-  

Assembleia deve suspender eventos e restringir acesso ao plenário em meio ao coronavírus

Com os três casos de coronavírus confirmados no Ceará, a Assembleia Legislativa deve adotar novas medidas: a suspensão dos eventos, como audiências públicas e sessões solenes (o Festival de Música,previsto para o fim de março, deve ser adiado), e restrições às sessões plenárias (somente deputados, assessores e imprensa credenciada terão acesso).

Foto: Camila Lima
  -  

Deputados pedem mais tempo para analisar projeto que estabelece as igrejas como atividades essenciais

Em reunião das comissões da Assembleia, nesta quarta (24), deputados pediram vista, ou seja, mais tempo para analisar o projeto de lei do deputado David Durand (Republicanos) que estabelece as igrejas e templos religiosos como atividade essencial em período de calamidade pública. Com isso, as instituições ficarão proibidas de fechar total na pandemia.

  -  

Presidente da Assembleia reforça compromisso com o concurso; certame ficará para o 2º semestre

O concurso da Assembleia Legislativa deve ser feito somente no segundo semestre de 2021. O motivo: a pandemia. O presidente da Casa, deputado Evandro Leitão (PDT), disse que o plano era fazer neste primeiro semestre, mas, diante da gravidade da situação, não será possível. No entanto, o parlamentar garantiu que esse é um compromisso de sua gestão.

Foto: Helene Santos
  -  

Deputado Danniel Oliveira testa positivo para Covid-19

Ausente da sessão desta quinta-feira (18) na Assembleia Legislativa do Ceará, o deputado estadual Danniel Oliveira (MDB) testou positivo para Covid-19. A informação foi dada pelo vice-presidente da Casa, o deputado Fernando Santana (PT). Oliveira ocupa cargo de 1º vice-presidente na Mesa Diretora.

  -  

Senado define amanhã audiências públicas da reforma da Previdência

O Senado divulgou as datas prováveis do passo a passo da reforma da Previdência. Amanhã, serão definidas as audiências públicas, que serão realizadas entre os dias 19 e 23. No dia 28, deve ser apresentado o relatório. A votação na CCJ está prevista para 4 de setembro. As votações em 1º e 2º turno devem ocorrer até o final de setembro ou outubro.

  -  

Para Tasso, CPI contra Bolsonaro pode ser teste de ‘independência’ do presidente do Senado

Um dos autores do pedido de uma investigação sobre a conduta de Jair Bolsonaro na pandemia, o senador cearense Tasso Jereissati (PSDB) diz que a pauta foi engavetada pelo presidente Rodrigo Pacheco (DEM). “Esse vai ser o grande teste do Rodrigo, se é realmente independente como diz ou se para ganhar se comprometeu até à alma com Bolsonaro”, diz em entrevista ao Estado de S. Paulo.

Foto: Moreira Mariz/Agência Senado
  -  

Análise: vinda de Bolsonaro ao Ceará coloca Camilo em saia justa às vésperas de novo decreto de isolamento

O governador Camilo Santana anunciou, ontem (25), que não encontrará o presidente Jair Bolsonaro em sua vinda ao Ceará para assinar ordens de serviços relativas a obras em rodovias federais. O momento é de alerta elevado sobre a Covid-19, o que colocou Camilo em uma saia justa às vésperas da renovação do decreto estadual de distanciamento. Leia análise de Inácio Aguiar.

  -  

Covid-19: com município em alerta, prefeito de São Gonçalo do Amarante pede que ‘famílias’ fiquem em casa

O prefeito de São Gonçalo do Amarante, Professor Marcelão (Pros) fez, nas redes sociais nesta quinta (25), um apelo para que as “famílias” do município usem máscaras e mantenham-se em casa, evitando aglomeração nas ruas e espaços públicos neste momento. São Gonçalo está em nível de alerta altíssimo para a Covid-19 e pediu decreto de calamidade à Assembleia.

  -  

Com plenário esvaziado, sessão da Assembleia Legislativa não tem pauta de votação

Com o plenário esvaziado, apesar do telão registrar 25 deputados presentes ‘fisicamente’, a sessão da Assembleia desta quinta-feira (8) foi mais uma vez morna, sem ter sequer votação prevista na pauta. No expediente, há apenas a leitura de projetos do Executivo e de deputados.

Foto: Nilton Cezar
  -  

Plenário da Assembleia já começa a esvaziar em meio à corrida eleitoral nos municípios

A pouco mais de uma semana da campanha eleitoral, o plenário da Assembleia está esvaziado hoje (17). Dos 46 deputados estaduais, só 13 estão presentes. E as sessões ocorrem somente nas quintas. Nos bastidores, os parlamentares reconhecem que a tendência é de esvaziamento. 12 deputados são candidatos à Prefeitura e outros vão se envolver na campanha para eleger seus aliados.

  -  

Deputados de grupo de risco poderão participar ao vivo, dos gabinetes, de sessão presencial no plenário

Os deputados estaduais que pertencerem a grupos de risco poderão participar ao vivo direto dos seus gabinetes da primeira sessão presencial no plenário, prevista para a próxima quinta-feira (23), na Assembleia Legislativa. O presidente da Casa, José Sarto (PDT), falou hoje (16) dos preparativos para o retorno das atividades na sessão virtual.

  -  

Cid cobra instalação da CPI da Covid-19 e ataca Bolsonaro: “inconsequente, irresponsável, despreparado”

O senador Cid Gomes (PDT) pediu, nesta terça-feira (2), urgência na instauração da CPI da Covid-19, que deve investigar irregularidades no combate à pandemia. Ele fez críticas ao presidente Jair Bolsonaro. “Esse presidente inconsequente, irresponsável, despreparado precisa ter um alerta para que não cometa mais tais absurdos e fique negando um mal que o mundo inteiro teme”, disse.

Foto: Senado
  -  

Eduardo Girão mobiliza senadores para ampliar CPI da Covid-19 aos estados e municípios

Em meio às articulações para a implantação da CPI da Covid-19, o senador Eduardo Girão (Podemos) tem buscado assinaturas de colegas para estender as investigações do colegiado, caso ele seja criado, também a estados e municípios. Até agora, os nove senadores do Podemos apoiaram a iniciativa. “Estamos querendo mais amplitude nessa investigação”, defende Girão.

  -  

Após reunião com Lira, Camilo Santana volta a eleger vacinas como prioridade

A reunião dos governadores com o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL) nesta terça-feira (2), tratou de quatro pontos principais. Segundo Camilo Santana (PT), o encontro debateu  aquisição de vacinas, recursos para a saúde, auxílio emergencial e a criação de medidas para a recuperação econômica. O governador cearense participou da reunião virtualmente.

  -  

“O Estado tem recursos para comprar, mas não há vacinas disponíveis para aquisição direta”, diz Camilo Santana

Após reunião com representantes da vacina russa Sputnik, Camilo Santana (PT) disse que deseja comprar as vacinas, mas que não há suficientes. “Estamos em negociação com a Pfizer, fizemos contato com o Butantan e com laboratórios chineses, porém, ainda nenhuma está disponível para compra”, disse. “O Estado tem recursos para comprar”, acrescentou.

  -  

Após reunião em Brasília, Camilo diz que pretende comprar vacinas para complementar Plano Nacional

Em viagem a Brasília, o governador do Ceará, Camilo Santana (PT), tratou sobre a compra direta da vacina Sputnik pelos estados. “A multinacional informou que conta com 10 milhões de doses produzidas, que serão incorporadas ao Plano Nacional de Imunização assim que for aprovada pela Anvisa. Nossa intenção é a possibilidade da compra direta pelo Estado, em complemento ao PNI”, disse.

Foto: Divulgação
  -  

‘Não há intenção de extinguir benefícios’, diz Gardel Rolim sobre projeto com mudanças na Previdência

“Não há intenção de extinguir esses benefícios (licença prêmio e anuênios), há intenção de discutir um novo formato para que eles possam continuar sendo concedidos”.

Vereador Gardel Rolim (PDT), líder do Governo Sarto (PDT) na Câmara Municipal de Fortaleza, sobre projeto com mudanças na Previdência dos servidores reapresentado pela Prefeitura.

Foto: CMFor
  -  

Opositor pede vistas, e projeto que muda Previdência deve ser analisado na quarta pela Comissão Especial

Com pedido de vistas do vereador Guilherme Sampaio (PT), o projeto com mudanças na Previdência dos servidores de Fortaleza deve ser analisado pela Comissão Especial , instalada na Câmara Municipal de Fortaleza, apenas na quarta-feira (3). O objetivo, segundo o petista, é colher assinaturas para apresentar emendas à proposta.

Foto: Fabiane de Paula
  -  

“Não é nenhuma novidade”, diz Gardel após líder do Pros orientar voto contrário a mudanças na Previdência

“O Pros vota contra as matérias do Governo há pelo menos quatro anos nessa Casa, então não vai ser novidade nenhuma o Pros votar contra”.

‌Vereador Gardel Rolim (PDT), após o líder do Pros, Pedro Matos, orientar a bancada a votar contra a proposta com mudanças na Previdência de Fortaleza. Na primeira vez que a matéria esteve na Casa, Matos liberou a bancada.

  -  

‘Isso é eficiência’, diz Adail sobre mudanças na Previdência estarem na pauta da Câmara desta terça

“A pauta é feita assim. Apareceu ontem à noite e veio na pauta hoje. Isso é eficiência da presidência”

Vereador Adail Júnior (PDT),  após parte da oposição reclamar do horário em que a proposta com mudanças na Previdência dos servidores municipais chegou à Câmara Municipal de Fortaleza, na noite de segunda-feira (1º). Nesta terça (2), a matéria começou a tramitar.

Foto: Isanelle Nascimento
  -  

Em Brasília, Camilo Santana participará virtualmente de reunião com presidente da Câmara

Além da visita ao laboratório que representa a vacina Sputnik V, o governador Camilo Santana (PT) também participará hoje (2), em Brasília, de reunião com o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP). O parlamentar reúne cerca de 20 governadores para discutir a crise sanitária. Em Brasília, Camilo participará remotamente do encontro, informou a assessoria de Lira.

Foto: Natinho Rodrigues