-  

Delegado Cavalcante articula desfiliação do PSL a tempo das eleições 2020

O deputado Delegado Cavalcante está na expetativa para se desfiliar do PSL antes das eleições. Ele disse que o processo está se encaminhando. Ele e o deputado André Fernandes, que saiu do PSL também, romperam com o deputado Heitor Freire, presidente do partido no Ceará. Nenhum dos dois deputados vai apoiar Freire na disputa à Prefeitura de Fortaleza.

  -  

Justiça condena Delegado Cavalcante a pagar R$ 5 mil para Heitor Freire por propaganda antecipada negativa

A juíza da 118ª Zona Eleitoral de Fortaleza, Mirian Porto, condenou o deputado estadual Delegado Cavalcante (PSL) a pagar multa de R$ 5 mil ao prefeiturável Heitor Freire (PSL), por fazer propaganda antecipada negativa contra Freire em setembro. Os dois são correligionários e romperam politicamente ainda em 2019. Desde então, trocam farpas.

Foto: Isanelle Nascimento
  -  

Justiça Eleitoral manda Facebook retirar publicação de entrevista de Delegado Cavalcante com acusações a Heitor Freire

A juíza da 118ª zona eleitoral de Fortaleza mandou, nesta quinta, o Facebook remover a publicação de uma entrevista do deputado Delegado Cavalcante (PSL) com acusações ao deputado Heitor Freire (PSL), candidato na disputa em Fortaleza. Para ela, houve ofensa à honra e à dignidade do candidato com “informações inverídicas”. Cavalcante tem dois dias para apresentar defesa.

  -  

Cavalcante acusa presidente estadual do PSL de “perseguição” e tenta se desfiliar do partido

O deputado Delegado Cavalcante (PSL) escancarou os conflitos com o deputado federal Heitor Freire, inimigo dele e presidente do partido no Ceará. Na Assembleia, hoje (24), Cavalcante levou um camalhaço de processos e acusou Freire de perseguição. O parlamentar está tentando se desfiliar do PSL  e abriu um processo na Justiça. Heitor é candidato à Prefeitura de Fortaleza.

  -  

Após eleição, Capitão Wagner deve retornar ao mandato na Câmara dos Deputados na quarta (2)

Sem vitória na disputa pela Prefeitura de Fortaleza,  Capitão Wagner (Pros) voltará ao mandato de deputado federal na próxima quarta-feira (2). Ele tirou licença por 120 dias no início de agosto para se dedicar à campanha. Com o prazo da licença chegando ao fim, o parlamentar retorna ao mandato e o médico Agripino Magalhães (Pros) volta à suplência.

Foto: Helene Santos
  -  

Treinamento de mesários deve permanecer virtual em 2022, projeta TRE-CE

O treinamento virtual de mesários, auxiliares e demais colaboradores que trabalham durante as eleições deve permanecer na modalidade remota em 2022. Em coletiva na manhã desta terça-feira (1°), a coordenadora de Eleições do Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE), Edna Saboia, afirmou que a medida gerou redução dos custos para a Justiça Eleitoral.

  -  

Comissão de Transição de Governo da Prefeitura de Fortaleza é criada nesta segunda (30)

Foi criada, nesta segunda-feira (30), a Comissão de Transição de Governo da Prefeitura de Fortaleza, para dar início à transferência da gestão de Roberto Cláudio (PDT) para a administração do prefeito eleito Sarto Nogueira (PDT), que toma posse em 1º de janeiro de 2021. A medida foi publicada no Diário Oficial do Município um dia após o resultado do 2º turno na Capital.

Foto: José Leomar
  -  

Heitor Freire declara “independência” no 2º turno em Fortaleza “por não enxergar” valores de direita

O ex-candidato à Prefeitura de Fortaleza Heitor Freire (PSL) declarou, em nota, que vai manter “independência” no 2º turno da disputa na Capital e não vai apoiar nem Sarto (PDT) nem Capitão Wagner (Pros). Freire diz que não “enxerga” em nenhuma candidatura “a defesa autêntica dos valores de direita e conservadores”. Por fim, desejou sucesso ao vencedor.

Foto: Isanelle Nascimento
  -  

Candidatura a prefeito ajudará a eleger vereadores correligionários, acredita Heitor Freire

Minha candidatura impulsionou mais a visibilidade do PSL e isso vai ter uma boa aquisição do grupo de vereadores.

Heitor Freire (PSL), candidato à Prefeitura de Fortaleza, ao sair da votação no Colégio Espaço Aberto. Ele acredita que seu partido consiga emplacar quatro nomes na Câmara Municipal de Fortaleza

Foto: José Leomar
  -  

“Eu vou apoiar a mim mesmo. Eu vou pro segundo turno!”, afirma Heitor Freire, ao chegar para votar

Candidato à Prefeitura de Fortaleza, Heitor Freire (PSL) afirmou que estará no segundo turno, apesar de não aparecer entre os favoritos nas pesquisas eleitorais. Ao sair da votação no Colégio Espaço Aberto, preferiu não declarar apoio no próximo embate. “Se eu não for (para o segundo turno), a conversa é outra”, disse o candidato.

Foto: José Leomar
  -  

TRE-CE mantém indeferimento de candidatura do vereador Marcelo Lemos

O TRE-CE decidiu na última segunda (23), por unanimidade, negar o recurso do candidato a vereador de Fortaleza Marcelo Lemos (PSL) para reverter o indeferimento da candidatura. O Ministério Público Eleitoral argumenta que Lemos, quando geriu a Regional V, teve as contas desaprovadas pelo TCE.  Neste pleito, Lemos recebeu 5.381 votos.

Foto: José Leomar
  -  

Vereador Marcelo Lemos contraria neutralidade do PSL e declara apoio a Sarto em Fortaleza

O vereador de Fortaleza, Marcelo Lemos, do PSL, contrariou o seu partido e declarou apoio ao candidato à Prefeitura da Capital, Sarto Nogueira, (PDT) O PSL, que lançou no 1º turno a candidatura do deputado federa Heitor Freire, declarou neutralidade no 2º turno da disputa. O anúncio foi feito nas redes sociais do deputado Salmito Filho (PDT).

  -  

“Um reflexo do recall dos candidatos”, diz Heitor Freire sobre pesquisa Ibope

“As pesquisas nada mais são do que um reflexo do recall dos candidatos. Nós seguimos com nosso trabalho para endireitar Fortaleza”

Heitor Freire (PSL) comenta a pesquisa Ibope lançada nesta terça-feira (3). O candidato teve 2% de intenção de votos.

Foto: Isanelle Nascimento
  -  

Terceiro na suplência do PDT na Câmara, Didi Mangueira tem expectativas de assumir vaga na próxima legislatura

Terceiro na suplência do PDT na Câmara Municipal de Fortaleza, o vereador Didi Mangueira está na expectativa de voltar ao mandato na próxima legislatura. Sem revelar detalhes, ele diz apenas que há possibilidades. Nos bastidores, parlamentares acreditam que haverá movimentações na bancada pedetista para que Didi Mangueira não fique de fora da Câmara.

Foto: José Leomar
  -  

Oposição procura vereadores para dialogar sobre a composição da Mesa Diretora da Câmara Municipal

Após definir que irão lançar candidatura própria à Presidência da Câmara Municipal de Fortaleza, a oposição tem procurado vereadores para discutir a composição da Mesa Diretora. Os diálogos têm sido feitos, inclusive, com parlamentares da base aliada – que prosseguem apoiando o nome de Antônio Henrique para a reeleição ao cargo.

  -  

Em primeira sessão após eleição, votação de projeto do novo Regimento Interno é adiada por falta de quórum

Após embates eleitorais tomarem conta da primeira sessão da Câmara Municipal de Fortaleza após o segundo turno, a votação de matérias ficou em segundo plano. Por falta de quórum, a análise do projeto do novo Regimento Interno da Casa Legislativa, que estava na ordem do dia, ficou para quinta-feira (3). A matéria já está em debate há meses.

Foto: Isanelle Nascimento
  -  

Capitão Wagner anuncia que será o líder do Pros na Câmara dos Deputados

O deputado federal Capitão Wagner (Pros), que retorna nesta quarta-feira (2) à Câmara dos Deputados, anunciou nas redes sociais será o líder do partido na Casa. Derrotado na disputa à Prefeitura de Fortaleza, Wagner disse que, com a liderança terá “mais condição de ajudar nosso Estado, para que a qualidade de vida das pessoas possa mudar”.

Foto: Helene Santos
  -  

Vereador Guilherme Sampaio testa positivo para Covid-19

Após apresentar sintomas gripais no último fim de semana, o presidente do PT Fortaleza, vereador Guilherme Sampaio, testou positivo para a Covid-19. Ele realizou exame RT-PCR, que confirmou o diagnóstico. A assessoria de Guilherme informou que está bem, mas segue cumprindo o isolamento.

  -  

Grupo ocupa sede estadual do PDT e exige audiência com Roberto Cláudio e Sarto

Manifestantes ocuparam, na manhã desta quarta-feira (2), a sede do diretório estadual do PDT. Eles exigem uma audiência com o prefeito Roberto Claudio (PDT) e o prefeito eleito Sarto Nogueira (PDT) para discutir moradia para 85 famílias que estão vivendo em um terreno no bairro Mondubim. Procurado, o diretório estadual da sigla não comentou o caso.

Foto: Divulgação
  -  

Sarto: nomes para compor equipe precisam ter “perfil e capacidade técnica”

Ainda fazendo mistério sobre nomes que estarão em sua equipe, Sarto Nogueira (PDT) afirmou que a regra para a escolha será “perfil e capacidade técnica”. As escolhas poderão incluir também integrantes de partidos que o apoiaram durante a campanha. “A regra é ouvir e, evidentemente, quem for participar da gestão tem que ter capacidade técnica”, ressaltou.

Foto: José Leomar
  -  

“PT deixou claro o apoio à nossa candidatura”, disse Antônio Henrique sobre discussão da Presidência

“PT deixou muito claro o apoio dele à nossa candidatura. Fez suas reinvindicações e nós vamos analisar cada uma delas. Entre elas, compor a Mesa Diretora”

Presidente da Câmara Municipal, Antônio Henrique, nesta quarta (2). Vereador, que pretende concorrer a um novo mandato como o chefe da Casa, também disse que irá conversar com todos os vereadores eleitos até 31 de dezembro.

Foto: Divulgação
  -  

“Firme e forte”, diz Luiz Pontes sobre parceria entre PSDB e PDT

Presidente estadual do PSDB, Luiz Pontes esteve em reunião promovida por Sarto Nogueira (PDT) com aliados, na manhã desta quarta-feira (2). Questionado se a aliança entre as duas siglas estará mantida no novo governo, o tucano sinalizou positivamente. “Está. Firme e forte”, reforçou.

Foto: Fabiane de Paula
  -  

Sarto afirma ser “possível” criar novas secretarias na Prefeitura de Fortaleza

Após reunião com partidos aliados durante o segundo turno, o prefeito eleito Sarto Nogueira (PDT) afirmou que “pode criar” novas secretarias no Município. O pedetista também comentou sobre a divisão da Capital em 12 regionais, proposta já aprovada pela Câmara, mas que ainda não foi implantada. “Temos um norte, a ideia é preservar o que foi aprovado”, disse.

Foto: José Leomar