma “mais meses” de auxílio emergencial e critica governadores

O presidente Jair Bolsonaro disse que o Brasil terá “mais meses de auxílio emergencial”. Ele também criticou governadores que determinam normas de isolamento social. “Essa politicalha do fique em casa a economia a gente vê depois, não vai dar certo”. Disse ainda que governantes que “causarem desempregos” terão que bancar o auxílio emergencial”.

Foto: Kid Junior