-  

Camilo Santana apoia candidato da oposição em Barbalha, sua terra natal

A área de relações institucionais do Governo do Estado contabiliza quase 180 prefeitos – do total de 184 no Estado – como aliados do governador Camilo Santana (PT). Um dos opositores, entretanto, é o gestor de Barbalha, a terra natal do governador. Lá, Argemiro Sampaio (PSDB) concorre à reeleição e o nome apoiado pelo governador é Guilherme Saraiva do PDT.

  -  

Assista em tempo real ao PontoPoder Eleições

O PontoPoder Eleições desta sexta-feira (13) traz números da terceira pesquisa Ibope do município de Juazeiro do Norte, além de números da corrida eleitoral de Barbalha. A atração, que vai ao ar às 21h55, na TV Diário, aborda assuntos como a lei seca no dia da eleição e os últimos detalhes da distribuição das urnas no Ceará.

  -  

Ibope Barbalha: 46% dos eleitores citam Saúde como área mais problemática

Quando perguntados sobre quais as áreas mais problemáticas da cidade de Barbalha, 46% dos eleitores entrevistados na pesquisa Ibope citaram a saúde. A geração de empregos ficou em segundo lugar, com 34% das respostas, e a Limpeza pública em terceiro, com 24%. O levantamento foi encomendado pelo Diário do Nordeste.

Foto: Lorena Tavares
  -  

Com empate entre candidatos, Barbalha tem disputa acirrada na reta final

A pesquisa Ibope contratada pelo Diário do Nordeste mostra uma disputa acirradíssima em Barbalha, na região do Cariri cearense. O atual prefeito, Argemiro Sampaio (PSDB), que busca a reeleição, tem 46% das intenções de voto. Ele está numericamente empatado com Dr. Guilherme (PDT), 46%. A disputa só deve ser resolvida nestes dois últimos dias de campanha.

  -  

Treinamento de mesários deve permanecer virtual em 2022, projeta TRE-CE

O treinamento virtual de mesários, auxiliares e demais colaboradores que trabalham durante as eleições deve permanecer na modalidade remota em 2022. Em coletiva na manhã desta terça-feira (1°), a coordenadora de Eleições do Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE), Edna Saboia, afirmou que a medida gerou redução dos custos para a Justiça Eleitoral.

  -  

Comissão de Transição de Governo da Prefeitura de Fortaleza é criada nesta segunda (30)

Foi criada, nesta segunda-feira (30), a Comissão de Transição de Governo da Prefeitura de Fortaleza, para dar início à transferência da gestão de Roberto Cláudio (PDT) para a administração do prefeito eleito Sarto Nogueira (PDT), que toma posse em 1º de janeiro de 2021. A medida foi publicada no Diário Oficial do Município um dia após o resultado do 2º turno na Capital.

Foto: José Leomar
  -  

Assista na íntegra à última edição do PontoPoder Eleições

Nesta segunda-feira (30), o PontoPoder Eleições, na TV Diário, encerra a cobertura do pleito municipal. Com o fim das eleições, o programa voltado ao eleitor também se despede de uma maneira especial. Entre os destaques, o resumo da cobertura eleitoral, perspectivas dos novos prefeitos eleitos em Fortaleza e Caucaia e a composição das Câmaras Municipais que os gestores irão encontrar. Não deixe de conferir!

  -  

Bancada do PDT fecha apoio a Antônio Henrique para presidente da Câmara após reunião com Sarto

A bancada eleita pelo PDT fechou apoio, na manhã desta terça-feira 1º, ao nome do atual presidente, vereador Antônio Henrique, para seguir no cargo de presidente da Câmara por mais dois anos. Pesa em favor do mandatário a relação próxima com o prefeito eleito, Sarto Nogueira, que se reuniu com os correligionários nesta manhã.

Foto: Reprodução
  -  

Sarto tem até o dia 31 para renunciar ao mandato de deputado, mas antes deve conduzir sucessão na AL

O prefeito eleito de Fortaleza Sarto Nogueira (PDT) tem até o dia 31 de dezembro para renunciar ao mandato de deputado na Assembleia Legislativa e ao cargo de presidente da Casa. Até lá, deve conduzir a sucessão da Mesa-Diretora. Nos bastidores, os movimentos ainda são tímidos, mas nomes já são cotados e o PDT deve ser o protagonista do processo.

Foto: José Leomar
  -  

Análise: Vitória consolida o PDT na Capital; oposição também sai fortalecida das urnas

O resultado das urnas do último domingo (29), com a eleição de Sarto Nogueira para prefeito de Fortaleza, mostra um paradoxo para o grupo governista. Será o terceiro mandato seguido na Capital, o que é significativo, mas o resultado da oposição foi considerável e pode apontar para um horizonte de debate político mais acirrado para a eleição de 2022. Confira a análise de Inácio Aguiar.

Foto: Helene Santos
  -  

Roberto Pessoa (PSDB) é eleito prefeito de Maracanaú

Com 66,32% dos votos válidos, o deputado federal Roberto Pessoa (PSDB) foi eleito prefeito de Maracanaú, município da Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). Seu principal oponente era o deputado estadual Julinho Líder do Camilo (Cidadania), que teve 25,83% dos votos válidos. O município registrou ainda 8.297 votos brancos, 13.867 nulos e 19.735 abstenções. As informações são do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). 

  -  

Nelinho Freitas promete requalificação do Parque das Timbaúbas para 2022

O candidato Nelinho Freitas (PSDB) disse em entrevista ao PontoPoder Eleições, nesta quinta (29), que, se eleito, fará um processo de requalificação do Parque das Timbaúbas, em Juazeiro do Norte. “O nosso projeto é que queremos, dentro do primeiro semestre do segundo ano, concluir essa obra, que vai trazer conforto para nossas famílias”, afirmou.

  -  

Nelinho diz que simboliza a ‘nova política’ por apresentar projetos inovadores

Embora vinculado à política tradicional de Juazeiro do Norte, o entrevistado do PontoPoder Eleições desta quinta (29), Nelinho Freitas (PSDB), que tem como candidato a vice o filho do ex-prefeito Raimundão, Davi de Raimundão (MDB), disse que representa uma renovação na política: “A gente está muito tranquilo fazendo uma política renovada e de propostas”.

  -  

Danilo Forte assume vaga deixada por Roberto Pessoa na Câmara dos Deputados

Após a eleição, apenas um nome da bancada cearense em Brasília será substituído. Roberto Pessoa (PSDB), eleito para ocupar o cargo de prefeito de Maracanaú, deixará a vaga para Danilo Forte (PSDB). Dos 22 deputados cearenses, pelo menos seis estiveram ligados diretamente a alguma campanha política, seja a própria ou de parentes.

  -  

Toni Brito assume cadeira de deputado na Assembleia no lugar de Vitor Valim, eleito prefeito

O suplente de deputado estadual Toni Brito (Pros) vai retornar às atividades na Assembleia Legislativa do Ceará, em 2021, desta vez, como deputado estadual efetivo. Ele vai assumir o lugar do deputado estadual Vitor Valim (Pros), que foi eleito prefeito de Caucaia neste ano.

Foto: José Leomar
  -  

Davi de Raimundão vai assumir cadeira de deputado estadual após Patrícia Aguiar ser eleita prefeita

Com a eleição da deputada estadual Patrícia Aguiar (PSD) prefeita de Tauá, o primeiro suplente da coligação, Davi de Raimundão (MDB), vai ser efetivado na Assembleia Legislativa. Ele já exerceu a suplência nesta legislatura, quando deputados do MDB se licenciaram das atividades. Davi, inclusive, concorreu à vice-prefeitura de Juazeiro do Norte neste ano.

Foto: José Leomar
  -  

Mais de 264 mil títulos de eleitores no Ceará voltam a ser cancelados após a eleição

Passado o segundo turno, 264 mil eleitores cearense têm o título cancelado por não terem feito a biometria. Para o pleito deste ano, devido à pandemia, o documento foi validado momentaneamente. Agora, os eleitores precisarão buscar a Justiça Eleitoral para regularizar a situação. A partir do dia 9 de dezembro, isso poderá ser feito de forma virtual.

  -  

Gordim Araújo vai assumir lugar de deputado Bruno Gonçalves na Assembleia, eleito prefeito de Aquiraz

Com a eleição do deputado estadual Bruno Gonçalves (PL) para a Prefeitura de Aquiraz, o primeiro suplente do partido, Gordim Araújo, vai assumir o lugar do colega na Assembleia Legislativa. Araújo já tinha exercido a suplência no ano passado, quando Gonçalves se licenciou do mandato.

Foto: Helene Santos
  -  

Lucílvio Girão e Manoel Duca assumem cadeiras na Assembleia no lugar de Sarto e Nezinho, eleitos prefeitos

A Assembleia Legislativa vai passar por uma dança das cadeiras, após deputados terem sido eleitos prefeitos. Com a saída de Sarto (PDT) para a Prefeitura de Fortaleza e Nezinho Farias (PDT) para Horizonte, serão efetivados os suplentes Manoel Duca (PDT) e Lucílvio Girão (PP), que já está no lugar de Zezinho (PDT), secretário de Cidades.

Foto: José Leomar
  -  

Grupos diferentes podem ter atacado sistema do TSE, diz Barroso sobre primeiro turno

“Houve um vazamento de informações, atribuído ao hacker português que tinha parceiros brasileiros, e isso parece fora de dúvida, e houve o que se chama de ataque maciço, conhecido como ataque de negação de serviço”.

Presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luís Roberto Barroso, sobre ataques no primeiro turno das eleições, em 15 de novembro.

  -  

PontoPoder Cafezinho: podcast debate resultados, bastidores e desafios dos prefeitos eleitos em Fortaleza e Caucaia

O podcast PontoPoder Cafezinho discute o resultado das urnas em Fortaleza e Caucaia, assim como os desafios postos aos futuros gestores. Os jornalistas Márcio Dornelles, William Santos, Wagner Mendes e Igor Cavalcante trazem os bastidores e curiosidades da eleição.

  -  

Sarto Nogueira ganha em 12 zonas eleitorais no 2° turno

O prefeito eleito de Fortaleza, Sarto Nogueira (PDT), ganhou em 12 zonas eleitorais no 2° turno. Em relação ao 1°, ele teve saldo de uma zona eleitoral a mais. Com o resultado, ele venceu em duas zonas eleitorais nas quais Capitão Wagner havia ganhado no 1° turno – 3° e 115° – e perdeu na 116°, onde tinha conquistado a maioria dos votos no dia 15 de novembro. Veja análise completa.

Foto: Helene Santos
  -  

Capitão Wagner vence em cinco zonas eleitorais, uma a menos em relação ao 1° turno

Capitão Wagner teve, no 2° turno, um resultado diferente nas zonas eleitorais de Fortaleza em comparação ao dia 15 de novembro. No embate de domingo (29), Capitão Wagner venceu em cinco zonas eleitorais, uma a menos em relação ao 1° turno. A derrota ocorreu na 3° e na 115° zona. O ex-candidato também ganhou a zona 116°, conquistada por Sarto no 1° turno. Veja análise completa.

Foto: Natinho Rodrigues