-  

Câmara de Fortaleza aprova projeto que regulamenta atividade dos “Trenzinhos da Alegria” na Capital

A Câmara Municipal de Fortaleza aprovou, nesta quarta (17), um projeto de lei que regulamenta a atividade dos “Trenzinhos da Alegria” na Capital. A matéria, de autoria do vereador Márcio Martins (Pros), segue para sanção do prefeito Roberto Cláudio (PDT). A discussão na Casa sobre o tema se arrastava desde 2016.

Foto: Lucas de Menezes
  -  

Vereadores aprovam 14 projetos de indicação com medidas de enfrentamento à Covid-19

A Câmara de Fortaleza aprovou, hoje, 14 projetos de indicação de vereadores com medidas de enfrentamento à Covid-19.  Entre as propostas, está o de Cláudia Gomes (DEM), que prevê a suspensão por 30 dias da cobrança de Zona Azul, e o de Gardel Rolim (PDT), que  sugere a concessão de auxílio aos trabalhadores de nível médio da saúde afastados por conta da doença.

  -  

Câmara Municipal marca reunião nesta terça (17) para discutir ações de prevenção ao coronavírus

Não é só a Assembleia Legislativa que está adotando medidas de prevenção por conta do coronavírus, a Mesa Diretora da Câmara Municipal de Fortaleza marcou uma reunião amanhã (17), às 8h30, para definir ações preventivas lá.

Foto: José Leomar
  -  

Após encontro com bancada federal, vereadores conseguem reunião com a Caixa para tratar de inspeção predial

Vereadores da Câmara de Fortaleza apresentaram, hoje, em Brasília, projeto à bancada federal cearense para criar uma linha de crédito para condomínios fazerem reparos estruturais. Satisfeitos com a proposta, os deputados viabilizaram uma reunião com o superintendente executivo da Caixa, Alexandre Cordeiro, para o próximo dia 10, na Capital Federal.

Foto: Divulgação
  -  

Em novo balanço, Justiça Eleitoral contabiliza mais de 1,6 mil denúncias de propaganda irregular no Ceará

O Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE) recebeu, até o momento, 1.644 denúncias de propaganda irregular. Na última semana, chegaram à Justiça Eleitoral 545 novos relatos de ilicitudes. Fortaleza abrange 31,8% das denúncias. Segundo o TRE-CE, 505 foram autuadas como notícia de irregularidade em propaganda eleitoral por terem sido verificados indícios de ilícitos. O balanço foi divulgado neste sábado (31). Mais informações no Diário do Nordeste.

Foto: Fabiane de Paula
  -  

Renato Roseno conversa com comerciantes sobre o mercado do Carlito Pamplona

O candidato do Psol à Prefeitura de Fortaleza, Renato Roseno, cumpriu agenda, na manhã deste sábado (31), no bairro Carlito Pamplona, onde ouviu queixas de comerciantes e ambulantes sobre as condições do mercado da praça central e o aumento do preço dos alimentos. O postulante participou de bandeiraço, panfletagem e caminhada pela região.

  -  

A 15 dias das eleições, candidatos só podem ser presos em flagrante a partir deste sábado (31)

A partir deste sábado (31), de acordo com o calendário eleitoral, nenhum candidato pode ser detido ou preso, salvo em flagrante de delito. A regra, segundo a legislação eleitoral, passa a valer 15 dias antes do pleito. Ela permanece em vigência até 48 horas após a realização do primeiro turno, marcado neste ano para o dia 15 de novembro.

Foto: Natinho Rodrigues
  -  

Paula Colares propõe participação popular na Prefeitura por meio de conselhos de gestão

Em visita à feira do bairro São Cristóvão neste sábado (31), a candidata da UP à Prefeitura de Fortaleza, Paula Colares, propôs a criação de conselhos de participação popular, se eleita. Por meio deles, seriam discutidos temas como a construção do Orçamento Municipal. Para ela, uma medida “justa e democrática” com os que “constroem Fortaleza diariamente”.

  -  

Na reta final da campanha, candidatos apostam em carreatas neste sábado (31) na Capital

A realização de carreatas é a estratégia mais presente na disputa pela Prefeitura de Fortaleza neste sábado (31), adotada por, pelo menos, cinco candidaturas: Anízio Melo (PCdoB), Capitão Wagner (Pros), Heitor Freire (PSL), Luizianne Lins (PT) e Sarto Nogueira (PDT). Os demais candidatos têm, na agenda, caminhadas e panfletaços. A orientação da Secretaria da Saúde é que, em carreatas, todos os participantes fiquem dentro dos carros para evitar aglomerações.

  -  

Assista em tempo real ao PontoPoder Eleições

O programa PontoPoder Eleições traz nesta sexta (30) reportagem sobre os desafios do Ministério Público para investigar irregularidades eleitorais, a chegada da Força Nacional em Caucaia, além do quadro ‘Descomplicando’ tirando dúvidas sobre votos nulos e brancos. O candidato ‘Prometeu’ também está de volta, falando sobre Saúde. O programa começa às 21h55, na TV Diário.

  -  

Samuel Braga defende implementação de coleta seletiva em mercados públicos

Samuel Braga (Patriota) visitou o mercado São Sebastião na manhã desta sexta-feira (30). Ele defendeu a requalificação de todos os mercados públicos de Fortaleza, inclusive com a implementação de coleta seletiva. “Vamos criar um programa de educação ambiental para conscientizar os feirantes a fazerem o correto destino dos resíduos”, acrescentou

Foto: José Leomar
  -  

Anízio Melo defende Cinturão da Saúde com municípios vizinhos a Fortaleza para baratear custos

O candidato à Prefeitura de Fortaleza, Anízio Melo (PCdoB), cumpre agendas internas na sede do partido, nesta sexta (30). Ele defendeu a criação de um Cinturão da Saúde com os municípios vizinhos a Fortaleza. “Um consórcio público pra gente atacar o problema que é sanitário, garantir saneamento e baratear os insumos”.

  -  

Paula Colares propõe fundação de banco de apoio ao pequeno empreendedor

A candidata da UP, Paula Colares, propôs a fundação de um banco de apoio ao pequeno empreendedor, em campanha na Feira da Serrinha na manhã desta sexta (30). No ato, Paula defendeu também a restruturação das feiras e a criação das praças das juventudes. “Nosso governo investirá na educação e geração de empregos para os jovens”, disse.

Foto: Divulgação
  -  

Renato Roseno critica contratação de organizações sociais na Saúde e defende concurso público

O candidato à Prefeitura de Fortaleza, Renato Roseno (Psol), fez um ato em defesa da Saúde, nesta sexta (30), no Centro. Ele defendeu a ampliação de equipes de saúde da família, com a realização de concurso, e criticou a contratação de organizações sociais para gerir equipamentos de saúde. “Não são transparentes. É uma precarização do trabalhador da saúde”.

Foto: Isanelle Nascimento