Bolsonaro veta projeto de deputado cearense que impõe prazo ao STF

O presidente Jair Bolsonaro vetou um projeto de autoria do deputado cearense André Figueiredo (PDT)  que estabelecia prazo de 180 dias, após a concessão de liminar, para o STF julgar o mérito de uma ação. O prazo valeria para Ação de Direta de Inconstitucionalidade, Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental e mandado de segurança.