-  

Declaração de Camilo sobre Wagner gera reação em cadeia de governistas nas redes sociais

A manifestação do governador Camilo Santana (PT) de confrontar o candidato Capitão Wagner (Pros) gerou reação em cadeia de integrantes do grupo governista. O candidato a prefeito Sarto Nogueira (PDT) e o seu candidato a vice, Élcio Batista, entraram na polêmica. “É hora da verdade, de apresentar trajetórias e assumir responsabilidades”, provocou Sarto.

Foto: Isanelle Nascimento
  -  

Camilo vai a Brasília para tratar de possível compra direta da vacina russa Sputnik V para o Ceará

O governador Camilo Santana (PT) informou, neste sábado (27), que visitará na próxima terça-feira (2) o laboratório que representa a vacina russa Sputnik V, em Brasília, para tratar de possível aquisição direta do imunizante, em complemento ao Plano Nacional de Imunização. A possibilidade de compra de vacinas por estados e municípios tem o aval do STF.

  -  

Opositor, Vitor Valim agradece ao governador pelo aumento da frota intermunicipal de ônibus em Caucaia

Opositor ao Governo do Estado, o prefeito de Caucaia, Vitor Valim (Pros), foi às redes sociais neste sábado (27) para agradecer ao governador Camilo Santana (PT) pelo aumento em 10% da frota intermunicipal de ônibus. Ele já havia anunciado aumento da frota de ônibus municipal em 25%. “Nosso apelo foi atendido e os esforços para reduzir aglomerações (…) não param”, escreveu.

Foto: José Leomar
  -  

“Continuaremos firmes, combatendo o negacionismo”, diz Camilo ao rebater fala de Bolsonaro

Após Jair Bolsonaro criticar medidas de isolamento em passagem no Ceará, o governador Camilo Santana declarou que “aqueles que debocham da ciência e principalmente desrespeitam a dor das milhares de famílias vítimas da Covid, receberão o justo julgamento. Continuaremos firmes, combatendo o negacionismo“, disse o petista nas redes sociais.

Foto: Fabiane de Paula
  -  

“A vida não tem sido fácil”, diz Capitão Wagner ao pedir palmas para Bolsonaro no Ceará

O deputado federal Capitão Wagner (pros) foi o único parlamentar a discursar durante passagem de Bolsonaro pelo Ceará nesta sexta (26). “Queria pedir a todos uma salva de palmas para o presidente. A vida não tem sido fácil nesses dois anos. A gente tem mais um ano e 10 meses de Governo e a gente espera que o presidente Bolsonaro possa entregar muito mais”, disse.

Foto: Kid Junior
  -  

Capitão Wagner votará pela soltura do deputado Daniel Silveira: “prisão é ilegal”

O deputado Capitão Wagner (Pros), disse, durante live, que votará, nesta sexta (18), pela soltura de Daniel Silveira (PSL-RJ), deputado bolsonarista preso em flagrante na última terça (16), após divulgar um vídeo com ataques verbais e ameaças a ministros da Corte. Wagner argumentou que o parecer de juristas indica ilegalidade na prisão, por ser em flagrante.

  -  

Restrição a funcionamento de bares e restaurantes é pauta de encontro da oposição

O decreto estadual que reduziu o horário de funcionamento de estabelecimentos em Fortaleza foi pauta no encontro de vereadores da oposição com o dep. Capitão Wagner. “Diante do decreto, muitos setores nos procuraram. Acreditamos que parte desse aumento (de casos) não se deve a bares e restaurantes, mas aos clandestinos”, disse o ver. Pedro Matos (Pros).

 

Foto: Isanelle Nascimento
  -  

Prefeito e vice de Viçosa são condenados por aglomeração na campanha; pena também vale para opositores

O prefeito eleito de Viçosa do Ceará, José Firmino (MDB), e seu vice, Dr. Marcelo (MDB), foram condenados na Justiça por provocar aglomerações durante a campanha. A decisão recai também sobre a chapa adversária, encabeçada por Divaldo Soares (PDT). Os dois grupos políticos terão de pagar multa de R$ 250 mil.

  -  

Prefeito e vice do Cedro têm diploma cassado por abuso de poder; ex-prefeito também é condenado

O atual prefeito do Cedro, João Diniz (PDT); a vice, Ana Nilma (PDT); e o ex-prefeito Nilson Diniz (PDT) foram condenados por abuso de poder por terem firmado contratos temporários com servidores durante o período eleitoral. Com a pena, o juiz anulou o último pleito, convocou nova eleição e tornou os três gestores inelegíveis por 8 anos. Cabe recurso.

  -  

TRE-CE mantém cassação de prefeito e vice de Viçosa do Ceará; gestores continuam no cargo

O TRE-CE manteve a cassação do prefeito eleito de Viçosa do Ceará, José Firmino (MDB), e de seu vice, Dr. Marcelo (MDB), por abuso de poder político e conduta vedada, rejeitando o pedido da defesa para anular a decisão do juiz eleitoral zonal. No entanto, eles permanecem no cargo até que esgotem os recursos no TRE.

Foto: Instagram/Reprodução
  -  

Sarto se reunirá com prefeitos do País para debater consórcio para compra de vacinas pelos municípios

O prefeito José Sarto (PDT) se reunirá com o presidente da Frente Nacional de Prefeitos (FNP), Jonas Donizette, e outros gestores municipais, nesta segunda-feira (1º), para tratar da criação de um consórcio público para aquisição de vacinas. O anúncio foi feito pelo pedetista neste domingo (28), nas redes sociais, após conversa com o presidente da FNP.

Foto: Natinho Rodrigues
  -  

Câmara aprova emenda que permite ao vice-prefeito Élcio Batista ocupar cargo cumulativo em secretaria

A Câmara Municipal de Fortaleza aprovou, em 1º turno, emenda à Lei Orgânica da Cidade que autoriza o prefeito José Sarto (PDT) a nomear o vice Élcio Batista (PSB) para ocupar cumulativamente cargo em secretaria ou de comissão na administração do município. Ele não vai acumular salários, porque atuará como missão especial. Élcio está à frente do Iplanfor

Foto: Thiago Gadelha
  -  

Base de Sarto enfrenta 1ª prova de fogo com projeto que prepara legislação para reforma da previdência

A base do prefeito José Sarto (PDT) no Legislativo enfrenta hoje (10) a primeira prova de fogo com as mensagens do Executivo que preparam a legislação da Capital para receber a reforma da Previdência municipal. A base quer votar as matérias em 1° turno ainda hoje. Eles contam 32 votos favoráveis. Do lado de fora da Casa, servidores cobram diálogo.

Foto: Helene Santos
  -  

Cid critica PEC que retira piso de investimentos: “se comprar menos leite condensado, encontraremos recursos”

O senador Cid Gomes (PDT) criticou nesta terça (23) a proposta que retira o investimento mínimo em Saúde e Educação em estados e municípios. O texto tramita no Senado. Cid escreveu que para acabar com a pobreza não se deve retirar o piso constitucional: “Se taxar lucros e dividendos e comprar menos leite condensado, encontraremos recursos necessários”.

  -  

Mauro Filho é exonerado do cargo de Secretário de Planejamento e Gestão do Ceará

O governador Camilo Santana (PT) exonerou, a pedido, o Secretário do Planejamento e Gestão, Mauro Filho. A decisão foi publicada no Diário Oficial na noite desta terça (23). Mauro Filho também é deputado federal pelo PDT. Segundo Mauro, a saída é provisória para que ele possa participar da reunião da bancada federal em Brasília, nesta quarta (24), às 17h.

Foto: José Leomar
  -  

Deputado federal Robério Monteiro testa positivo para Covid-19

O deputado federal cearense Robério Monteiro (PDT) anunciou, por meio das redes sociais, que testou positivo para a Covid-19. “Fui acometido por essa doença e desde já quero anunciar que estou seguindo todas as medidas sanitárias”, informou o parlamentar, que permanecerá em isolamento.

Foto: Robério Monteiro - Acervo Câmara dos Deputados
  -  

Vereadores de oposição em Fortaleza se reúnem com deputado Capitão Wagner

Vereadores da oposição ao prefeito Sarto Nogueira (PDT) se reuniram, na noite de sexta (5), com o deputado federal Capitão Wagner (Pros) para definir ações para este ano. “Parabenizei os vereadores pela maneira responsável como estão cumprindo o papel de fiscais da Prefeitura, inclusive revertendo decisões”, disse o deputado.

  -  

Após reunião de líderes, Arthur Lira garante continuidade de auxílio emergencial, diz Capitão Wagner

O deputado federal Capitão Wagner (Pros), após reunião de líderes partidários com o novo presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), disse, em redes sociais, que o auxílio emergencial terá continuidade “tão logo seja votado o Orçamento, em fevereiro”, conforme previsão de Lira. O encontro ocorreu na tarde desta quinta-feira (4).

Foto: Reprodução
  -  

Capitão Wagner assume liderança do Pros na Câmara dos Deputados

O deputado Capitão Wagner assume hoje (1º) a liderança do Pros na Câmara Federal, no lugar do deputado Acácio Favacho (AP). A bancada do Pros conta com 10 deputados. “É uma responsabilidade a mais conduzir o partido nas votações no Congresso Nacional”, disse.

Foto: Divulgação
  -  

Presidente da Aprece vai a Brasília tratar de possível compra da vacina russa para municípios cearenses

O presidente da Associação dos Municípios do Ceará (Aprece), Júnior Castro (PDT), deve ir a Brasília, na próxima terça-feira (2), se reunir com representantes da vacina russa Sputnik V sobre as possibilidades de aquisição para prefeituras cearenses. Ele tenta alinhar a agenda com a do governador, que também tentará comprar o imunizante contra a Covid-19.

Foto: Reprodução
  -  

‘Sou favorável, desde que inclua estados e municípios’, diz Eduardo Girão sobre CPI da Covid-19

“Sou favorável à CPI e assinarei (o requerimento para instalação), desde que inclua também a gestão da pandemia nos estados e municípios. Existem indícios de desvios dos recursos para o enfrentamento ao coronavírus em alguns entes federativos, inclusive no Ceará”.

Senador Eduardo Girão (Podemos), sobre instalação de CPI da Covid-19 no Senado.

  -  

“Estou afinado com o Tasso e cobrarei a instalação da CPI”, afirma Cid Gomes após visita de Bolsonaro ao Ceará

Após aglomerações na visita do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) ao Ceará, o senador Cid Gomes (PDT) afirmou, neste sábado (27), que também vai cobrar a instalação da CPI da Covid-19 no Senado, para investigar ações do Governo Federal no combate à pandemia. “Estou afinado com o Tasso e cobrarei a instalação da CPI”, frisou o pedetista.

  -  

Após aglomerações em visita de Bolsonaro ao Ceará, Tasso quer instalação da CPI da Covid-19 no Senado

O senador Tasso Jereissati (PSDB) disse ao jornalista Gerson Camarotti (G1) que cobrará do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), a instalação da CPI da Covid-19 no Senado. “Bolsonaro cometeu crime de responsabilidade ao mandar as pessoas à morte, estimulando aglomeração”, disse, após visita do presidente ao Ceará. Ao todo, 30 senadores assinaram o requerimento da CPI.

Foto: Moreira Mariz/Agência Senado
  -  

TRE-CE reverte cassação dos diplomas do prefeito e do vice de Mulungu

Por decisão do Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE), foi revertida sentença de 1º grau que cassava os diplomas do prefeito e do vice-prefeito de Mulungu, Robert Viana (PL) e Cleanto Uchoa (PP), em ação por abuso de poder. Os juízes também reverteram a cassação do diploma da vereadora  Lyziane do Studart (PL). O julgamento do recurso ocorreu na sexta-feira (26).

Foto: Reprodução
  -  

“Ignora a aflição do nosso povo”, diz Cid sobre aglomeração em visita de Bolsonaro ao Ceará

“A situação da pandemia é gravíssima (…). Enquanto isso, o irresponsável, despreparado e inconsequente presidente da República se cerca de outros tantos irresponsáveis e promovem aglomerações no Ceará. Ignora a aflição do nosso povo”.

Senador Cid Gomes (PDT), em reação à visita presidencial ao Ceará.

  -  

Deputados destinam emendas para a Saúde e atendem pedido do governador, diz Danilo Forte

Após discussão na Câmara, a bancada cearense atendeu ao pedido do governador Camilo Santana (PT), e destinou cerca de 90% da emenda parlamentar para custeio da Saúde no Ceará.  A informação é do deputado Danilo Forte (PSDB). Mais de R$ 100 milhões serão de administração direta do governo. Há também a verba enviada diretamente para as prefeituras.

  -  

No Ceará, Bolsonaro confirma “mais meses” de auxílio emergencial e critica governadores

O presidente Jair Bolsonaro disse que o Brasil terá “mais meses de auxílio emergencial”. Ele também criticou governadores que determinam normas de isolamento social. “Essa politicalha do fique em casa a economia a gente vê depois, não vai dar certo”. Disse ainda que governantes que “causarem desempregos” terão que bancar o auxílio emergencial”.

Foto: Kid Junior
  -  

Após solenidades, Jair Bolsonaro encerra visita oficial ao Ceará sem dar entrevistas

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) encerrou a agenda oficial no Ceará sem falar com a imprensa. Ele chegou ainda pela manhã em Tianguá, e depois se dirigiu até Caucaia para assinar ordens de serviços. Nas duas ocasiões, o presidente não usou máscaras, assim como boa parte de sua comitiva. Houve aglomerações nos dois eventos.

Foto: Kid Jr.
  -  

Capitão Wagner parte em defesa de Bolsonaro e rebate crítica do governador a evento do presidente

O deputado Capitão Wagner (Pros) reagiu à crítica feita por Camilo Santana (PT), sobre a visita do presidente Jair Bolsonaro ao Ceará. Wagner disse, entre outros apontamentos, que “equívoco maior foi fechar um hospital de campanha onde se gastou milhões e, pouco tempo depois, sem que a pandemia tivesse acabado, desativá-lo”.

 

Foto: José Leomar